sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

.


5.O QUE NÓS 

  "APRENDEMOS"!



REGRAS DO VOLEIBOL

video



* Na etiqueta "PEIDA E DESPORTO" estamos a apresentar regras de várias modalidades desportivas e olímpicas desde 13 de Novembro deste ano.
.
** As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.
.

6-A VIDA DE BUDA

video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.


.
.

HOJE NO
"AÇORIANO ORIENTAL"
Passos Coelho anunciou recandidatura 
à liderança do partido

Pedro Passos Coelho anunciou, perante o Conselho Nacional do PSD, a decisão de se recandidatar à liderança do partido, disse o porta-voz dos sociais-democratas, Marco António Costa.
  .
Marco António Costa transmitiu esta informação em conferência de imprensa, a meio da reunião do Conselho Nacional do PSD, órgão máximo entre congressos, que está a decorrer num hotel de Lisboa, desde cerca das 21:30.

"O doutor Pedro Passos Coelho anunciou neste Conselho Nacional a decisão de se recandidatar à liderança do PSD, fazendo assentar as linhas da sua candidatura naqueles que são os traços que a social-democracia tem garantido nos últimos anos na sua atuação, desde logo o traço reformista, o impulso reformista", declarou o porta-voz dos sociais-democratas.

O vice-presidente do PSD apontou "a opção clara pela vocação europeísta e atlantista" e uma combinação entre "realismo" e "ambição transformadora" como outras linhas da recandidatura de Pedro Passos Coelho à liderança dos sociais-democratas.

Marco António Costa considerou que as datas propostas pela direção do PSD para as diretas e para o Congresso - 05 de março e 01, 02 e 03 de abril, respetivamente - constituem "um calendário bastante alargado, com mais de 70 dias entre o período em que está a ser decidido e o momento em que se realizará".

A aprovação deste calendário é um dos pontos na agenda da reunião de hoje do Conselho Nacional do PSD.

Segundo o cronograma do processo eleitoral interno, as candidaturas à liderança do partido e respetivas propostas de estratégia global poderão ser apresentadas até às 18:00 do dia 01 de março.

A data limite para os militantes pagarem quotas para inclusão nos cadernos eleitorais é 19 de fevereiro.

Segundo os estatutos do PSD, os congressos reúnem-se ordinariamente de dois em dois anos e os mandatos dos órgãos eletivos do partido têm também a duração de dois anos.

Passos Coelho tem liderado o PSD sem oposição interna organizada e foi eleito presidente deste partido, pela terceira vez, a 25 de janeiro de 2014.

O Congresso que elegeu a sua atual equipa de direção e os restantes órgãos nacionais realizou-se a 21, 22 e 23 de fevereiro de 2014, no Coliseu dos Recreios de Lisboa.

As próximas diretas ocorrerão com os sociais-democratas de regresso à oposição, na sequência do derrube do executivo PSD/CDS-PP no parlamento e da formação de um Governo do PS suportado por acordos políticos com Bloco de Esquerda, PCP e "Os Verdes".

Passos Coelho foi eleito pela primeira vez presidente do PSD a 26 de março de 2010, derrotando Paulo Rangel e Aguiar-Branco, quando estava no poder o Governo minoritário do PS chefiado por José Sócrates.

Cerca de um ano depois, assumiu as funções de primeiro-ministro, na sequência das legislativas antecipadas de 05 de junho de 2011.

Nas diretas de 03 de março de 2012 e de 25 de janeiro de 2014, que aconteceram durante a governação conjunta com o CDS-PP, Passos Coelho foi reeleito presidente do PSD sem adversários.

* Passos Coelho é a solução para que o PPD/PSD seja o partido da direita, transformando o CDS/PP de Paulo Portas em mera adjacência.

.
.

 V-JORNADA GEOLÓGICA


4-O CAMPO MAGNÉTICO

DA TERRA 

video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.

.
.

