sábado, 17 de dezembro de 2016

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.

XVIII-SEM VERGONHA


ZOOM ZOOM NOCTURNOS



ATÉ AO PRÓXIMO SÁBADO

A NOSSA FICÇÃO
A MÓNICA MOREIRA LIMA, jornalista de profissão não chegavam as notícias comezinhas do quotidiano, nem que fosse uma bomba de neutrões.
Pensou, pensou, engendrou equipa tão louca como ela, baratinou os maiorais da TV GUARÁ e "amadrinhou"o "SEM VERGONHA" programa despudorado tão ao nosso gosto, cheio de pimenta por todo o lado, sem qualquer grosseria e divertido.
Ela só pode ser inteligente e boa!

O QUE DIZ A AUTORA
O Sem Vergonha é o programa mais polémico e irreverente da TV brasileira. Já rendeu vídeos para os quadros Top Five do CQC e Passou na TV do Agora é Tarde, ambos da BAND. Foi tema de uma matéria de duas páginas na maior revista de circulação nacional, a VEJA. E culminou com uma entrevista antológica ao Rafinha Bastos, no Agora é Tarde. Todos os programas estão disponíveis no blog e no YouTube. Não recomendo sua exibição para menores de 18 (anos ou cm) para evitar traumas futuros. Falo de sexo sem pudor, sem frescuras, sem meias palavras, sem eufemismos e com muito bom humor. Advertimos que o Sem Vergonha pode provocar ereções involuntárias e uma vontade irreprimível de dar, sem restrições de orifícios.


FONTE: TV GUARÁ

.


6-VOLUMETRIA


.
.
BICHAS MODERNAS
CONTRA CONCERTO
DE SIZZLA



FONTE: PROGRAMA "ESTADO DE GRAÇA"  RTP/1

.


5-VOLUMETRIA


.
.

2- INFARTO AGUDO
DO MIOCÁRDIO

FISIOPATOLOGIA II



Uma interessante série conduzida pelo  Dr. António Luiz da Silva Brasileiro, Mestre em Cardiologia pela UERJ, Chefe do Ambulatório de Adultos do Instituto Nacional de Cardiologia.

* Uma produção "CANAL MÉDICO"

* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.

4-VOLUMETRIA


.
.
De onde vêm os gênios!



FONTE: NERDOLOGIA

.

3-VOLUMETRIA



.

MARIA HELENA MAGALHÃES

.




Posta em sossego à força!

A coleção que uma longa batalha judicial conseguiu subtrair à fúria mercantilista do anterior governo.

Aí está ela, posta em sossego e à vista de quem quiser visitá-la, na Casa de Serralves – desde o passado dia 1 de outubro e até 28 de janeiro p.f. –, a coleção Joan Miró, pertença do Estado português após a nacionalização do Banco Português de Negócios (BPN) em 2008. Está no Porto e no Porto ficará definitivamente – depois das necessárias obras de adaptação em Serralves. A coleção que uma longa batalha judicial conseguiu subtrair à fúria mercantilista do anterior governo, apostado no ver-quem-dá-mais – ou nem isso... – de tudo quanto lhe parecesse capaz de render dinheiro. Em nome do superior interesse pátrio, do respeito escrupuloso dos ditames da troika, a bem-aventurada que nos iria resgatar da bancarrota e condenar à pobreza controlada para não mais vivermos acima das nossas possibilidades, Portugal devia despojar-se de toda a riqueza que pudesse ser transformada em bens transacionáveis, a bem dos mercados e... da tal “saída limpa”, e que limpa! Viu-se!

Não passar a patacos a coleção Miró esteve longe de ser uma decisão consensual, pois o dinheiro resultante das obras mercadejadas havia de servir para tapar algum buraco nas contas públicas, e as obras de arte, além do mais, não servem para encher a barriga a ninguém e em Portugal há quem
não tenha o suficiente para comer. E muitos a quem a maldita crise que nos tolheu lançou no desespero. Pois! Bem haja quem se atravessou no caminho dos bufarinheiros da pátria!

Se a arte não enche barriga, o que é discutível, o medo matará a fome? Também não é previsível, todavia acontece. Os últimos relatos vindos de Alepo, a cidade mártir que o regime sírio quer retomar sem olhar a meios nem a vidas, dão conta da inimaginável condição dos milhares de civis encurralados nos escombros da guerra que desesperadamente procuram refúgio, sem saber como nem onde. A anunciada trégua que os inefáveis amigos russos de Assad deram por garantida aumentou o banho de sangue, já que os combates prosseguiram, porventura mais ferozes. É incalculável o número de vítimas, mas sabe-se que muitas, mesmo muitas, são crianças! Os depoimentos dos refugiados que nos chegam – e nem é bom falar dos refugiados que já chegaram à democrática, cristã e solidária Europa... – são de estarrecer: não há medicamentos, não há água, não há eletricidade, não há alimentos, nada! E... “o medo tira-nos a fome”! Vergonha!

