terça-feira, 10 de janeiro de 2017

.
9-ULTRA FLEX
MARTA
video


.
.

GRANDES LIVROS/31

AUTORES DO MUNDO

KEN KESELEY


7- UM ESTRANHO NO NINHO

video


8- UM ESTRANHO NO NINHO

video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
HOJE  NO
  "i"

Há uma montanha em Java onde
 as relações sexuais com 
desconhecidos são um ritual 

A bênção só é alcançada se se fizer sexo com um desconhecido.


Gunung Kamukus é uma montanha situada em Java, a principal ilha da Indonésia, que recebe, a cada 35 dias, muçulmanos de todo o país para participarem num ritual.

De acordo com a BBC, a prática envolve adultério em troca de boa sorte. Desta forma, assim que cai a noite, os peregrinos acendem velas e sentam-se nas enormes raízes de figueiras.

Estima-se que naquele local estão guardados restos mortais de um lendário príncipe, juntamente com a sua amante e que o jovem príncipe, Pangeran Samodro, fugiu com a rainha Nyai Ontrowulan, que era sua madrasta e amante. Os dois terão estado escondidos naquela montanha até ao dia em que foram apanhados a ter relações sexuais. Estes foram assassinados e enterrados no cume da montanha Gunung Kemukus.
 .
Assim, os peregrinos acreditam que se forem cometidos adultérios naquela montanha, serão abençoados com sorte, afirma Seoparno, psicólogo social que estudou o ritual durante 30 anos.
A BBC avança que o ritual é iniciado com orações e oferendas de flores ao túmulo do príncipe e da sua amante. Em determinada altura, os peregrinos devem tomar banho nos riachos que por ali se encontram, antes de fazerem sexo com uma pessoa desconhecida.

A relação sexual tem que ser feita com alguém que não seja nem esposa nem marido e tem que acontecer ao longo de 35 dias, sete vezes consecutivas. Se por algum motivo essas sete vezes não forem cumpridas, o ritual começa de novo.

* Solicita-se à TAP a criação duma linha directa sem escala para Gunung Kamukus.

.
.

V-O ENCANTO DO
AZUL PROFUNDO


3 -África


video

* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
HOJE  NO
"A BOLA"
Jorge Jesus é o 20.º treinador 
mais conceituado da Europa

Jorge Jesus ocupa a 20.ª posição da lista de treinadores mais conceituados da Europa elaborada pela consultora espanhola `Comunicar é Ganhar´.

O estudo, referente aos últimos quatro meses, coloca o italiano Antonio Conte no primeiro lugar, seguido de Zinedine Zidane e Carlo Ancelotti, respetivamente segundo e terceiro classificados.

José Mourinho, na nona posição, e Leonardo Jardim, 13.º do ranking, são os outros representantes portugueses no top-20.

* Apesar de sportinguistas consideramos que Rui Vitória merecia figurar na lista. Não esquecer que JJ só ganhou campeonatos no Benfica.

.
.
 II-VIAGENS DE DESCOBERTA

 5- A REALIZAÇÃO
 DO CAPITÃO COOK

video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
 HOJE NO  
"AÇORIANO ORIENTAL"

Casino de Ponta Delgada abre 
"dentro de poucas semanas"

A empresa concessionária do casino de Ponta Delgada, na ilha de São Miguel, anunciou hoje que a infraestrutura "iniciará atividade dentro de poucas semanas", faltando apenas chegar o "último lote de equipamento".
.

"O casino de Ponta Delgada iniciará a sua atividade dentro de poucas semanas e contará, no arranque, com 35 colaboradores", disse à agência Lusa a administradora, Vânia Paim.

A administradora da Romanti Casino Azores - Jogo e Animação Turística, SA. adiantou que está também a ser terminada a instalação dos sistemas de gestão e do sistema do Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos.

A Romanti é a única empresa autorizada pelo Governo Regional a assumir a posição de concessionária da exploração, em exclusivo, de jogos de fortuna ou azar na ilha Terceira, com uma sala de máquinas de jogo, e, na ilha de São Miguel, com um casino.

A possibilidade de existir jogos de fortuna ou azar nos Açores remonta a 2003, quando foi celebrado o primeiro contrato com a Atlântida Sociedade de Turismo e Animação, SA. (ASTA).
Em 2014 o Governo dos Açores decidiu alterar as condições do contrato e a cessão da posição contratual da concessionária para a empresa Romanti Casino Azores - Jogo e Animação Turística, SA.