HOJE NO
"DIÁRIO ECONÓMICO"

Abandono de idosos passa a ser crime

Um projeto de lei de PSD/CDS-PP de alterações ao Código Penal para a Estratégia do Idoso foi hoje aprovado na generalidade com a abstenção do PS e os votos contra de PCP, BE, e "Os Verdes". 
.
Para além de PSD e CDS-PP, também o PAN votou favoravelmente o texto, que baixa agora a comissão para aperfeiçoamento.

Quem abandonar um idoso num hospital ou se aproveitar das suas limitações mentais para aceder aos seus bens poderá incorrer numa pena de prisão até dois anos, de acordo com o projeto de lei.

Na prática, acrescenta-se um novo capítulo ao título dos crimes contra pessoas, consagrando crimes contra direitos fundamentais dos idosos.

"Pretende-se, desta feita, introduzir normas no Código Penal que sancionem comportamentos contra os direitos fundamentais dos idosos", lê-se no documento dos dois partidos.

Segundo o projeto de lei, passa a ser crime coagir uma pessoa idosa, que não esteja na posse da totalidade das suas faculdades mentais, com o objetivo de aceder e administrar os seus bens, bem como negar o acolhimento numa instituição pública ou privada como represália por a pessoa idosa ter-se recusado a entregar a administração dos bens à administração ou deixar-lhos em testamento.

Por outro lado, passa também a configurar crime abandonar um idoso no hospital ou impedir que a pessoa tenha acesso a bens ou serviços por causa da idade.

No projeto de lei do PSD/CDS-PP é igualmente crime fazer um ato notarial com uma pessoa idosa que esteja "notoriamente limitada ou alterada nas suas funções mentais", sem que esteja assegurada a sua representação legal.

* Não percebemos os votos contra dos partidos de esquerda.

.
.

ONU
JOVENS FALAM DE
DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

video


.
.


HOJE NO

"CORREIO DA MANHÃ"
Empresas intermediárias 
vão ser eliminadas 

Bastonário da Ordem dos Médicos confirmou informação ao CM. 
.
O Ministério da Saúde chegou esta sexta-feira a acordo com a Ordem dos Médicos para eliminar progressivamente a dependência de empresas de prestação de serviços, confirmou ao Correio da Manhã o bastonário da Ordem dos Médicos. "Existe um acordo total para reduzir à gestão mínima as empresas intermediárias", disse José Manuel Silva ao CM. 

De acordo com o bastonário, este acordo irá facilitar a contratação direta de médicos por parte dos hospitais. 

* Tinham mais os procedimentos de empresas negreiras do que de prestadoras de serviços. 

** "As empresas prestadoras de serviços não garantem muitas vezes os acordos realizados, a qualidade nem sempre é assegurada, a responsabilidade não tem face e o incumprimento não é punido".(Afirmação do dr. Miguel Guimarães, presidente da Secção Regional do Norte da Ordem dos Médicos, ao Jornal Médico em 07/04/15)

.

CATARINA BEATO

.





Gostar ou não do Natal

Todos os anos, por esta altura, começa o meu mês de bicho-esquisito.

Fico sempre indecisa entre afirmar que “não gosto do Natal” ou “não tenho qualquer relação com o Natal”. Prefiro, até para proteção de mudanças futuras, a segunda hipótese. Se algum dia passar a viver esta época festiva em todo o seu esplendor serei a primeira a assumi-lo.

No final de Novembro começam a aparecer as primeiras árvores cheias de luzinhas e estrelas douradas e as decorações nas ruas e nos centros comercias. Eu podia explicar que acho um desperdício de dinheiro por parte das Câmaras Municipais mas depois respondiam-me que o montante gasto nos concertos comemorativos do 25 de Abril também é um exagero e eu tinha que me calar. A bem da verdade, eu até gosto das ruas enfeitadas e das músicas de Natal no repeat (não tanto como o hino do MFA a tocar em Almada, mas pronto).

