terça-feira, 1 de março de 2016

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.


Boa noite


  azul












.
.

GRANDES LIVROS/20

AUTORES DO MUNDO


3-1984
  
GEORGE ORWELL




* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.


.
.
HOJE NO 
"AÇORIANO ORIENTAL"


Aeroporto Francisco Sá Carneiro foi
 3.º melhor da Europa em 2015

O aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, foi distinguido pelo ACI - Airports Council Internacional como o terceiro melhor aeroporto europeu em 2015, anunciou a ANA - Aeroportos de Portugal
 
Este é o terceiro ano consecutivo que esta infraestrutura aeroportuária recebeu este galardão.

Em comunicado, a ANA refere que, entre 2006 e 2011, o Sá Carneiro ficou nos três primeiros lugares, tendo sido considerado o melhor aeroporto europeu em 2007.

“Este é o nosso 9.º prémio nos últimos nove anos e é particularmente importante para nós quando o aeroporto do Porto ultrapassou a marca dos oito milhões de passageiros”, afirma, no comunicado, o presidente do conselho de administração da ANA, Jorge Ponce de Leão.

Contactada pela Lusa, fonte da ANA referiu que o ACI premiou em 1.º lugar o aeroporto de Keflavik (Islândia) e em 2.º lugar o de Moscovo (Rússia).

O prémio foi atribuído tendo por base um inquérito aos passageiros, cujo questionário incidiu sobre tempos de espera, cortesia dos funcionários, limpeza e conforto, entre outros indicadores.
O ACI representa cerca de 450 aeroportos em 45 países europeus, responsáveis por cerca de 90% do tráfego aéreo na Europa e pela movimentação anual de mais de 1,7 mil milhões de passageiros.

O aeroporto Francisco Sá Carneiro duplicou o número de passageiros e as rotas nos últimos dez anos.

Em 2015, o aeroporto do Porto atingiu os 8,1 milhões de passageiros, um aumento de 16,7% face ao ano anterior, o segundo maior crescimento entre os aeroportos nacionais, depois dos Açores, que beneficiou do efeito da liberalização das ligações aéreas e assim da entrada em operação das chamadas companhias de baixo custo.

Nos últimos dez anos, o número de passageiros do aeroporto Francisco Sá Carneiro subiu dos 3,1 milhões em 2005, para os 8,1 milhões em 2015, ano em que assinalou 70 anos de existência, segundo dados da ANA – Aeroportos de Portugal.

* E é para este aeroporto que o brasileiro/ qualquer coisa/coisa qualquer, não quer voos da TAP.

.
.
VII-OLHO DE 
HÓRUS


3 - DENDERA

  
O AMANHECER

DA ASTRONOMIA



O documentário apresenta a história de uma suposta organização sacerdotal hermética, pertencente à escola de mistérios conhecida como Olho de Hórus. Esta escola teria sido responsável pela orientação espiritual e a direcção dos destinos do povo egípcio durante milhares de anos.
 
Seu objectivo principal teria sido o de promover a elevação do nível de consciência dos egípcios através, principalmente, da construção de diversos templos sagrados ao longo das margens do rio Nilo. Além disso, os sacerdotes eram os zelosos guardiões da sabedoria acumulada desde tempos imemoriais, quando ainda "existia" o continente perdido da Atlântida.

A série foi baseada nas investigações do egiptólogo e matemático R. A. Schwaller de Lubicz e nas realizações da escola Olho de Hórus.

Para os antigos egípcios, havia um plano divino baseado na reencarnação destinado a que o homem experimentasse em sua própria carne as leis que determinam o funcionamento do universo. Vivendo um processo evolutivo através da acumulação de experiências ao longo de 700 "reencarnações", o ser humano, inicialmente um ser instintivo, ignorante, inocente e primitivo, poder-se-ia  transformar  num super-homem,  um sábio imortal.

Assim se produzia uma iluminação temporal do discípulo, durante a qual podia viajar conscientemente pelo tempo e pelo espaço.

O documentário original está dividido em 10 capítulos:
Capítulo 1: A Escola dos Mistérios.
Capítulo 2: O Senhor da Reencarnação.
Capítulo 3: A Esfinge, Guardiã do Horizonte.
Capítulo 4: A Flor da Vida.
Capítulo 5: O Complexo de Cristal.
Capítulo 6: A Máquina Quântica.
Capítulo 7: O Amanhecer da Astronomia.
Capítulo 8: O Caminho da Compreensão.
Capítulo 9: O Portal da Liberdade.
Capítulo 10: O Princípio Feminino.

