sexta-feira, 11 de setembro de 2015

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.
.
.


 O QUE NÃO




  "APRENDEMOS"!



TÃO PERTO DE CASA

video


A ARROGÂNCIA E A NEGLIGÊNCIA MATAM

.
.


 2-NEUROMARKETING

CIDADÃOS SOB A INFLUÊNCIA DA PUBLICIDADE

video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.


.
.
 
HOJE NO   
"A BOLA"

João Amorim 
campeão mundial júnior em C1

O português João Amorim (CN Ponte de Lima) sagrou-se, esta sexta-feira, em Gyor, na Hungria, campeão mundial de juniores na classe C1.

O canoísta do CN Ponte de Lima venceu a prova de 18,3 quilómetros em 1.27.37,893 horas, com vantagem de mais de um minuto sobre o segundo classificado, o húngaro Zoltán Koleszar. 

* Ficamos à espera que seja campeão mundial de seniores, uma questão de tempo, parabéns.


.
.

 I-JORNADA GEOLÓGICA


3-EUROPA CONTINENTE

DO FOGO E DO GELO


video


* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.


.
.

HOJE NO
 "DIÁRIO DE NOTÍCIAS

 DA MADEIRA"

Irmã de Ronaldo usa redes sociais para dizer que tem medo do que pode acontecer no caso dos refugiados .

Katia Aveiro, irmã mais nova de Cristiano Ronaldo, também usou as redes sociais para falar sobre a situação dos refugiados. A cantora partilhou a sua opinão para explicar que é a favor de ajudar os refugiados, mas não esconde o medo que sente.

Eis o que escreveu:
"Sobre os refugiados
Nos últimos tempos o problema dos refugiados tem estado por todo o lado na televisão e queria dizer-vos o que penso e algumas questões que também têm sido faladas.

É mesmo um terror todas as imagens e notícias que temos visto.

Ninguém devia sofrer assim e ver as suas famílias perdidas sem saber o que fazer. Penso na minha família querida, nos meus filhotes que amo tanto e não consigo imaginar.

Mas tenho medo do que vai acontecer e penso que quem sofre mais são os que ficam para trás, na guerra, a sofrer com fome porque não têm dinheiro para tentar fugir.

E depois, há relatos que falam em pessoas do estado islâmico entre os refugiados que chegam à Europa. Tenho mesmo medo do que pode acontecer. Peço a deus que não passem de boatos e que tudo corra bem mas tenho medo.

Já pensaram na revolta que pode começar se os nossos governantes não criarem regras e formas de integrar? É mesmo difícil.

É preciso ajudar os refugiados que vêm e precisam de ajuda mas também é preciso ter cuidado com os que trazem violência pura com eles.

* Sim é possível que terroristas se disfarcem de refugiados mas Hitler, Estaline e Mao, os maiores assassinos da história recente, não fazem com que os povos alemão, russo e chinês sejam desrespeitados, não se pode tomar a nuvem por Juno, enquanto houver refugiados temos de os acolher, é a melhor forma de não termos remorsos.
Bin Laden não precisou de se mascarar de refugiado para matar 3 mil pessoas, precisamente a 11 de Setembro.
É bom saber de que lado está Katia Aveiro, o da solidariedade.


.
.

 GRANDES EMPRESÁRIOS 
SÃO PARASITAS DO ESTADO,
SEM ELE NÃO EXISTIRIAM...

video


*Esta é uma afirmação de Manuel Monteiro ex-presidente do CDS/PP no programa da TVI24 "OLHOS NOS OLHOS" no início de 2014, antes das eleições europeias.
Em tempo pré-eleitoral considerámos que as palavras de Manuel Monteiro naquele programa são ainda susceptíveis de ponderação por parte dos eleitores que nos visitam.

** Há 39 anos que dirigentes dos PSD, PS e CDS nos desgovernam, nos mentem, nos atiram para a miséria e são permissivos quando não colaborantes a toda a sorte de trafulhices.
Claramente sugerimos, NÃO VOTEM nos partidos do "COVIL DA GOVERNAÇÃO"!


FONTE: ZITA PAIVA


 .
.
 
HOJE NO
 "DIÁRIO ECONÓMICO"

Hungria: 
quem passar a fronteira ilegalmente a partir de terça-feira será preso

O primeiro-ministro húngaro Viktor Orbán avisou esta sexta-feira que, a partir da próxima semana, quem transpuser ilegalmente a fronteira do país será preso, avança a BBC.
.
O anúncio surge depois de ontem a Reuters noticiar que o Governo ponderava declarar o "estado de crise" a partir da próxima semana devido ao movimento maciço de migrantes no país.