Nos primeiros dias de Dezembro começo a evitar ir a centros comerciais, só o faço em casa de necessidade extrema ou em horários de segurança (que aos fins de semana e dias feriados não existem). A multidão às compras e o trânsito infernal incomoda-me. Não é o Natal em si, é quem o vive de forma consumista e, muitas vezes, gasta até o que não tem.

Por esta altura já expliquei pela 56752ª vez que não dou prendas no Natal. Felizmente não são os meus filhos que perguntam, esses percebem e respeitam. Os meus filhos sabem que vou sendo um homenzinho vestido de vermelho e barbas brancas ao longo do ano, sempre que precisam. Não faço ideia se o meu miúdo mais novo acredita no Pai Natal, eu nunca alimentei a ilusão, mas (descansem os que, por esta altura, acharem que traumatizo os meus filhos) se ele falar do assunto agirei da mesma forma com que enfrento as diversas dimensões intergaláticas que ele acha que existem cá em casa: digo sempre que sim.

Podia explicar toda as causa mais ou menos traumáticas que me trouxeram até este ponto, mas prefiro continuar a respeitar quem gosta, a pedir que me respeitem a mim, a fazer ano sim, ano não, na missão de comparecer ao Natal de família, e a aproveitar que é uma época de poupança.

 Obrigada a uma amiga que todos os anos traz calendários do advento aos miúdos para minimizar o impacto de terem uma mãe assim.


IN "DINHEIRO VIVO"
07/12/15


.
.


717.UNIÃO

EUROPEIA



.


HOJE NO
"OBSERVADOR"
A escola pública do futuro 
é já ali no Alentejo

Um director revolucionário que quer um tablet por aluno, uma escola onde é importante sair cedo e ter tardes livres e onde há dois professores de matemática por turma. Sim, é uma escola pública.

O acesso à escola foi simples, sem barreiras. Foi nos dado o telemóvel do diretor, e em dois dias estávamos no hall de entrada da Escola Secundária Manuel da Fonseca, em Santiago do Cacém. O edifício não é novo. É mesmo antigo. Muito diferente da escola básica do agrupamento, com primeiro e segundo ciclos, a Frei André da Veiga – moderna, cúbica, com janelas cinzentas, cheia de luz. A secundária, unida pelo recreio à básica, tem mais de 20 anos e é o quartel-general do agrupamento.


Manuel Mourão estava à porta do gabinete para nos receber e nem chegámos a sentar-nos. Quis logo mostrar a escola, carinhosamente dele desde 1991 – embora com interrupções quando saiu para integrar projetos na área da educação e para dirigir as escolas do agrupamento de Grândola em 2009. Regressou em 2013 e foi nomeado presidente da CAP (Comissão Administrativa Provisória), mas foi na década de 90 que começou a lançar novos projetos para o agrupamento.

“Parti muros, deitei abaixo balcões e paredes, abri janelas, trouxe mais luz à escola secundária, mexi no que pude e continuo a mexer. Ainda agora mandei abaixo mais um balcão, na biblioteca da André da Veiga. Estamos todos ao mesmo nível. Muda também mentalidades.”

Apresentou um projeto ao Ministério da Educação e conquistou um contrato de autonomia para o agrupamento. Em junho de 2015 foi eleito diretor.

Construir uma revolução
Nascido numa pequena aldeia do concelho de Vila Real, com uma mãe virada para as letras e um pai mais dado às contas, aos 18 anos Manuel Mourão entrou na Universidade de Letras do Porto. Tornou-se professor de História. E encontrou o peso certo, numa receita equilibrada: servir alunos, pais, professores, funcionários e construir uma escola pública, diferente.

