sexta-feira, 11 de novembro de 2016

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.

11-A ASCENÇÃO

 DO DINHEIRO

O que também grandes banqueiros
e prestigiados políticos não querem
que se saiba acerca do dinheiro

video

* Veja também "O DINHEIRO COMO DÍVIDA" editado nas 5 semanas anteriores ao do início  desta série neste mesmo horário.

** As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.

HOJE  NO
"AÇORIANO ORIENTAL"

Abandono de animais pode
 ser participado 'online'

A Câmara de Angra do Heroísmo disponibiliza um formulário 'online' que permite a denúncia de abandono ou maus-tratos a animais.
  .

"Para aceder a este formulário basta ir a myangra.cmah.pt e selecionar a opção 'participação de abandono ou maus-tratos a animais'", informa a autarquia da ilha Terceira.

Esta medida visa reforçar "a sensibilização contra o abandono e os maus-tratos dos animais no sentido de promover o bem-estar e controlo da população animal".

* Quem abandona animais também não se  importa de abandonar pessoas

.
.
Jo Soares e as Meninas debatem 
 a eleição de Donald Trump

video


.
.

HOJE NO
  "CORREIO DA MANHÃ"
ASAE apreende quase 6.000 litros
 de azeite falsificado

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu quase seis mil litros de azeite falsificado numa empresa do concelho de Penamacor, informou hoje a instituição, em comunicado.
 .

 A operação de fiscalização aconteceu no mês passado, mas só hoje a ASAE explicou que, na ação, chamada "Óleo de ouro III" e dirigida ao circuito de produção e comercialização, foram apreendidos 3.400 litros de azeite falsificado que estava em garrafões e garrafas. O visado foi um importador e embalador de Penamacor, que introduzia no mercado nacional azeite com adição de óleos vegetais. 

A Unidade Nacional de Informações e Investigação Criminal da ASAE presenciou ainda o embalamento de "tempero alimentar" rotulado como azeite e apreende um depósito com 2.400 litros de produto, tendo o valor total da apreensão rondado os 30.000 euros. "No decurso das diligências de investigação a toda a cadeia de comercialização foi apreendido produto em diversos retalhistas e grossistas, localizados em concelhos distintos e instaurado o respetivo processo-crime por fraude sobre mercadorias e géneros alimentícios falsificados, sendo o embalador reincidente pela prática dos mesmos ilícitos", adianta o comunicado.

* Os mixordeiros envenenam os consumidores.
.
.


L Í N G U A


O ESPELHO DA ALMA

video

 MAPUCHES NO CHILE


.
.
HOJE  NO
 "OBSERVADOR"

Ban Ki-Moon acredita que Donald Trump
. não vai recuar no Acordo de Paris

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, disse esta sexta-feira acreditar que o Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, apesar do que tem afirmado, não vai recuar no Acordo de Paris. 
.
O secretário-geral da ONU, Ban Ki-Moon, disse esta sexta-feira acreditar que o Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, apesar do que tem afirmado, não vai recuar no Acordo de Paris.

Em entrevista à agência noticiosa AFP, Ban Ki-Moon disse que pretende conhecer Donald Trump antes de deixar o cargo no final de dezembro.

Ban Ki-Moon disse também esperar falar em breve, por telefone, com o futuro Presidente norte-americano para pedir para os Estados Unidos continuarem a “trabalhar para o bem da humanidade” e a cooperar com as Nações Unidas.
Ele (Donald Trump) fez muitas declarações perturbadoras, mas tenho a certeza de que vai entender a importância, a seriedade e urgência” do Acordo de Paris, sublinhou.
Durante a campanha presidencial, Donald Trump defendeu a reaproximação com a Rússia, ameaçou reduzir a contribuição dos Estados Unidos para a ONU e prometeu retirar os Estados Unidos do Acordo de Paris, assinado por 195 países e ratificado pelos norte-americanos.
Eu ouvi esse tipo de retórica de campanha em muitos países e não apenas nos Estados Unidos”, afirmou Ban Ki-Moon, sublinhando que não está muito preocupado com o que foi dito durante a campanha eleitoral.
Ban Ki-Moon salientou que quando Donald Trump começar a fazer a sua equipa com “especialistas e personalidade com visão, os Estados Unidos continuarão a desempenhar um papel de liderança” nos assuntos mundiais.

* Água na fervura.

.

INÊS SÁ

.





Licenciado, 
especialista ou competente?