No entanto, o calendário aprovado pelo executivo açoriano, liderado pelo socialista Vasco Cordeiro, determinava que a 28 de janeiro de 2016 estivessem a funcionar o casino, entre outros investimentos.
Fonte da vice-presidência do Governo Regional explicou não haver lugar a coimas pelo incumprimento, uma vez que "houve sucessivas prorrogações do prazo devidamente justificadas", sendo que no caso da Terceira a sala de máquinas de jogos (tipo ‘slot machine’) "já está em funcionamento".

Numa informação escrita enviada à agência Lusa, o Turismo de Portugal referiu que o processo de instalação do primeiro casino nos Açores tem sido acompanhado pelo Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos e que "ainda não é conhecida uma data concreta para a abertura do casino”.
De acordo com a mesma entidade, a exploração e a prática dos jogos de fortuna "só são permitidas nos casinos existentes em zonas de jogo criadas por decreto-lei".

"Atualmente existem dez zonas de jogo, Algarve, Estoril (abrange Lisboa), Troia, Figueira da Foz, Póvoa de Varzim, Espinho, Vidago-Pedras Salgadas, Açores, Funchal e Porto Santo", refere o Turismo de Portugal, acrescentando que no total estão legalmente a funcionar em Portugal 11 casinos.

O casino de Ponta Delgada vai ficar instalado no edifício do único hotel de cinco estrelas em funcionamento na cidade.

* Com tanta beleza natural porque preferirão os açorianos encher os alforges da senhora Paim e apaniguados?

.

PAULA FERREIRA

.





O homem que lutou até ao fim

Os acontecimentos de ontem nas ruas de Lisboa e no Mosteiro dos Jerónimos espelham tudo daquilo que foi Mário Soares. O povo quis estar presente na última homenagem ao homem que marcou o século XX português. Ofereceram-lhe flores e, no silêncio exigido pela cerimónia fúnebre, irromperam as velhas palavras de ordem que fazem parte das nossas vidas. "Soares é fixe!" Haverá homenagem mais bonita?

Sim, Soares é fixe. Só um homem assim podia juntar, na hora da despedida, um desfile tão heterogéneo e democrático nos Jerónimos. Os portugueses foram verdadeiramente iguais no último adeus a Mário Soares. Notáveis e anónimos lado a lado: por momentos, esquecemos que Pedro Passos Coelho, na fila da homenagem, foi primeiro-ministro. E tantos outros ilustres que por ali passaram, e a todos João e Isabel Soares, com uma enorme dignidade, abraçaram e beijaram.
.
Soares foi estadista, estratega, ideólogo, um grande político. Todos reconhecem esse legado. O que mais importante fica do último adeus é o homem. O que lutou até ao fim por ideais democráticos, embora alguns, usando tática do apoucamento para as vozes incómodas, dissessem que tinha perdido o filtro. Soares apenas foi coerente consigo próprio, até ao fim. Sempre abominou o politicamente correto e, também nesse capítulo, foi fiel até ao fim.
.
Fica também a enorme homenagem a um homem comum, tão forte e, ao mesmo tempo, com as fragilidades de tantos outros: a sua vontade de viver ressentiu-se quando Maria Jesus Barroso, a companheira de uma vida, partiu. Lá estava, aos pés da urna, uma enorme coroas de botões de rosa amarelos, a flor preferida de Maria Barroso, com "o amor dos filhos e dos netos".
.
Com a morte de Mário Soares, desaparece um dos últimos senadores da política europeia. Ele parte sem que o futuro da Europa, este grupo de países nascido para ser solidário, seja claramente definido.
.
Como Francisco, o Papa que o agnóstico Soares admirava, ontem disse, "é muito urgente atualizar a ideia da Europa para dar à luz um novo humanismo, baseado na capacidade de integrar, dialogar e gerar". O nosso antigo presidente da República concordaria. Soares cumpriu o seu papel neste caminho de uma União Europeia fraterna, inclusiva, das pessoas, apesar de nem todos o terem reconhecido, tanto aqui como lá fora. A história, porém, cumprirá o seu papel.

IN "JORNAL DE NOTÍCIAS"
10/01/17

.
.


1107.UNIÃO



EUROPEIA



.
 HOJE NO
"CORREIO DA MANHÃ"

Já morreram 11 pessoas 
nas estradas em 2017

Acidentes rodoviários causaram 11 mortos na primeira semana do ano.