É este o mundo que aguarda o novo secretário-geral das Nações Unidas (ONU). António Guterres prestou juramento, na passada segunda- -feira, na Assembleia-Geral da ONU, cujo presidente, Peter Thomson, afirmou estarmos perante “um líder para este tempo quando temos de transformar o mundo para ser um melhor lugar para todos”. Palavras de circunstância, elogios a rodos, mesmo para o desenxabido Ban Ki-moon, felizmente de saída. Guterres toma posse no próximo dia 1 de janeiro.

Oxalá o deixem pôr-se em sossego, mesmo que seja à força! O mundo não vai mudar porque vai entrar em cena um novo senhor da ONU. O mundo pode mudar se alguém conseguir mudar a ONU. E isso não é tarefa de um homem só.

* Gestora

IN "i"
14/12/16

.
.


1083.UNIÃO



EUROPEIA



2-VOLUMETRIA


.
.
A INVENÇÃO
DA RELIGIÃO 



FONTE: "CICLISTASEMDEUS"

.
.
X-VIDA SELVAGEM
3- Os últimos cavalos selvagens
da Europa


.

1-VOLUMETRIA


.
.
RECORDANDO


CARLOS GARDEL

Adios Muchachos


.
.
HOJE 
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Trump admite que os seus apoiantes
. foram "maus e violentos"

Várias pessoas foram presas por agressão nos comícios de Trump e o presidente eleito até insinuou que alguém deveria agredir Hillary Clinton ou dar-lhe um tiro 

Donald Trump assumiu esta sexta-feira que os seus apoiantes foram violentos durante a campanha à presidência. As agressões e mensagens agressivas marcaram presença em muitos comícios do republicano e Trump foi acusado várias vezes de incitar à violência.
.
"Vocês foram maus e violentos. Gritavam 'onde está o muro? Queremos o muro'. Gritavam 'Prisão. Prisão. Prendam-na'. Quero dizer, vocês ficaram malucos. Quero dizer, vocês foram nojentos e maus e perversos e queriam ganhar, certo?", disse Donald Trump, na Flórida, uma das paragens da tour de agradecimento pela vitória nas eleições.

"Mas agora vocês estão mais brandos e calmos e não tão maus e violentos, certo? Porque nós ganhámos, certo?", continuou o presidente eleito, segundo a CNN.

Apesar da declaração do presidente, o público gritou "Prendam-na" em coro duas vezes, referindo-se a Hillary Clinton.

Várias pessoas foram presas por agressão nos comícios de Donald Trump e o próprio candidato insinuou algumas vezes que alguém deveria agredir Hillary Clinton ou até dar-lhe um tiro.
Durante a campanha, Trump não poupou jornalistas, chamando-os nojentos frequentemente, nem os manifestantes.

"Gostaria de dar-lhe um murro na cara", disse Trump, em fevereiro, num comício em Las Vegas, segundo a CNN, referindo-se a um protestante "nojento" que estava no recinto. "Nos bons velhos tempos", continuou o presidente, "pessoas assim seriam retiradas em macas do hospital".

Bryan Sanders foi um dos manifestante agredidos nos comícios de Trump. O homem exibia um cartaz num comício em Tucson, no estado do Arizona, quando foi esmurrado várias vezes.

Sanders contou o episódio na reportagem da revista Time sobre a violência na campanha eleitoral, mas quase não foi preciso, pois o vídeo da sua agressão tornou-se viral na internet.

As imagens mostram Sanders a ser violentamente agredido por um homem enquanto as outras pessoas dão gritos de apoio e aplaudem, e uma mulher com um pano branco na cabeça faz a saudação Nazi.

Por outro lado, esta reportagem mostrou que nem toda a violência foi iniciada por apoiantes de Trump. Frank Milstead, diretor do departamento de segurança pública do Arizona, acompanhou vários encontros políticos ao longo da sua carreira e fala de "atos aleatórios de violência" sem precedente.

* Onde é que um líder é diferente dos apoiantes???