.
...
.

HOJE NO 
"DIÁRIO ECONÓMICO"


Segure-se… a 420 km/h, este Bugatti
 é o automóvel mais rápido de sempre

O grupo Volkswagen dá novos mundos ao mundo automóvel no Salão de Genebra. A sua marca Bugatti revela o Chiron, um "hiper-desportivo" que, através de um programa de condução específico, designado Top Speed e que intervém sobre a aerodinâmica para garantir que se mantém "colado" ao asfalto, conseguirá atingir 420 km/h.
.

Para poder desfrutar em pleno dos 1.500 cv disponibilizados, que disparam o Chiron até aos 300 km/h em 13,6 segundos e permitem superar os 400 km/h, será necessário utilizar uma segunda chave, "Speed Key".

Com preço em torno dos 2,5 milhões de euros (fiscalidade portuguesa à parte), o modelo estará disponível a partir do Outono, numa série limitada a 500 unidades.

* "Burguêsmente" falando o carro é uma jóia de concepção e tecnologia.

.
.


IV-CIDADES 
PERDIDAS


1- A SUPERCIDADE


DE HITLER



* Depois de "CIDADES OCULTAS" iniciamos neste horário e etiqueta "PEIDA URBANA"  a série "CIDADES PERDIDAS", histórias fabulosas que vai gostar de ver e ouvir. Obrigado por nos visitar.

.
.
HOJE NO 
"CORREIO DA MANHÃ"

Doentes com apneia do sono têm 
risco acrescido de neoplasias 

A apneia do sono é um distúrbio provocado por frequentes obstruções parciais ou completas das vias respiratórias. 

Os doentes com síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS) têm um risco acrescido de neoplasias, disse esta terça-feira à Lusa Marta Drummond, presidente do Congresso de Pneumologia do Norte, que começa quarta-feira no Porto. "Ficou demonstrado que os doentes com apneia têm mais risco de ter neoplasia de todo o tipo do que os que não tem apneia. Agora é preciso saber quais são os tipos de neoplasia mais prevalentes e se há rastreio que se possa fazer", sublinhou a pneumologista do Hospital de São João, no Porto. Segundo Marta Drummond, este será um dos temas principais em debate no XXIII Congresso de Pneumologia do Norte e será abordado pelo investigador espanhol responsável pelo estudo que demonstrou a relação entre a apneia do sono - doença com prevalência elevada em Portugal - com o aumento de risco de neoplasia. 


A apneia do sono é um distúrbio provocado por frequentes obstruções parciais ou completas das vias respiratórias durante o sono, o que leva a episódios repetidos de cessação da respiração enquanto o paciente dorme. "É um tópico recente mas, sobretudo, o que sabemos é que temos de tratar a apneia do sono e diagnosticá-la o mais precocemente possível para evitar complicações", sublinhou a pneumologista. 

A relação da apneia do sono com a doença cardiovascular já há muito é conhecida e "agora sabemos também que tem mais riscos de neoplasias. Quais neoplasias e que tipo de rastreio temos de fazer ainda não sabemos, mas sabemos que temos de tratar estes doentes o quanto antes", frisou. 

Segundo explicou, "o tratamento é absolutamente eficaz para controlar as pausas respiratórias e com isso controlar as consequências nefastas dessas pausas".

* Sabe se tem apneia do sono? Fale com o seu médico de família.

.

FREI BENTO DOMINGUES O. P.

.





Esta Quaresma 
começou bem (2)

O Papa observou que a hibridação irreversível da tecnologia aproxima o que está afastado, mas, infelizmente, torna distante o que deveria estar perto.

1. Há 25 anos, a convite do Centro Bartolomé de Las Casas, de Cusco, participei num congresso internacional sobre modelos de Inculturação e Modernidade, realizado na cidade do México. Samuel Ruiz Garcia, bispo de San Cristobal de las Casas, estava hospedado no convento dominicano onde também eu tinha sido fraternalmente acolhido. Pude conversar longamente com esta figura do catolicismo mexicano que, na altura, já andava nas bocas do mundo, vigiado pelo Governo e pelo Vaticano. Contou-me que tinha sido um padre muito conservador. O contacto com a vida terrível e humilhada dos índios de Chiapas, a participação no Vaticano II e na conferência de Medellin (Colômbia), mostraram-lhe que o caminho do catolicismo era o da incarnação nas culturas nativas. Daí brotou a teologia indigenista que se prolongou na teologia da libertação.