Os acidentes nas estradas portuguesas causaram na primeira semana do ano 11 mortos, mais três do que em igual período de 2016, segundo dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR).
 .
De acordo com dados disponíveis na página da Internet da ANSR, foram registados na primeira semana do ano (entre 01 e 07 de janeiro) 2.292 acidentes, menos 376 do que em igual período de 2016 (2.668), que causaram 11 mortos.

Destes 11 mortos, nove foram registados pela Guarda Nacional Republicana (GNR) e dois pela Polícia de Segurança Pública (PSP).

A ANSR informa também que na primeira semana do ano foram registados 33 feridos graves e 692 feridos ligeiros. No ano passado, em igual período, foram registados 22 feridos graves e 806 ligeiros.

Segundo a ANSR, o distrito com mais vítimas mortais na primeira semana do ano foi Aveiro (com quatro), seguido de Braga, Bragança, Faro, Leiria, Lisboa, Porto e Viseu, todos com um óbito cada.

No que diz respeito ao número de acidentes, Lisboa e Porto foram os distritos onde se registaram mais sinistros, 503 e 437, respetivamente. A ANSR informa ainda que entre 08 de janeiro de 2016 e 07 de janeiro deste ano, foram registados 450 mortos, 2.057 feridos graves.

Os dados da Segurança Rodoviária dizem respeito às vítimas cujo óbito ocorreu no local do acidente ou a caminho do hospital.

* Lembramos que nestas contas não entram os que preferiram ir morrer ao hospital.

.
.

113-BEBERICANDO

video


COMO BEBER "CACHAÇA"




.
.
3-A EVOLUÇÃO DO SEXO

video

* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
HOJE  NO
"OBSERVADOR"

Zafir, a refugiada 
que fugiu do Iraque aos 116 anos

Zafir nasceu em 1900, muito antes de o próprio estado do Iraque ter sido fundado. Aos 116 anos, viu-se obrigada a fugir do seu país e a encontrar refúgio na ilha grega de Lesbos

Quando chegou à ilha de Lesbos, a 24 de fevereiro de 2016, Zafir era a refugiada mais velha que ali estava. Tinha 116 anos — mais do que o próprio estado do Iraque, onde nasceu a 1 de julho de 1990 –, e escapar do Estado Islâmico foi apenas mais uma das batalhas que enfrentou ao longo da vida, marcada por duas guerras mundiais e dezenas de conflitos no Médio Oriente. Ao jornal espanhol El Mundo, Zafir conta que o segredo da sua longevidade é “ter um espírito de criança durante toda a vida, e permanecer com a família inclusivamente depois de crescer”.
 .
Foi o filho, Barakat, a sua mulher e os seus cinco netos que levaram Zafir até à ilha grega, onde se alojaram num acampamento com mais de 6.000 refugiados. Desde o dia em que chegou a Lesbos, passou por vários outros acampamentos na Grécia, acabando no de Nea Kavala, junto à fronteira com a Macedónia — onde se viu obrigada a parar a sua fuga por esta estar fechada.

Por ser uma pessoa com muitas dificuldades, foi levada pelas autoridades para um edifício especial num outro acampamento, onde viveu mais de quatro meses. De lá saiu para Atenas, onde a família está neste momento a preparar-se para voar para a Alemanha, ainda este mês.

A organização não-governamental Yazda, que luta pelos direitos da comunidade Yazidi, uma minoria religiosa que habita na Síria e no Iraque, foi a principal responsável pelo apoio a Zafir. “Comecei os preparativos para a retirar da Grécia numa viagem que fiz, em julho do ano passado, quando me dei conta da enorme dificuldade de obter um visto humanitário para ela”, explica Kristina, uma voluntária da Yazda ouvida pelo jornal espanhol. Foi quando se encontrou com uma delegação alemã no campo de refugiados que a voluntária conseguiu colocar Zafir em contacto com o GRC (Greek Refugee Council), que chegou finalmente a uma solução para a refugiada mais velha do Iraque.

O GRC, que tem mais de 60 mil pedidos de asilo pendentes de refugiados que estão na Grécia, vai agora alojar Zafir e a família na Alemanha.

* Haverá alguém mais valente?? É melhor relativizarmos tudo!

.
.