“Está a ver aqui? Tenho o esquema feito no meu caderno. Todos os meus alunos entram às 08h25. Ninguém sai depois das 17h00 e os que saem às 17h é porque têm mais horas do que os outros devido ao ensino articulado de música. Quero que tenham pelo menos duas tardes livres. Se possível às sextas-feiras. Precisam de brincar, de se distrair, de praticar desporto. Quem é que aprende matemática à tarde? Ou português?“, questiona.
A biblioteca e mediateca da escola deixou de ter paredes 
e passou a ter vidros, os balcões foram abaixo 
Em poucos segundos ficou assim definida a sua postura relativamente a um sem número de escolas, muitas em Lisboa, onde há crianças a entrar depois da uma da tarde para estarem a ouvir debitar matéria, em blocos de 90 minutos, sentadas na cadeira, depois de almoço. Crianças que terão saído de casa para a escola ou para os ATL às 08h30, porque os pais trabalham, mas que só têm as disciplinas ditas nucleares na parte da tarde.

Explicações grátis e dois professores por sala
Manuel Mourão começou por criar um centro de explicações interno na escola. Quem quisesse podia ter aulas-extra de matemática e português, dadas pelos professores. Sem pagar. Há pouco tempo acrescentou o inglês. Começou pelo sétimo ano; mais recentemente introduziu as salas de estudo, que começam na primária: “São para os alunos com dificuldades, mas não só. Os que estiverem interessados em aprender mais podem pedir para integrar.”

Lançou também o que chama de coadjuvação — um sistema previsto pela tutela — desde o primeiro ciclo até à secundária. Esta iniciativa traduz-se na presença de dois professores na sala de aula e aplica-se a matemática, físico-química, português e em disciplinas mais práticas. “Dois professores estão mais atentos, ajudam mais, estão mais presentes”, explica.

*  Para fazer uma escola desta são precisas pessoas boas, inteligentes e dedicadas.

.
.

1-A FUGA DE PENICHE


video

O FIASCO DA DITADURA


.
.
7-HUMAN

video


.
.


 HOJE NO
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Morreu Fernando Ka

Presidente da Associação Guineense de Solidariedade Social e ex-deputado do PS tinha 62 anos

Presidente da Associação Guineense de Solidariedade Social (Aguinenso) e ex-deputado do PS - entre 4 de Novembro de 1991 e 26 de Outubro de 1995 - Fernando Ka, de 62 anos, morreu na noite de quarta-feira, vítima de paragem respiratória.
 .
Segundo a associação, Fernando Ka estava internado num hospital de Lisboa por causa de uma indisposição.

"O Fernando Ka foi um homem de causas sociais importantes, sendo um dos mais notáveis representantes do associativismo, muito ligado à representação das Comunidades lusófonas no nosso país.Viveu sempre pelos outros, pelos mais carenciados, em particular pelos do seu povo guineense", refere o post publicado na página Facebook da Aguinenso.

No site Esquerda.Net é elogiado o facto de Fernando Ka ter sido um dos "pioneiros da luta pelos direitos dos imigrantes" em Portugal e "um ativo combatente nas lutas contra o racismo e contra a segregação das pessoas da comunidade negra".

O velório irá decorrer no sábado, a partir das 14h30, no Salão Funerário da Igreja Nossa Senhora de Fátima, na Avenida Marquês de Tomar (Praça de Espanha), em Lisboa. A Missa de Corpo presente será no domingo, dia 13 de dezembro, às 10h na Igreja Nossa Senhora de Fátima, com saída para o Cemitério Alto São João, pelas 10h30.

* Um exemplo de generosidade e discrição, a lusofonia deve-lhe muito.

.
.

Ângelo Freire

Variações Em Ré

video

.
.
HOJE NO
"RECORD"

Portugal é a quinta seleção 
mais "chata" do Europeu 2016

Portugal é a quinta seleção mais chata de todas as 24 que vão marcar presença no Europeu de 2016, segundo um estudo da Opta, citado pelo site Goal.com, que refere que o facto de a Seleção Nacional depender em demasia de Cristiano Ronaldo torna-a aborrecida.
 .
O estudo incidiu sobre a fase de qualificação e refere que, na equipa das quinas, nem o melhor jogador do Mundo conseguiu entreter os adeptos como o faz, por exemplo, no Real Madrid. O estudo foi baseado num algoritmo que mede a emoção à volta das equipas baseada nos remates que faz, através da sua quantidade, precisão e importância.