Participei, então, com representações de várias dioceses, numa fervorosa romagem ao Santuário da Virgem de Guadalupe, presidida pelo referido bispo, de protesto contra a prisão de um padre responsável pela nova orientação pastoral indigenista

Voltei a encontrar o bispo Samuel no meio do seu povo, onde se anunciava a guerra na qual ele desempenhou um papel de mediador, evitando um genocídio. Gostei de ver o Papa Francisco a rezar junto ao seu túmulo.

2. Na visita pastoral ao México, o Papa foi extremamente duro com os exploradores da população pobre, sobretudo com os narcotraficantes. Mas ao fazer o balanço da viagem com os jornalistas, foi enfático: Quero dizer uma coisa, uma coisa justa, sobre o povo mexicano. Tem uma cultura… milenária. Sabeis que hoje, no México, se falam 65 línguas, contando as indígenas? É um povo duma grande fé, também sofreu perseguições religiosas, existem mártires: irei canonizar dois ou três.
(…) O “povo” não é uma categoria lógica; é uma categoria mística. Como conseguiu este povo não falir, com tantas guerras? E as coisas que sucedem agora... Um povo que ainda tem esta vitalidade só se explica por Guadalupe.

No primeiro dia, o destaque foi para o encontro com o episcopado. Perante os graves problemas que este tem de enfrentar, o Papa lembrou que era preciso um olhar que reflectisse a ternura de Deus. Por isso, sede bispos de olhar límpido, alma transparente, rosto luminoso; não tenhais medo da transparência. A Igreja não precisa da obscuridade para trabalhar. Vigiai para que os vossos olhares não se cubram com as penumbras da névoa do mundanismo; não vos deixeis corromper pelo vulgar materialismo nem pelas ilusões sedutoras dos acordos feitos por baixo da mesa; não ponhais a vossa confiança nos “carros e cavalos” dos faraós de hoje, porque a nossa força é a “coluna de fogo” que irrompe separando em duas as águas do mar, sem fazer grande rumor .
O Papa observou que a hibridação irreversível da tecnologia aproxima o que está afastado, mas, infelizmente, torna distante o que deveria estar perto.

Por isso, nos vossos olhares, o povo mexicano tem o direito de encontrar os indícios de quem “viu o Senhor”. Isto é o essencial. Assim, não percais tempo e energias nas coisas secundárias, nas críticas e intrigas, em projectos vãos de carreira, em planos vazios de hegemonia, nos clubes estéreis de interesses ou compadrios. Não vos deixeis paralisar pelas murmurações e maledicências. Introduzi os vossos sacerdotes nesta compreensão do ministério sagrado. A nós, ministros de Deus, basta a graça de “beber o cálice do Senhor”, o dom de guardar a parte da sua herança que nos foi confiada, apesar de sermos administradores inexperientes. Deixemos o Pai atribuir-nos o lugar que preparou para nós. Poderemos nós ocupar-nos verdadeiramente doutras coisas que não sejam as do Pai? Fora das “coisas do Pai” perdemos a nossa identidade e, culpavelmente, tornamos vã a sua graça.

Se o nosso olhar não dá testemunho de ter visto Jesus, então as palavras que recordamos d’Ele não passam de figuras retóricas vazias. Talvez expressem a nostalgia daqueles que não podem esquecer o Senhor, mas, em todo o caso, são apenas o balbuciar de órfãos junto do sepulcro. No fim de contas, são palavras incapazes de impedir que o mundo fique abandonado e reduzido ao próprio poder desesperado.

3. Peço-vos que não subestimeis o desafio ético e anticívico que o narcotráfico representa para a juventude e para a sociedade mexicana inteira, incluindo a Igreja.

(…) Qual é a tentação que nos pode vir de ambientes dominados pela violência, a corrupção, o tráfico de drogas, o desprezo pela dignidade da pessoa, a indiferença perante o sofrimento e a precariedade? Qual é a tentação que repetidamente podemos ter nós, os chamados à vida consagrada, ao presbiterado, ao episcopado?