Roberto Carlos

Unforgettable

video

.
.
HOJE   
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"
Morreu Clare Hollingworth, a jornalista
.que anunciou início da II Guerra Mundial

Hollingworth deu a notícia da invasão da Polónia pela Alemanha na primeira semana de trabalho como correspondente. Morreu aos 105 anos

A veterana correspondente de guerra britânica Clare Hollingworth, que deu a notícia de que a Segunda Guerra Mundial tinha começado, morreu hoje aos 105 anos.
 .
A amiga da família Cathy Hilborn Feng confirmou à agência France Presse que Hollingworth morreu em Hong Kong, onde vivia há 30 anos.
 .
A família divulgou uma curta declaração numa página na rede social Facebook com o seu nome, lembrando a "ilustre carreira que atravessou um século de notícias".

Cate Hollingworth testemunhou os horrores da guerra no Vietname, Argélia, Médio Oriente, Índia e Paquistão, bem como a Revolução Cultural na China.

Mas é sobretudo lembrada pelo seu "furo" sobre a II Grande Guerra em 1939, no início da sua carreira, aos 27 anos. Deu a notícia da invasão da Polónia pela Alemanha durante a sua primeira semana de trabalho como correspondente do The Daily Telegraph.

Em outubro, comemorou o seu 105º aniversário no Clube dos Correspondentes Estrangeiros (FCC na sigla em inglês) em Hong Kong.

"Estamos muito tristes por saber da morte de Clare. Ela foi uma extraordinária inspiração para todos nós e um estimado membro do nosso clube", disse a presidente do FCC, Tara Joseph.

* Partiu a mulher sem medo que denunciava os horrores da guerra.

.
.
HOJE  NO
"RECORD"
The Best FIFA: 
Roubado o relógio que era para Ronaldo

A segurança foi apertada, não estivessem presentes os nomes mais importantes do futebol mundial e, também, por ter sido realizada na Suíça, mas, mesmo assim, a gala de entrega dos prémios The Best FIFA acabou por ficar marcada por um roubo que afetou diretamente o protocolo de reconhecimento dos vencedores. 
.
"PRIMOS" DO RELÓGIO ROUBADO
É que, segundo adiantou esta terça-feira um porta-voz da FIFA, foi apresentada uma queixa nas autoridades helvéticas por causa do roubo de seis relógios de luxo nas horas que antecederam o evento, peças essas que estavam destinadas aos vencedores da noite, entre os quais Cristiano Ronaldo, eleito como o melhor jogador do Mundo.

O modelo em causa, o 'Big Bang Football', da Hublot, está avaliado em 93 mil euros e deveria ser entregue durante o evento. Ora, sem essa peça, a marca suíça acabou por ceder um modelo diferente para o ato publicitário que se seguiu, comprometendo-se a enviar o relógio inicialmente previsto numa outra data.

* Surreais os helvéticos.

.
.


SOS MÃE

Tem duas filhas com microcefalia 
e dá lição de vida

video

Ana Hickmann visitou uma mulher que encara uma linda superação de vida, criar duas filhas vítimas da microcefalia. Ela viu-se diante deste desafio muito antes da doença ficar mais conhecida dos brasileiros, com o surto do zika vírus.


.
.
HOJE NO 
"JORNAL DE NOTÍCIAS"

Terreno também vai determinar IMI

Novas regras aplicam-se a 26 tipos de imóveis e entram em vigor esta terça-feira.

Em abril de 2013, o Supremo Tribunal de Administrativo deu razão aos proprietários da Praça de Touros de Albufeira que reclamavam que a avaliação do imóvel, para efeitos do imposto municipal sobre imóveis (IMI), não tinha sido realizada corretamente. Resultado: o valor patrimonial do recinto baixou de 2,57 milhões para cerca de 1,3 milhões de euros. Daqui em diante, este tipo de contendas entre o Fisco e os contribuintes será mais raro já que esta segunda-feira foi publicada a lista de imóveis que, a partir de agora, terão sempre de ser avaliados à luz do custo de construção adicionado do preço do terreno e não da fórmula geral usada nas casas.
.
A publicação desta listagem de imóveis estava prevista no Orçamento do Estado para 2016. E esta era a peça do puzzle que faltava para ficar previsto na lei que quando os critérios "normais" para a avaliação de um imóvel (nomeadamente a área e os coeficientes de vetustez, conforto, afetação e localização) não podem ser aplicados, deve utilizar-se "o método do custo adicionado do valor do terreno". Ou seja, o referido preço de construção somado do preço do terreno (que habitualmente está em linha como seu valor comercial) - tal como previsto no artigo 46.º do Código do IMI.