Além dessa declaração, passaria a ser crime a transposição do muro que está em construção na fronteira. As leis que deverão ser aprovadas na próxima semana prevêem ainda acelerar os procedimentos de registo de refugiados à entrada do país.

De acordo com a BBC, o chefe de Governo acusa os migrantes - que nas últimas semanas têm entrado aos milhares na União Europeia através daquele país - de se terem envolvido em confrontos com as forças de segurança e que foi necessário restaurar a ordem.

Esta sexta-feira foi divulgado um vídeo que mostra forças policiais húngaras a atirar comida na direcção dos refugiados, concentrados num campo na cidade de Roszke. Hoje, Orbán elogiou os esforços da polícia na contenção dos refugiados.

Desde o início do ano já cruzaram a fronteira húngara cerca de 160 mil migrantes, muitos dos quais em fuga da guerra civil na Síria. O objectivo dos refugiados é chegar a países como a Alemanha e a Áustria.

* Os húngaros que fugiram do país quando da invasão do exército da União Soviética foram muito bem tratados no  resto da europa. Desejamos ao sr. Orbán uma experiência de três meses como refugiado a fugir à  morte.

.

PEDRO TADEU

.



Porque vai Marcelo
 à Festa do "Avante!"?

O professor Marcelo foi à Festa do Avante!. Comprovei, in loco, que é uma simpatia. Vislumbrei, ainda, isto: se o católico descontraído acaso desse em comunista teria, mesmo assim, muitas dificuldades em ser militante do PCP. Já explico.

Talvez o comentador/político tenha ido desta vez à Quinta da Atalaia para marcar pontos a favor da candidatura à Presidência da República. Não me interessa. Interessa-me isto: o próprio Marcelo diz que foi pelo menos uma dezena de vezes ao evento. Fico a matutar: porquê?

Desde os anos 80 o que pude ler, ano após ano, na maioria dos jornais sobre a Festa do Avante! ou foi nada ou foram monótonas reportagens, sempre iguais, a queixarem-se do pó, das filas para comer, dos bêbados. As fotografias faziam uma busca obcecada por marcas de estalinismo, de velhos que ilustrassem a decadência do PCP, de bandeiras vermelhas gastas pelo tempo, de proselitismo nos cartazes. Os relatos e as opiniões transcreviam diálogos caricaturais de fanatismo ideológico temperados pela ridicularização daqueles três dias para o nível de um piquenicão do Continente, sem relva de plástico (vá lá!...).

Nunca li a explicação para o fenómeno que leva três gerações de milhares de portugueses, desde 1976, a tirarem anualmente férias para irem trabalhar, de borla, na Festa do Avante!. Nunca li a explicação para o único concerto regular de música clássica em Portugal, que atrai uma plateia de 30 a 50 mil pessoas, ser o da Festa do Avante!. Nunca li a explicação para a existência perene da multidão "ecuménica" (palavras de Marcelo) que enche, ao sábado, até ao sufoco, a Festa do Avante!.

Este ano gostaria de ter lido alguém contar como se juntou, no mesmo espetáculo, a banda Expensive Soul com o Grupo Coral "Os Mineiros de Aljustrel". Ou uma crítica, talvez justamente negativa, à bienal de artes plásticas ou à exposição política. Gostaria, em suma, que houvesse jornalismo cultural ou, melhor, jornalismo culto, mesmo que desse porrada na festa, mas que fosse para lá do resumo do discurso de Jerónimo de Sousa.

Talvez seja por isso que Marcelo Rebelo de Sousa vai ao Seixal: se ficar à espera dos jornais nunca perceberá o que se passa ali. Por isso, jantou com os mineiros de Aljustrel, no self-service atrás do Palco 25 de Abril, numa mesa onde, no meio, estava escrito: "Amigo, não te esqueças de levar o tabuleiro, s.f.f."

No final da refeição Marcelo despediu-se dos mineiros com contagiante boa disposição. Esqueceu-se, porém, de levar o seu tabuleiro para a zona de despejos, coisa que nenhum militante comunista português falharia... Marcelo bem o estuda, mas teria mesmo muitas dificuldades em pertencer a um coletivo com a cultura do PCP.

IN "DIÁRIO DE NOTÍCIAS"
08/09/15

.
.
.