Acho que a poderemos resumir numa só palavra: resignação. À vista desta realidade, pode vencer-nos uma das armas preferidas do demónio: a resignação que nos entrincheira nas nossas “sacristias” e seguranças aparentes e nos trava na hora de arriscar e transformar.
Pai Nosso, não nos deixeis cair em tentação .
Esta Quaresma ainda não terminou.

IN "PÚBLICO"
28/02/16

.
.


796.UNIÃO


EUROPEIA



.
HOJE NO
"OBSERVADOR"

Enfermeiro presenciou casos de
. eutanásia num hospital público

Um enfermeiro, que iniciou a sua atividade profissional num hospital central em 1975, disse ao Jornal de Notícias que, desde então, viu vários pacientes a serem ajudados a morrer.
 .
Preferindo permanecer sob anonimato, o enfermeiro refere que existem várias formas indolores de ajudar os doentes a morrer, sendo que uma das técnicas que mais viu serem usadas foi a injeção de ar nas veias. Esta prática provoca uma morte sem dor e o resultado confunde-se com um ataque cardíaco, refere o enfermeiro.

O tratamento da dor tem evoluído e a morfina, seja por via oral ou endovenosa, é usada para o alívio das dores. Porém, o enfermeiro terá acrescentado que, no caso dos doentes oncológicos terminais ou com insuficiência respiratória, as injeções de morfina, além de confortarem o doente, antecipam a morte.
Mas há que acrescentar, que o uso de morfina para combater as dores dos doentes não pode ser considerada eutanásia, esclarece ao Observador José Eduardo Oliveira, médico de cuidados paliativos. O médico lembra que não se pode “causar alarme social” e que os doentes não podem temer que os médicos os querem matar, quando na verdade apenas ajustam as doses e a forma como são dadas consoante as necessidades do doente. E isso, não é eutanásia.

Outras das técnicas foi apontada pela bastonária da Ordem dos Enfermeiros, Ana Rita Cavaco, em declarações à Rádio Renascença: “Houve médicos que sugeriram, por exemplo, administrar insulina àqueles doentes para lhes provocar um coma insulínico”. A bastonária referiu depois que nunca viu ninguém fazê-lo.
A Ordem dos Médicos, num comunicado enviado às redações, afirmou que “desconhece concretamente qualquer caso de ‘eutanásia’ explícita ou encapotada nos Hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) ou noutras instituições de Saúde”. O homicídio a pedido da vítima está previsto no Código Penal português e é punido com pena de prisão até três anos.

No mesmo comunicado, a Ordem dos Médicos reforça que “o debate sobre a ‘eutanásia’ deve continuar para um correto esclarecimentos das pessoas, até porque continua a verificar-se uma grande confusão de conceitos, nomeadamente entre eutanásia e distanásia”.

“De forma simples, a eutanásia é a ação que implica colocar fim à vida do doente, sem dor nem sofrimento. A distanásia é o prolongamento da vida através de tratamentos extraordinários que visam apenas prolongar a vida biológica do doente. O número 2 do artigo 57.º do Código Deontológico da Ordem dos Médicos estabelece que: ‘Ao médico é vedada a ajuda ao suicídio, a eutanásia e a distanásia'”, clarificou a Ordem dos Médicos ao Observador.

“Desligar a máquina não é para provocar a morte, é para permitir que a pessoa morra com dignidade, porque já é um doente em coma que só está vivo por causa das medidas artificiais de suporte de vida”, disse o bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva, ao Jornal de Notícias.

* Conversa fiada, o direito de morrer com dignidade pertence a quem sofre sem remédio, as teorias fabulásticas/"ó-éticas" são próprias de gente cujo horizonte é o próprio umbigo.


.
.

70-BEBERICANDO


COMO FAZER O "HEMORRAGIA CEREBRAL"


.
.