A lista dos imóveis é extensa e inclui equipamentos tão diversos como pavilhões multiúsos, estádios e outros recintos multidesportivos, barragens, campos de golfe, parques temáticos, moinhos e azenhas, postos e torres de telecomunicações, centros de tratamento de águas residuais ou postos de abastecimento de combustíveis. Instalações de lavagem de automóveis, construções precárias, rulotes e contentores, parques de campismo, e instalações de produção, armazenagem e transporte de eletricidade e de gás integram também a listagem agora publicada.

Esta mudança ao Código do IMI, que produz efeito a partir desta terça-feira, vem na prática reconhecer que a fórmula geral de avaliação (com base nos coeficientes e na área) acaba por não permitir "satisfatoriamente o apuramento" do valor patrimonial de alguns prédios comerciais, industriais e de serviços.

António Gaspar Schwalbach, advogado e coordenador da área fiscal da Telles de Abreu, acentua que estas novas regras apenas se aplicam nas avaliações e construções futuras. Isto é, "aplica-se às avaliações cujas declarações" sejam entregues a partir desta terça-feira.

Alguns dos casos que aquele jurista acompanhou e conhece e que foram até à barra dos tribunais revelaram-se favoráveis aos proprietários. Foi o que sucedeu com algumas praças de touros, mas também com parques eólicos.

Aliás, a diferente tributação dos parques eólicos levou a que o Fisco produzisse um ofício onde determinava que este tipo de imóveis fosse sempre avaliado pelo método do custo adicionado do valor do terreno.

* É melhor ficar atento para não haver surpresa desagradável.


.
.

HOJE NO 
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS
DA MADEIRA"
Não existe na Madeira 
uma taxa extraordinária de 15% 
sobre os produtos petrolíferos

Governo Regional recorda que os preços dos combustíveis no continente são mais altos do que os praticados na Madeira
.

O Governo Regional acaba de emitir um esclarecimento que alude a informações incorrectas com origem numa Proposta de Resolução apresentada pelo CDS/PP na Assembleia Legislativa da Madeira. E deixa claro que “não existe na Região Autónoma da Madeira uma taxa extraordinária de 15% sobre os produtos petrolíferos”.

“Antes pelo contrário, as taxas e encargos sobre os referidos combustíveis na Madeira são manifestamente inferiores às praticadas no continente que, inclusivamente, impõe aos portugueses do Continente uma contribuição sobre o sector rodoviário como se ilustra no quadro anexo, medida tomada pelo anterior Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais do CDS-PP, como forma de financiar as Parcerias Público-Privadas das Estradas de Portugal, concretamente a concessionária BRISA”.

Na sequência da notícia publicada hoje pelo DIÁRIO intitulada “Ano novo - preços a disparar”, o Governo diz que, “no que se refere à gasolina, comparativamente ao Continente, a Madeira apresenta um imposto inferior em 4,51%. No gasóleo rodoviário o ISP é inferior em 17% e no gasóleo colorido e marcado a diferença de tributação para menos é ainda mais evidente, sendo o ISP da Região inferior ao do Continente em 28%”.

“A comprovar estas diferenças no Imposto sobre os Produtos Petrolíferos estão também os preços praticados na Região que, tal como espelha o quadro publicado na edição de hoje do DIÁRIO de Notícias da Madeira (página 6), comprovam que o preço dos combustíveis é inferior na Madeira comparativamente ao Continente, exatamente dada a menor carga fiscal, no que constituiu uma medida tomada pelo actual Governo em fevereiro de 2016”, adianta o comunicado emitido pela Secretaria Regional do Plano e Finanças”, adianta.

“Com efeito, em referência aos preços praticados em Portugal Continental, a gasolina na Região custa menos 4,1%; o gasóleo rodoviário menos 8% e o gasóleo colorido e marcado menos 15%. Convém relembrar que face à nossa condição insular, só com a intervenção directa do Governo Regional no cálculo e fixação dos preços tal é possível, uma vez considerado o sobrecusto de transporte e acondicionamento inevitável no abastecimento de combustíveis a um arquipélago. Fica assim esclarecido e ilustrado todo o processo, desmontando-se a teoria da sobretaxa (virtual) de 15%, bem como a questão dos preços em vigor”, conclui a nota governamental.