626.UNIÃO


EUROPEIA



.
HOJE NO  
  "CORREIO DA MANHÃ"

Morre durante ato sexual 

Um homem, de 51 anos, morreu de forma súbita durante o ato sexual no interior de um carro numa estrada florestal da Pontinha, Odivelas. 


A mulher que o acompanhava deu o alerta via 112, explicando que estavam a ter sexo e o homem se sentiu mal. Mas não esperou pela chegada dos bombeiros e da polícia e fugiu. 

Segundo apurou o CM, tudo se passou pelas 19h00 de quarta-feira, na Quinta das Peles, Paiã. O homem, casado, estava só de camisola e deitado nos bancos da frente – a cabeça no lado do condutor e as pernas no lugar do passageiro. Na aflição da fuga, a mulher deixou a sua mala no carro. 

Os bombeiros tentaram reanimar a vítima, sem sucesso. A PSP foi ao local, mas o caso passou para a Judiciária. Não há indícios de crime. 

* É surreal escolher uma "queca" para se finar, coitada da parceira... ainda por cima uma facada no matrimónio.

.
.


O SEGREDO 
DAS COISAS

 44 -CARROS

FUNERÁRIOS


video


.
.

  III-ARQUIVOS SECRETOS

DA INQUISIÇÃO


4-GUERRA CONTRA AS IDEIAS

video




* As nossas séries por episódios são editadas no mesmo dia da semana à mesma hora, assim torna-se fácil se quiser visionar episódios anteriores.



.
.
ONTEM NO   
  "OBSERVADOR"

Vai morar ou viajar para a Europa?
 Saiba tudo sobre o 
Cartão Europeu de Saúde

O Cartão Europeu de Saúde permite aceder aos serviços de saúde em qualquer um dos 28 Estados-Membros da União Europeia, bem como na Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça.
.
Fazer as malas e partir. Em busca de um novo trabalho, de um novo sonho, de uma nova vida. Ou apenas para passar férias. Com as ansiedades da partida, há algo que não deve descurar: a sua saúde. Os sistemas variam de país para país, ainda que dentro da Europa, e para estar prevenido é essencial que dedique algum do seu tempo a tratar deste assunto. Ou seja, do Cartão Europeu de Saúde.
 .

O Cartão Europeu de Saúde permite aceder aos serviços públicos de assistência médica em qualquer um dos 28 Estados-Membros da União Europeia, bem como na Islândia, Liechtenstein, Noruega e Suíça. Gratuito, foi concebido para ser igual em todos os países aderentes e para que seja mais simples identificar o utente e a instituição que tem responsabilidade financeira sobre os custos que o utilizador pode ter ao aceder a cuidados de saúde no estrangeiro.

Para pedir o Cartão Europeu de Saúde, deve dirigir-se a um dos serviços de atendimento da Segurança Social, às lojas do cidadão ou aos serviços do subsistema de saúde a que pertence. É lá que preenche a documentação necessária. Se quiser evitar a fila de espera destas entidades, pode optar por pedi-lo pela internet, através da Segurança Social Direta, utilizando a palavra-chave ou o Cartão de Cidadão. O cartão segue para a morada do beneficiário, pelo correio.

Quando viajar para um dos países abrangidos, pode aceder aos cuidados de saúde que sejam necessários. Imagine que se sente mal, que cai ou que sofre um acidente. Com o Cartão Europeu de Saúde, evita ter de regressar a Portugal para receber tratamento. Contudo, um alerta: caso pense deslocar-se a um país especificamente para receber tratamento médico nem pondere fazê-lo através do Cartão Europeu de Saúde. Isso não está sequer contemplado.

Se precisar de receber tratamento hospitalar num destes países, tenha atenção ao seguinte: os serviços vão ser prestados no formato previsto para os beneficiários do sistema de Segurança Social desse país. Ou seja, se o país cobrar taxas moderadoras aos utentes, por exemplo, também terá de pagá-las.

O Cartão Europeu de Saúde está acessível a trabalhadores abrangidos pelo regime de Segurança Social, bem como os seus familiares, aos beneficiáros de subsistemas de saúde públicos, privados e aos utentes do serviço nacional de saúde, caso não tenham vínculo à Segurança Social ou aos subsistemas. Os pensionistas ou as pessoas que não estejam inseridas no mercado também podem pedir o cartão.

O Cartão Europeu de Saúde é válido por três anos, pelo que depois deve ser renovado pela internet ou num dos balcões. Em caso de perda ou roubo do mesmo, comunique com urgência à entidade a que pertence (Segurança Social ou um dos subsistemas).