.
.
HOJE 
"RECORD"

Prova da Nazaré do circuito mundial
 de ondas gigantes arranca 3.ª feira

O Nazaré Challenge, quinta etapa do circuito mundial de surf em ondas gigantes, vai arrancar na terça-feira, na Praia do Norte, confirmou este sábado a organização da prova à agência Lusa.
 .

A Nazaré vai receber a primeira prova em mar português deste circuito, que conta com mais cinco etapas, duas das quais já disputadas no México e no Havai, onde se sagraram vencedores o sul-africano Grant Baker e o havaiano Billy Kemper, respetivamente.

A prova nazarena aguardava desde 15 de outubro e até 28 de fevereiro de 2017 ondas entre os seis e os 12 metros para o seu arranque, agendado para terça-feira, às 08:00, meia hora depois da chamada para confirmação das condições do mar.

Entre os surfistas confirmados no Nazaré Challenge estão, além de Baker, atual campeão do mundo, os norte-americanos Damien Hobgood e Greg Long, ex-vencedor do circuito, o brasileiro Carlos Burle e o britânico Andrew Cotton.

Hugo Vau, Alex Botelho, João de Macedo e António Silva constam também no alinhamento de 24 surfistas que vão estar na competição que tem um prémio monetário de 100.000 dólares (cerca de 91.000 euros).

Cada 'heat' da prova vai opor seis surfistas, durante 45 minutos, qualificando-se para as rondas seguintes os três primeiros.

* Nunca é demais agradecer a McNamara por ter posto a Nazaré no pódio das ondas.

.
.
A evolução da sunga em 100 anos



FONTE: CONSCIÊNCIA ECOLÓGICA

.
.

HOJE NO
"CORREIO DA MANHÃ"

Marcelo medeia conversa entre
 Luís Miguel Cintra
 e ministro para evitar fim da Cornucópia

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, serviu hoje de mediador numa conversa entre o fundador e diretor do Teatro da Cornucópia, Luís Miguel Cintra, e o ministro da Cultura para evitar o fim desta companhia.
 .
Esta conversa, que em que também participou a codiretora deste teatro, Cristina Reis, decorreu no palco da Cornucópia, e não teve um desfecho claro, mas terminou com o ministro Luís Castro Mendes a afirmar que "as conversações estão em curso, e continuam em curso".

O chefe de Estado decidiu ir ao Teatro da Cornucópia no dia para o qual estava anunciado o seu encerramento, e chegou a conduzir, sozinho, cerca das 15:00. Esta sua iniciativa levou o ministro da Cultura a cancelar uma visita a Castelo Branco e a dirigir-se também ao local.

* O Presidente sabe  do valor intrínseco daquele teatro.

.
.
ESTA SEMANA NO  
"OJE/JORNAL ECONÓMICO"

Primeiros 33 lugares do ranking
 das escolas secundárias são
 ocupados por estabelecimentos privados

Os primeiros 33 lugares do ranking das escolas secundárias são ocupados por estabelecimentos privados, contra 26 no ano passado, tendo em conta as médias alcançadas nos exames nacionais da primeira fase pelos alunos internos.
.
A melhor classificação em exame foi novamente obtida pelo Colégio Nossa Senhora do Rosário, no Porto, com média de 15,98 valores, num total de 488 provas. A Classificação Interna Final (CIF), resultante da avaliação contínua e do exame, foi de 17,37 valores.

Entre as escolas públicas, o melhor desempenho em exame foi alcançado pela Escola Básica e Secundária D. Filipa de Lencastre, em Lisboa. Surge na 34.ª posição numa tabela que contempla 519 estabelecimentos de ensino públicos e privados.

O segundo lugar na tabela geral (público e privado) pertence ao colégio St. Peter School, em Palmela, no distrito de Setúbal, com uma média de 14,49 valores em exame (CIF 15,40) e 192 exames realizados. Segue-se o Colégio S. João de Brito, em Lisboa, com média de 14,55 valores em 339 exames. A média da CIF foi de 14,72 valores.

A maioria das escolas teve média negativa nos exames de Português do 9.º ano e apenas 20% conseguiu positiva a Matemática, segundo dados do Ministério da Educação que revelam uma ligeira descida das notas. Os resultados globais dos exames de Matemática e de Português realizados no ano passado pelos alunos do 9.º ano revelam que, em média, as notas baixaram um pouco quando comparadas com o ano anterior, segundo uma análise feita pela Agência Lusa com base nos dados disponibilizados no site do Ministério da Educação, InfoEscolas.