Pois parece que pegou moda esta coisa de se inventar licenciaturas, quase como requisito único da (in)competência. Mas apesar destes episódios serem característicos de individualidades de altos cargos, julgo que não será justo particularizarmos os motivos subjacentes a tais episódios.

A verdade é que, lamentavelmente, vivemos numa sociedade que dá demasiada importância aos prefixos e sufixos, não só das habilitações literárias, como também à popularidade do sobrenome com que nos apresentamos. E se aliado a isto ainda tivermos a conjunção “de” ou o “e” a unir o nosso nome completo, é quase garantida a credibilidade da nossa pessoa.

Pessoalmente já tive a possibilidade de viver tanto uma como outra situação e, sinceramente, na minha humilde opinião, ambas roçam o ridículo. Licenciei-me já em idade adulta, o que em conjunto com uma mudança temporária de emprego, me valeu de imediato o “Doutora” antes do meu nome próprio, não só nos mais diversos documentos “oficiais”, como até no trato com colegas, com quem convivia todos os dias. Quem me conhece sabe bem a minha opinião sobre o assunto, ficando esclarecido desde a primeira vez que pronunciam o Dra. antes do meu nome. Recordo-me de explicar, à colega responsável por filtrar as chamadas telefónicas, qual era o meu nome próprio e que para mim, independentemente dos cargos, entre colegas jamais aceitaria tal tratamento. Dessa vez não ganhei, ela explicou-me que tinha ordens superiores que não lhe permitiriam aceder à minha vontade, pelo menos na troca de palavras por telefone.

Também no que toca ao nome de família, eu fui premiada com ambas as conjunções, o que tantas vezes em criança me intimidou, outras tantas quase que me obrigou a não as pronunciar, para me ver ilibada do quase sempre inevitável questionário sobre a minha arvore genológica, como se esta fosse de sangue diferente, de outra família qualquer. Admito, contudo, que já fiz uso ou “gozo” desta moda bem portuguesa de nos tratarmos, particularmente quando privo com pessoas de tal maneira inseguras, que fazem questão de serem tratadas em função das suas habilitações académicas. Aí sim, admito, rapidamente as ponho no sitio, não vão estas continuar a colocar-se num pedestal, que nem com três ou quatro doutoramentos, aos meus olhos, alcançarão.

Por outro lado, o inverso também acontece. Quantas e quantas pessoas, são extremamente competentes, extremamente cultas, extremamente bem formadas, exímias nas tarefas que desempenham, de uma presença sublime e admirável, sem nunca, por motivos que desconhecemos e não nos pertencem, terem posto um pé na universidade? Valem menos por isso? São menos competentes por isso? Claro que não. Nem em Portugal nem em lado nenhum do mundo. São até, frequentemente, pessoas de um nível muito superior comparativamente com diversos doutores, engenheiros, arquitetos, médicos, entre outros tantos profissionais de suposto nível superior!

Já lá vão alguns anos, mas nunca me esquecerei de um dia, acabada de entrar no mundo de trabalho, que questionei o Diretor Comercial daquela multinacional, com centenas de colaboradores, como deveria eu agir perante uma situação com que me havia deparado a determinado momento, dentro daquela empresa. Ele não hesitou, rapidamente me respondeu: “Como farias se esta empresa fosse tua?” Silenciei-me. Ainda a pensar na minha resposta, ele acrescentou: “É então dessa forma que deves fazer.” São muitas vezes, ainda hoje, que me recordo deste voto de confiança, quase como um lema orientador do meu desempenho, seja naquilo que for. Será por ventura fundamental, para se exercer determinada função, ser portador de uma licenciatura? Uma pós-graduação? Um mestrado?

Quantas e quantas pessoas tenho o privilégio de conhecer, que tanto admiro profissional e pessoalmente, com quem tanto aprendo, que nunca sequer completaram o secundário? São muitas, garanto-vos. E se o posto de trabalho que ocupam, fosse da minha (hipotética) empresa, garanto-vos que não os trocaria por nenhum outro, nem mesmo com aqueles que se apresentam com um currículo de quatro ou cinco páginas!

Por último, se é verdade que é feio mentir, inventar habilitações académicas, intitulamo-nos com prefixos que não nos pertencem, também é verdade que somos nós, enquanto sociedade, que ditamos, não raras vezes, esse caminho.

IN "AÇORIANO ORIENTAL"
09/11/16

.
.