Em cima da mesa está ainda o facto de Portugal ter vencido sete dos oito jogos por apenas um golo de diferença. No total, os pupilos de Fernando Santos fizeram 95 remates na qualificação, contra os 181 da campeã do Mundo Alemanha. O estudo diz mesmo que apenas Ucrânia, Albânia, País de Gales e Roménia foram mais aborrecidas, sendo que nenhuma delas tem as aspirações de Portugal na fase final.

Se as coisas com Ronaldo "aquecem pouco", sem o capitão ainda pioram, como nos particulares diante de Rússia e Cabo Verde. Em todo o caso, o Goal.com adverte que nunca uma seleção dependente de um grande nome foi campeã da Europa e, 11 anos após o Euro'2004, em que Portugal foi à final, coloca a turma das quinas na corrida ao título que já foi da Grécia: a equipa mais aborrecida da prova.

* Uma classificação sui generis, fica para a história.

.
.

CIDADE DAS FORMIGAS

video
 
Foi injectado cimento fínissimo para encher a complexidade das galerias

.
.

 HOJE NO 
  "JORNAL DE NOTÍCIAS

Patrão do crime europeu com fortes
. ligações a Portugal

A Guardia Civil espanhola anunciou, esta sexta-feira, ter detido o chefe da organização criminosa "mais importante da Europa", um britânico procurado por tráfico de droga e vários assassínios.

A rede tinha ligações a Portugal e em 2014 tinha sido responsável pela tentativa de desembarque em Portugal de 167 kg de cocaína, além de ter importantes ligações à mafia calabresa.
 .
Robert Dawes, de 44 anos, foi detido a 12 de novembro em Benalmadena (Málaga, Andaluzia, sul de Espanha) no decorrer de uma operação coordenada pela Europol. De acordo com um comunicado da Guardia Civil, o britânico foi apanhado por uma unidade de intervenção especial numa vivenda de luxo onde vivia com a sua família, empregados e guarda-costas.

Dawes era procurado desde 2007 altura em que já se pensava que "dirigia a organização criminosa mais importante do Reino Unido e da Europa, dedicada ao tráfico de droga, ao branqueamento de capitais e ao homicídio".

A operação de detenção foi realizada com o concurso da Europol, que em 2014 tinha servido de elo de ligção entre a Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefaciantes, da PJ, portuguesa e a estrutura de combate ao crime organizado do Reino Unido, Nacional Crime Agency (NCA). Na altura, a NCA, que estava a investigar o suspeito fez troca de informação com a PJ, relativamente a suspeitas de que estaria a ser preparado um desembarque de cocaína no nosso país. A UNCTE investigou o caso e veio a intercetar o veleiro "Gloria of Grenada", com 167 kg de cocaína.

As suspeitas eram de que a organização tinham fortes ligações à mafia calabresa, a N'drangheta, mais conhecida por mafia calabresa. E, aliás, um relatório da Europol de 2010 já dava conta de que esta organização mafiosa estava bem implantada em Espanha e servia-se de Portugal como ponto de desembarque, através de ligações aos cartéis colombianos.

O cabecilha britânico reunia-se regularmente com representantes dos cartéis da droga-sul-americanos em hotéis de luxo em Madrid, indicou a polícia, e a comunicação social inglesa diz também que uma das ligações era ao cartel de Medellin, que se tornou conhecido pela liderança de Pablo Escobar.
A partir da Andaluzia, a organização de Dawes introduzia na Europa grandes quantidades de cocaína dissimulada em móveis importados da China e em contentores de fruta provenientes da América do Sul e que eram desembarcados no porto de Algeciras.

Robert Dawes também era procurado pela Holanda por alegada ligação a uma vaga de assassínios naquele país entre 2014 e 2015, no que teria sido uma guerra de bandos pelo controlo do tráfico de cocaína em vários países da Europa

Um grupo especial de polícia de vários países foi formado para investigar esta organização.