V- PÁTRIA JURÁSSICA
2-OS MAIORES
ASSASSINOS



* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
HOJE NO 
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Taxistas detidos pela PSP 
por cobrarem a mais

Especulação é o crime. Um dos motoristas foi detetado a cobrar 21,30 euros pelo trajeto aeroporto - Martim Moniz, em Lisboa, cujo preço normal é de 8,80 euros
A PSP deteve dois taxistas na noite de segunda-feira, suspeitos do crime de especulação, isto é, de cobrarem para além do que vem marcado no taxímetro.
 .
Um deles, de 52 anos, levou o cliente do aeroporto para o largo do Martim Moniz, em Lisboa, tendo cobrado 21.30 euros pelo percurso (quando o normal é 8,80 euros, com a tarifa noturna). Foi detido pelos agentes e o carro apreendido.

O outro taxista, de 45 anos, foi detido na zona das chegadas do aeroporto de Lisboa, a tentar cobrar um extra ao cliente. Também neste caso o táxi foi apreendido, informou o gabinete de relações públicas do comando metropolitano de Lisboa da PSP.

* Sobre uma notícia da Uber escrevíamos às 15h3o que também havia taxistas piratas...


.
.
Capicua

Luas


.
.
 
HOJE NO 
"RECORD"
Portugal quer aumentar número de atletas
. em relação a 2012

O presidente do Comité Olímpico de Portugal, José Manuel Constantino, disse esta terça-feira esperar que a comitiva lusa tenha mais atletas nos Jogos Rio'2016 do que na edição de 2012, em Londres.
.
"[Espero] Que aumente o número de atletas qualificados, que aumente também o número de modalidades, se possível ultrapassando o número de atletas e de modalidades de Londres'2012", disse o dirigente, à margem da assinatura de um protocolo entre o COP e uma unidade de saúde.

A pouco mais de cinco meses do início dos Jogos, que se disputam de 5 a 21 de agosto, o chefe da Missão portuguesa, José Garcia, também espera que Portugal ultrapasse este número.

"Temos essa ambição. Dos atletas que foram apoiados, gostaríamos que todos estivessem presentes, mas essa é uma realidade que não se verificará. Mas estamos crentes de que esse número dos 77 atletas presentes em Londres será ultrapassado", afirmou.

* Oxalá!

.
.

3D ARTE


Patrick Hughes - Birmingham Art Gallery
.
.

HOJE NO 
"JORNAL DE NOTÍCIAS"

Rússia aprova plano anticrise mas
 não tem dinheiro para o financiar

O primeiro-ministro russo, Dmitri Medvedev, anunciou esta terça-feira que aprovou um plano anticrise destinado a travar a recessão económica e a queda dos preços do petróleo, embora admitindo que o seu Governo não dispõe de fundos para o financiar.

"Dada a situação criada, alguns pontos foram formulados de tal forma que se financiarão quando aparecerem os fundos e dependendo dos resultados do primeiro semestre", disse Medvedev à imprensa local. 
 .
Medvedev salientou que o programa anticrise, "que se destina a garantir um desenvolvimento socioeconómico estável", foi discutido com o Presidente russo, Vladimir Putin.

O chefe do executivo explicou que o plano terá duas vertentes: uma de apoio à população e aos setores mais afetados pela crise e outra de reformas estruturais.

Quanto à primeira, os setores que vão beneficiar do plano anticrise serão a agricultura, o setor automóvel, a indústria ligeira, a construção civil e a maquinaria agrícola e de transporte de carga.

"A outra tarefa pendente é ajudar as pessoas a aliviar ao máximo as consequências da recessão económica, apoiando os orçamentos regionais com o objetivo de garantir o pagamento a horas de salários, pensões e subsídios", disse.

Por outro lado, o objetivo das reformas é introduzir alterações legais para melhorar as condições de produção das pequenas e médias empresas, com especial ênfase na "redução da pressão administrativa sobre o mundo dos negócios".

O primeiro-ministro anunciou o plano anticrise após semanas de desacordos entre o Governo o Kremlin sobre as suas fontes de financiamento, já que a ala mais liberal do executivo propôs utilizar os fundos de estabilização que Putin controla.

A economia russa, que se contraiu 3,7% em 2015, decrescerá este ano cerca de 1%, segundo as previsões do Governo e do Fundo Monetário Internacional (FMI), em grande medida devido à redução de receitas da exportação de hidrocarbonetos.

* Estes gajos conseguem ser piores que Passos Coelho e Paulo Portas, era difícil mas conseguiram.


.
.


 O QUE NÓS


  "FESTEJAMOS"!!!