1048.UNIÃO


EUROPEIA


PERIGOSAMENTE!

.
.

HOJE  NO
 "DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Morreu o antigo ministro e conselheiro 
de Estado Alfredo Bruto da Costa

O antigo ministro e conselheiro de Estado Alfredo Bruto da Costa morreu hoje aos 78 anos, vítima de doença prolongada, em Lisboa.
Engenheiro, doutorado em sociologia, Bruto da Costa foi ministro dos Assuntos Sociais no governo chefiado por Maria de Lurdes Pintassilgo, Provedor da Misericórdia de Lisboa e, entre 2003 e 2009, presidente do Conselho Económico e Social (CES).

Em setembro de 2014 tomou posse como conselheiro de Estado, por designação da Assembleia da República, em substituição de António José Seguro, que renunciou ao lugar no órgão político de consulta do Presidente da República depois de abandonar a liderança socialista, lugar que assumiu até janeiro deste ano.

Alfredo Bruto da Costa presidiu também à Comissão Nacional de Justiça e Paz, tendo realizado estudos e investigação sobre pobreza e exclusão social.

Segundo fonte próxima da família, Bruto da Costa morreu na sua residência, em Lisboa.

* Portugal perdeu um grande homem justo e solidário.

.
.


II-HISTÓRIA DO SÉC.XX
7- I-GUERRA MUNDIAL
DE 1914 A 1933

video

* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
Como a ONU quer despoluir
 uma fábrica sérvia

video




FONTE: EURONEWS

.
.
HOJE  NO 
"RECORD"

Jornalista espanhol fala em interesses
. ocultos para 'despromover' Ronaldo

O jornalista espanhol Julio Pulido, da Cadena SER, denunciou esta sexta-feira a existência de interesses ocultos para 'despromover' Ronaldo no Real Madrid, de modo a fazer Gareth Bale ser a figura principal do clube.
.
"Há interesses ocultos contra Cristiano, para que seja o Bale a bandeira do Real Madrid. O Bale não tem a coragem e estututo fora de campo para o ser e dizer isso não nenhuma parvoíce. Há que ter regularidade e ganhar jogos complicados, mas já vi várias vezes o Ronaldo dizer 'este jogo vou ganhá-lo eu'", disse, durante uma conversa no programa 'El Larguero'.

Uma opinião que foi partilhada pelos seus companheiros de painel. "Dizer que Bale já é a bandeira do Real Madrid é ter demasiada vontade de enterrar o Cristiano. Para ser bandeira de uma equipa há que jogar a um grande nível durante toda a temporada e Bale, até agora, nem jogou 80% dos minutos de cada época", assinalou Antonio Romero, na mesma conversa.

* Não acreditamos que Bale se comprometa com uma deslealdade a Ronaldo, oxalá seja notícia só para vender papel.

.
.

The Voice Portugal 2016

Francisco Murta

Georgia on my mind

video

Provas Cegas

.
.

HOJE NO 
"JORNAL DE NOTÍCIAS"

Nova Zelândia constrói túnel 
só para tráfego de pinguins

Um túnel privado de 25 metros foi criado na Nova Zelândia para facilitar o trajeto dos pinguins até ao mar, ajudando-os a evitar trânsito e turistas, que habitualmente lhes querem tocar e tirar fotografias.
.
O caminho subterrâneo dos pequenos pinguins-azuis de Oamaru Harbour, Otago, na costa este de South Island, foi construído para ajudar as aves a deslocarem-se ente os seus ninhos e o mar.
O pinguim-azul faz parte da espécie de pinguins mais pequenos do mundo, com uma altura de cerca de 30 centímetros e peso de 1 quilo.

"O projeto foi apoiado pelo concelho distrital Waitaki e por uma série de empresas privadas que ofereceram mão-de-obra, material e conselhos", disse Jason Gaskill, gerente da empresa "Tourism Waitaki Limited", ao jornal britânico "The Guardian".

Segundo a imprensa da Nova Zelândia, as linhas de abastecimento de água e energia foram movidas de forma a que o túnel pudesse ser posicionado ao longo da habitual rota dos pinguins.

Os pinguins-azuis, que também podem ser encontrados na costa do sul da Austrália, vivem geralmente cerca de dez anos.

* Quando a civilidade atinge este nível....