Entre as 1.230 escolas que levaram alunos a exame, apenas 306 registaram média geral positiva nas duas provas, ou seja, três em cada quatro escolas tiveram “negativa” (75%), enquanto no ano anterior as negativas atingiram 70% dos estabelecimentos escolares.

Novamente este ano, os alunos das escolas privadas conseguiram melhores resultados médios nos exames quando comparados com os das escolas públicas, voltando a colocar os estabelecimentos de ensino particular e cooperativo nos primeiros lugares dos rankings feitos pela Lusa.

Nas 1007 escolas públicas, 84% dos estabelecimentos tiveram média negativa, enquanto a maioria das 223 escolas privadas conseguiu ter positiva (64%). Nos primeiros 42 lugares da tabela da Lusa surgem apenas escolas privadas, que são encimadas pelo Externato As Descobertas (média 4,5), em Lisboa, seguindo-se o Colégio Horizonte (4,36), no Porto, e o Colégio Novo da Maia (4,30).

A primeira pública surge em 43.º lugar e é a Escola Secundária D. Manuel I, em Beja, com média de 3,75, seguindo-se a Escola Secundária Infanta D. Maria, em Coimbra, que fica em 47.º lugar da tabela geral com uma média de 3,72.

* Não se pode comparar ensino privado com público onde a heterogeneidade é muito maior e há grandes problemas sociais por resolver. 
O ensino público não é ensino "queque" elistista onde os meninos provavelmente chegam aos colégios em carros de topo mas com muitos papás a fugirem aos impostos.

.
.
ESCAVADORAS


.
.
HOJE  NO
"A BOLA"
«Cristiano Ronaldo não fugiu aos impostos» 
- Javier Tebas
 .
O presidente da Liga Espanholas de Futebol Profissional (LFP), Javier Tebas, disse que está «convencido» de que Cristiano Ronaldo não cometeu nenhuma fraude fiscal em Espanha.

«Estou convencido de que Cristiano Ronaldo não fugiu aos impostos e que esta história chegou ao fim», disse Javier Tebas este sábado, em declarações à agência EFE.

«O que acontece é que chama muito a atenção que o melhor jogador do mundo, juntamente com Messi, tenha uma estrutura financeira que é perfeitamente válida e que foi mantida durante anos. Quando surgiram dúvidas, ele explicou e regularizou a situação voluntariamente», acrescentou Tebas.

Alguns meios de comunicação espanhóis tinham divulgado informações de que o internacional português desviou, alegadamente, milhões de euros em impostos através de uma sociedade nas Ilhas Virgens.

Já este mês, a Gestifute de Jorge Mendes garantiu que Cristiano Ronaldo declarou todo o seu património e receitas à Agência Tributária espanhola, divulgando mesmo documentação endereçada pelo jogador do Real Madrid.

* Nós desejamos muito que CR7 não tenha cometido ilícito, mas precisamos confirmação oficial.

.
.

ESTA SEMANA
NA "GERINGONÇA"

Huawei inaugura centro de inovação em
. Lisboa e reforça presença em Portugal

A notícia surge no seguimento dos compromissos de investimento assinalados em outubro na China. A Huawei abriu ontem em Lisboa o seu primeiro centro de inovação que pretende ser também uma ponte com a indústria e as empresas portuguesas para a tecnologia.
.
O novo Innovation & Experience Center, localizado no Parque das Nações, representa um aumento dos recursos humanos em Portugal para 200 pessoas, o dobro dos que existem atualmente. O centro irá desenvolver soluções nas áreas da Inteligência Artificial, Internet of Things, soluções de Cloud, tecnologia de 4,5G/5G, Indústria 4.0 e Realidade Virtual.

A multinacional tecnológica comprometeu-se ainda a formar 5000 estudantes universitários nos próximos anos. O intuito é reforçar as competências dos profissionais portugueses nas áreas das tecnologias de informação, antevendo a necessidade de criar empregos em Portugal nestas áreas.

* Tecnologia em Portugal quanto mais melhor mas não a qualquer preço e os chineses são tubarões.

.
.
ISTO INCOMODA???












É A GUERRA NA SÍRIA

.
.

1098
Senso d'hoje

MARISABEL MOUTELA
DEPUTADA À A.R.
PARTIDO SOCIALISTA
"Dia Nacional para a Sensibilização 
da Perda Gestacional" 
 


FONTE: PARTIDO SOCIALISTA

.

ESCOLHAS DE SÁBADO

.
COMPRE JORNAIS







.
.
 GRANDES MAS DOCES


.
.

BOM DIA


.