A rede tinha ligações a Portugal, França, Bélgica, Holanda, Itália, Alemanha, Turquia, Reino Unido, Emirados Árabes Unidos, Paquistão, Venezuela, Equador e México. Também tinha ligações à Mafia calabresa (sul de Itália), conhecida por N'drangheta. 

* Um belo trabalho das forças de segurança.

.
.


RESOLVA


O PUZZLE

Christmas-Cat


.
.
HOJE NO
"JORNAL DE NEGÓCIOS"
Oficial: 
Líder da Fosun está detido

O fundador e presidente da Fosun, dona da Fidelidade e do Hospital da Luz, está detido pelas autoridades judiciais, confirmou o grupo chinês em comunicado. As acções da empresa vão voltar à negociação na segunda-feira
 .
O milionário chinês Guo Guangchang, fundador e presidente da Fosun, está detido devido a "investigações judiciais", confirmou o grupo chinês que controla a Fidelidade e a Luz Saúde em comunicado publicado na Bolsa de Hong Kong.
.
O KUNG FU DA SAÚDE
"A empresa tem informação que o sr, Guo está a colaborar com certas investigações judiciais levadas a cabo pelas autoridades judiciais" da República Popular da China, revela a Fosun, adiantando que o presidente "pode continuar a participar nas decisões mais importantes da companhia através dos meios apropriados".

"Os administradores da empresa consideram que esta investigação não teve qualquer impacto adverso no desempenho financeiro ou operacional do grupo", adianta o comunicado. "A actividade da companhia continua a funcionar normalmente", sublinha ainda o documento.

Depois desta comunicação, a negociação as acções da Fosun, que esteve interrompida durante toda esta sexta-feira, vai voltar a ser retomada na Bolsa de Hong Kong na próxima segunda-feira, 14 de Dezembro, refere também a empresa.

Não é claro qual o objecto das investigações que levaram à detenção de Guo Guangchang, já que não é feita qualquer referência nesse sentido no comunicado da Fosun.

Em Agosto foi notícia o facto de uma empresa da Fosun e o próprio Guo Guangchang estarem envolvidos num caso de favorecimento que pode configurar corrupção. Em causa o facto de a empresa do ramo imobiliário do grupo ter, alegadamente, vendido imóveis ao presidente de uma empresa estatal chinesa a um preço abaixo do praticado pelo mercado. Uma suspeita de favorecimento que a dona da Fidelidade explicou com descontos feitos numa época difícil para o imobiliário.

* Consta que "Guo" está detido por bom comportamento. É uma atracção fatal da maioria dos empresários portugueses por gente deste tipo, já o corticeiro-mor só tem deferências para Isabel dos Santos.
.
.
1-COP21

TERRA EXISTE UM FUTURO

video


A propósito da conferência de Paris



.
.

HOJE NO
"DESTAK"

Ministro da Cultura congratula-se 
com Idanha-a-Nova e Óbidos 
nas cidades da UNESCO

O ministro da Cultura, João Soares, congratula-se com a escolha, pela UNESCO, de Idanha-a-Nova e Óbidos, como novos membros das Cidades Criativas da UNESCO, nas áreas da música e da literatura, respetivamente. 
 .
IDANHA-A-NOVA
"Estas distinções premeiam um notável trabalho das respetivas autarquias e o empenho de organizações da sociedade civil, que deve ser considerado como exemplar, a nível nacional", afirma o comunicado divulgado pelo gabinete do ministro da Cultura. 
 .
ÓBIDOS
João Soares "endereça as suas felicitações aos munícipes de Óbidos e de Idanha-a-Nova e a todas as entidades e autarcas envolvidos", remata o comunicado. 

*  A vila de Óbidos é muito noticiada com inteira justiça, gostaríamos que Idanha-a-Nova fosse objecto de mais divulgação dado o património arqueológico, histórico e cultural do concelho, o museu etnográfico deveria ser visita obrigatória para quem ali passa.

.
.

REFRESQUE A MEMÓRIA






.