.
.
 5- Before the flood 
(Seremos História)

video

CONTINUA AMANHÃ 17H00

O documentário de Fisher Stevens traz o Mensageiro da Paz da ONU, Leonardo DiCaprio, que nos levará à linha de frente da batalha contra as mudanças climáticas. O ator conversa com algumas das pessoas mais proeminentes na causa como Barack Obama, o ex-presidente Bill Clinton, o Secretário de Estado John Kerry, o Secretário Geral da ONU Ban Ki-moon e o Papa Francisco. Uma produção do National Geographic.

.
.
HOJE NO
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS 
DA MADEIRA"

Juíza visionou reportagem com Jardim a
. incentivar ataques a membros do PND

“Abram os cartazes que eu estou mandando. Pronto! Sou eu que estou mandando. Ó senhor guarda, está a ouvir o que eu estou a dizer? Estou a mandar. Portanto, não chateie ninguém”. 
 .

Estas palavras de incentivo a elementos da JSD para que exibissem cartazes com frases contra membros do PND e de ordem aos agentes da PSP para que não interviessem foram proferidas pelo presidente do Governo Regional a 7 de Outubro de 2009 numa inauguração junto ao Tecnopólo. Foram escutadas novamente esta tarde na segunda sessão de julgamento de Alberto João Jardim pelos crimes de violação dos deveres de neutralidade e imparcialidade durante o período das eleições autárquicas daquele ano.

Na sessão desta tarde, na Instância Local da Comarca da Madeira, a juíza Joana Dias, a procuradora Manuela Cisneros e o advogado do arguido, Guilherme Silva, visionaram e escutaram as reportagens da SIC, RTP e RDP sobre os incidentes em causa. A reportagem da SIC foi a que mostrou uma acção mais directa de Jardim de incentivo à exibição de faixas com dizeres pouco abonatórias para Gil Canha, Baltasar Aguiar e Eduardo Welsh. ‘Canha foge para o Brasil, a Justiça venezuelana te procura’, ‘A fábrica Hinton explorou o povo’, ‘Canha, Baltazar e Welsh os três artistas do circo fascista’ e ‘Abaixo os herdeiros do Hinton, do Baltazar e do padre Lopes’ eram algumas das frases das tarjas empunhadas por membros da JSD. Jardim voltou a não marcar presença nesta sessão de julgamento.

O julgamento prossegue a 7 de Dezembro, com a audição das testemunhas de acusação que falta ouvir. Baltasar Aguiar e Eduardo Welsh não compareceram à sessão de 21 de Outubro. Agora há um mandado judicial para que não faltem à próxima sessão.

* Se esta sra. juíza  cometer o "atrevimento" de condenar AJJ tiramos-lhe o chapéu.

.

.
RENDEIRA
video


* O vídeo tem som defeituoso mas a arte é grande.

 .
.
HOJE NO 
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

Governo admite aumento inferior 
a 0,7% nas pensões mais baixas

O ministro do Trabalho, Vieira da Silva, admitiu hoje que ainda não é possível estimar o aumento das pensões mais baixas no próximo ano, e embora a inflação apresente uma "tendência crescente", a subida poderá ser inferior a 0,7%. 
 .
"Ainda não conseguimos. Não é este ainda o último valor que vamos levar em linha de conta. Quando tivermos todos os dados na nossa posse sabemos qual foi o valor utilizado para estimativa dos custos, mas não está ainda terminado o processo de aferição", esclareceu o ministro da tutela, no parlamento.

A dois meses do final do ano, a inflação que vai definir as actualizações de 2,9 milhões de pensões está nos 0,5%. A evolução deste indicador até Dezembro será determinante para a despesa do próximo Orçamento do Estado – e para as condições de vida das pessoas – porque dele dependem, além das pensões, o valor do indexante de apoios sociais (IAS, actualmente em 419,22 euros) e o valor de referência do complemento solidário para idosos (CSI).

De acordo com a proposta de Orçamento do Estado para 2017 (OE2017), que hoje foi debatida na especialidade durante quase cinco horas, o Governo prevê que todas as pensões até 838,44 euros sejam aumentadas em linha com a inflação e que todas as pensões até aos 628,83 euros, desde que não tenham sido actualizadas entre 2011 e 2015, sejam alvo de uma actualização extraordinária a atribuir por cada pensionista, em Agosto.

Questionado pelos jornalistas sobre se este aumento poderá chegar aos 0,7% em 2017, o ministro admitiu que poderá ficar um pouco aquém, remetendo no entanto para os valores que serão conhecidos em Dezembro.