* Para esclarecer os madeirenses.

.
.

 O SAMURAI E 
A MELANCIA


video


.
.
HOJE  NO
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

Empresas de transporte 
apresentaram recurso sobre
 'swap' no tribunal superior inglês

Os metros de Lisboa e do Porto, a Carris e a STCP apresentaram esta terça-feira ao Supremo Tribunal inglês recurso da decisão de Dezembro do tribunal que reafirmou a validade dos contratos 'swap' com o Banco Santander Totta.

De acordo com fonte oficial do Ministério das Finanças, o recurso "visa os sete contratos incluídos no âmbito da decisão do Appeals Court, prevendo-se que venha a ser admitido pelo Supremo Tribunal inglês, uma vez que respeita a questões com uma grande relevância social que podem ter impacto nos demais países da União Europeia".
 .
O Negócios tentou obter informações, esta manhã, junto do Ministério das Finanças, mas ainda não obteve resposta.

As empresas de transportes públicos consideram que o tribunal britânico de primeira instância e o tribunal de recurso "interpretaram erradamente o artigo 3.º, n.º 3 da Convenção de Roma, ao terem considerado que as normas imperativas de direito português (sobre alteração anormal de circunstâncias) não são aplicáveis aos contratos 'swap'".

Estas empresas entendem que as normas imperativas de direito português são efectivamente aplicáveis a esses contratos celebrados com o Banco Santander Totta.

O prazo legal para a apresentação de recurso junto do tribunal britânico de última instância terminava esta terça-feira, 10 de Janeiro.

Um 'swap' é um contrato de cobertura de risco que consiste em fixar uma taxa de juro de um empréstimo com a obrigação de uma das partes pagar a diferença entre a taxa fixa e taxa que varia de acordo com as taxas de juro de referência.

O tribunal de segunda instância (High Court) de Londres rejeitou a 13 de Dezembro um recurso das quatro empresas públicas portuguesas, mantendo a decisão da primeira instância que determinou a validade dos contratos 'swap' com o Banco Santander Totta (BST).

O conflito entre o BST e as empresas de transportes remonta ao início de 2013, altura em que as empresas públicas de transportes de passageiros consideraram inválidos os contratos 'swap' celebrados com o banco, suspendendo os respectivos pagamentos.

Inicialmente, os contratos 'swap' geraram resultados positivos para as empresas públicas, mas, devido à redução das taxas de juro na sequência da crise financeira global e às penalizações previstas nos contratos, as companhias ficaram obrigadas a pagar ao banco taxas de juro de cerca de 30% a 92%.

* O que Sócrates e Passos/Portas fizeram a empresas portuguesas.

.
.
HOJE  NO
"DESTAK"

Carla Andrino luta contra cancro da mama

«Para evitar sensacionalismos, especulações ou deturpaçoes da verdade, em primeira mão, vos informo que há três meses me foi diagnosticado um cancro da mama», partilhou a atriz Carla Andrino com os seus seguidores no Facebook. 
 .
Nesta rede social, a artista de 50 anos conta que foi submetida a uma mastectomia e encontra-se «em franca recuperação». «Em breve, iniciarei o tratamento. Rodeada de uma equipa multidisciplinar de excelência, com o apoio e o carinho da minha família e de alguns amigos mais próximos, sinto-me emocionalmente forte e muito confiante», adianta.

«Dentro do possivel, tenho-me mantido ativa e honrado os meus compromissos profissionais. Embora consciente da seriedade da situação, estou determinada a vencer esta batalha. O meu foco está na cura. É um momento meu e da minha família e peço a todos, mais do que nunca, que o respeitem. É minha intenção não prestar mais esclarecimentos até que me pareça pertinente fazê-lo. Muito obrigada», escreve em jeito de despedida.

Logo na primeira hora de publicação, o comunicado emocionado da atriz foi alvo de mais de 260 comentários, exortando as melhoras da atriz, para que esta tenha força e coragem durante o processo de recuperação.

Conhecida cara do humor português, Carla Andrino pode agora ser vista na nova série de época da RTP1, Ministério do Tempo. Casada com o maestro Mário Rui desde 1986, é mãe de Marta, também ela atriz, e de Martim. É formada e dá consultas de Psicologia. 

* Temos a certeza de que vai vencer a doença.

.