O primeiro número da ONDA POP explica quase tudo, os primórdios, os conceitos, a paginação e artigos publicados demonstram o trabalho destes rapazolas nos idos de 60.

Ontem foi publicado o nº72 da edição impressa, que abre com pesos pesados da melhor música praticada em Moçambique nos anos 60 e 70.

INFLEXOS, qualquer das bandas, eram duas, que adoptaram o nome eram excelentes, muito trabalho de bastidores para que na altura dos espectáculos ou nas apresentações diárias nos hoteis onde tocavam, tudo corresse bem.
Os AEC 68 foi outra banda de qualidade que animou as noites laurentinas.
Importa salientar que se vive uma época terrível do colonialismo português onde se proibia a interpretação de muitas canções porque os senhores do "lápis azul" (PIDE/DGS), ignorantemente proibiam.
CHICO PEREIRA, SÉRGIO PRETO e RUI CARVALHO, são bem lembrados por terem sido muito bons músicos e ainda são felizmente  boas pessoas, temos saudade do Betencas e do Filú.
O concurso "SCHWEPPS" desta semana é diferente,tente ganhar.
.
WALLACE COLECTION, uma vida de sobressaltos e de grandes músicas, fomos fãs, leia o curriculum.
.
Cantem com a "ONDA POP" desta vez GIANNI MORANDI e CLIFF RICHARD são os escolhidos.
.
A "ONDA POP" continua cheia de informação verdadeira, bem elaborada e metódica, sem folclores, mantém a coerência da sua génese. Na net e em português tem o condão de informar e trazer ao presente um passado glorioso de música como ninguém faz. Apresenta música variada de escolha criteriosa, temos o orgulho de dizer que os autores são nossos amigos mas não é por isso que estão na "PEIDA", é pelo valor e inteligência que demonstram.
 
Neste blogue, na coluna da direita tem um link directo.
OBRIGATÓRIO IR VER!!!
ABJEIAÇOS

.
.
HOJE NO 
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

"É evidente que a Uber é ilegal", 
diz ministro do Ambiente

Matos Fernandes garante que não tem nada contra a tecnologia, mas sublinha que a legislação é clara e que a Uber não é um operador de transportes. 
 .
O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, afirmou esta terça-feira 1 de Março no Parlamento que "é evidente que a Uber é ilegal", lembrando que quem o diz "é uma decisão de um tribunal, que o deixou escrito".

Para o responsável, uma das coisas a fazer é "reforçar aquilo que são os mecanismos de controlo e fiscalização" em relação à situação desta empresa.

"Não há aqui nenhum libelo contra a tecnologia", garantiu Matos Fernandes, lembrando, todavia, que "a lei é clara quando diz que o transporte de passageiros só pode ser feito por operadores de transportes" e "a Uber não é um operador de transportes".

Na semana passada, realizou-se mais um protesto de taxistas contra os serviços da Uber, que levou à paralisação do serviço de táxis no aeroporto de Lisboa.

Em comunicado, o gabinete do ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, disse então ter solicitado "informação à Comissão Europeia sobre os desenvolvimentos que estão em curso, bem como sobre a existência de uma estratégia comum, que permita uma articulação das posições dos diversos Estados-membros", em relação aos serviços prestados pela Uber.

O secretário de Estado adjunto e do Ambiente, José Mendes, já recebeu este mês as duas associações representantes do sector dos táxis, tendo o tema da Uber sido um dos abordados.

Em declarações à comunicação social, fonte oficial da Uber reagiu também ao protesto dos taxistas da semana passada para afirmar que "qualquer grupo tem o direito de se manifestar, desde que de forma pacífica, e em respeito pela ordem e tranquilidade públicas". Referiu ainda os benefícios da tecnologia que pode "trazer uma maior liberdade de escolha, e que pode ajudar a melhorar e a modernizar o sector da mobilidade como um todo".

Para a Uber, o seu serviço e o dos táxis podem coexistir e ambos podem "trabalhar de forma conjunta para dar resposta a esta procura". A Uber veio ainda garantir estar aberta "à discussão com todas as entidades públicas e privadas".

* Claro que a Uber não é um serviço de transportes, é um serviço de pirataria aos transportes, mas atenção que existem proprietários de táxis tão ou mais piratas que a Uber.
Registamos a clareza do ministro da tutela em contraste com os "balbúcios" do governo anterior.

.