"Vamos analisar a situação para ver se existe alguma alteração, a tendência da inflação é uma tendência crescente, não sei se com uma intensidade suficiente para chegar a esse valor (0,7%), mas vamos esperar pelos valores finais", disse Vieira da Silva.

O Governo tem argumentado que optou por aplicar esta subida extraordinária apenas às pensões que estiveram congeladas durante a legislatura anterior, actualizando ao nível da inflação as pensões que tiveram aumentos, ainda que ligeiros. No conjunto, a actualização das pensões custará 200 milhões de euros em 2017.

Esta tarde, durante o debate na especialidade da proposta de OE2017, a oposição questionou Vieira da Silva sobre se o Governo está disposto a acomodar no Orçamento um aumento das pensões mínimas acima do valor da inflação - cerca de 50 milhões de euros, segundo o CDS -, mas apesar de ter havido quase cinco horas de debate, não houve qualquer resposta por parte dos membros do executivo presentes.

* Quer-se cobrar ao actual governo os desvarios de Socrates e Passos/Portas.

.
.
HOJE  NO
"DESTAK"

Morreu músico canadiano 
Leonard Cohen aos 82 anos

O músico canadiano Leonard Cohen morreu aos 82 anos, anunciou o seu agente na quinta-feira.

"É com profunda tristeza que informamos que o poeta, compositor e artista lendário Leonard Cohen morreu", escreveu o seu agente na página do Facebook do músico.

"Perdemos um dos visionários mais prolíficos e respeitados do mundo da música", refere o comunicado. 

* A obra de Choen tornou-o imortal. 
(clique no nome em título)

.
.

WUSHU

video

 Demonstração no campeonato mundial

.
.
HOJE  NO 
"i"
Juncker. 
"Eleição de Trump traz riscos 
para a relação entre UE e EUA"

“Vamos ter de ensinar ao Presidente eleito o que é a Europa e como funciona”

O Presidente da Comissão Europeia afirmou, esta sexta-feira, que o recém-eleito Presidente dos EUA traz riscos para o relacionamento entre a União Europeia e os Estados Unidos.
.
"A eleição de Trump traz um risco de perturbar as relações intercontinentais na sua fundação e estrutura", afirmou Jean-Claude Juncker, citado pela Reuters.


Perante uma audiência de estudantes, Juncker disse ainda que Donald Trump é “ignorante” no que toca ao funcionamento da Europa. E recordou ainda algumas declarações do norte-americano, uma delas em que Trump achava que a Bélgica era uma cidade.
“Vamos ter de ensinar ao presidente eleito o que é a Europa e como funciona”, acrescentou o luxemburguês.
A eleição de Trump, na passada terça-feira, chocou grande parte do mundo. Ainda assim, e ao contrário destas afirmações do Presidente da Comissão Europeia, as declarações dos líderes europeus foram bastante diplomáticas.
* Nós suspeitávamos que  Jean-Claude Juncker poderia ser um idiota, as dúvidas dissiparam-se. O presidente da CE deveria explicar aos cidadãos da UE porque razão os resultados económicos da gestão francesa podem ser aldrabados enquanto o de outros países são rigorosamente escrutinados e penalizados. 
Hostilizar um presidente eleito em escrutínio limpo é de uma estupidez gigantesca, Trump congrega muito do que há de pior numa pessoa,  Juncker não lhe fica atrás, há uma diferença entre ambos,  Juncker é uma espécie de serviçal de Merkel, Trump tem muitos serviçais.

.
.
HOJE  NO
"A BOLA"
França
Liga francesa elege mulher
 para presidente
 .
 Nathalie Boy de la Tour, de 48 anos, foi esta sexta-feira eleita como a primeira mulher presidente da história da Liga Francesa de Futebol.

Nathalie já fazia parte do conselho de administração do organismo dos últimos três anos e a decisão coloca um ponto final na crise na liderança da Liga, que devia ter ido a votos já em outubro.

Esta eleição surge depois de representantes de 40 clubes da liga principal e segundo escalão francês terem, em assembleia geral, recusado a candidatura do antigo selecionador nacional Raymond Domenech.

* Uma novidade boa!

.

A INSUSTENTÁVEL
ARQUITECTURA 
DO MEDO

NA ÁFRICA DO SUL

























Esta casa de genial concepção e beleza assume a figura de um "bunker" quando os donos da casa se ausentam. Da beleza ao medo é o que apetece reflectir


.