Se precisar de utilizar o cartão num dos países abrangidos e o acesso aos cuidados de saúde lhe forem negados, deve pedir ao seu subsistema de saúde que contacte o médico ou o hospital onde o cartão lhe foi recusado.

* Importante informação prestada pelo "OBSERVADOR" na rubrica "ContasConnosco"

.
.

Yuri da Cunha

video

.
.
HOJE NO
 "DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

MP não quer que Poiares Maduro, Pacheco Pereira e Clara F. Alves 
sejam julgados

Ministério Público entende que não há indícios de crime de ofensa contra Tecnoforma, empresa que teve Passos Coelho como colaborador. 

O Ministério Público (MP) pediu hoje à juíza de instrução criminal que não leve a julgamento o ministro Poiares Maduro, o comentador político Pacheco Pereira e a jornalista Clara Ferreira Alves por crime de ofensa contra a empresa Tecnoforma.

"O Ministério Público (MP) remete para o despacho que já proferiu e requer a não pronúncia dos arguidos", disse a procuradora do MP durante o debate instrutório, tendo a juíza do Tribunal de Instrução Criminal de Lisboa marcado para a próxima sexta-feira a comunicação da sua decisão sobre a realização ou não de julgamento.

A instrução do processo foi requerida pelo ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional, que tem a tutela da comunicação social, depois de a Tecnoforma ter deduzido acusação particular, que o MP não quis acompanhar por entender não haver indícios do crime de ofensa contra a empresa Tecnoforma, que no passado teve o atual primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, como colaborador.
.


Cristóvão Carvalho, advogado da Tecnoforma, manifestou-se inconformado com a posição do MP e leu em tribunal excertos dos comentários de Pacheco Pereira nos media e em blogues que, em sua opinião, prejudicaram a imagem e a credibilidade da Tecnoforma, empresa que, disse, em "30 anos não teve nenhuma condenação em processo civil ou penal".

"Ao abrigo do capote da informação diz-se o que se quer?", questionou o advogado, observando que a Tecnoforma esteve meses a fio a levar "pancada" porque o atual primeiro-ministro foi seu antigo colaborador.

Cristóvão Carvalho pediu a pronúncia de Pacheco Pereira e também de Clara Ferreira Alves e Poiares Maduro, estes dois últimos devido a uma entrevista da jornalista do Expresso em que o ministro-adjunto alegadamente "não se demarcou" das afirmações ofensivas quanto à Tecnoforma e até lhes deu "cobertura".

Ricardo Correia Afonso, advogado de Clara Ferreira Alves e de Pacheco Pereira, salientou que se o MP entende que não há indício de crime, o tribunal deve seguir esse entendimento e explicou que a entrevista da jornalista surgiu num "condicionalismo que é público" relacionado com uma panóplia de notícias sobre a Tecnoforma publicadas no jornal Público.

Alegou ainda que os seus constituintes estavam de "boa fé" quando proferiram as declarações e invocou o direito à liberdade de expressão consagrado na Convenção Europeia dos Direitos do Homem e na Constituição.

Francisco Teixeira da Mota, advogado de Poiares Maduro, invocou também a liberdade de expressão e lembrou que "as opiniões não são verdadeiras, nem falsas", pois os factos é que podem ser verdadeiros ou falsos, observando que não há crime e que este processo visou apenas "criar um facto político".

"As restrições à liberdade de expressão têm que ser mínimas para as pessoas não terem medo de falar", conclui o causídico.

Este processo-crime por ofensa a organismo, serviço ou pessoa coletiva (artigo 187 Código Penal) está relacionado com o chamado caso Tecnoforma, que remonta a 2004 quando o primeiro-ministro Pedro Passos Coelho era colaborador da Tecnoforma e Miguel Relvas, secretário de Estado da Administração Local.

Nesta qualidade, e de acordo com notícias vindas a lume, Relvas terá facilitado a adjudicação à Tecnoforma de 1,2 milhões de euros para ações de formação direcionadas para funcionários de aeródromos, tendo o dinheiro saído do programa "Foral". Nada disto ficou provado, apesar de várias inspeções e investigações, segundo observou hoje o advogado da Tecnoforma.

* Ora vamos lá dar a nossa opinião apoiados na afirmação do sr. Francisco Teixeira da Mota, a Tecnoforma é culpada de ter tido como colaborador o sr. Passos Coelho, devia pagar uma indeminização aos portugueses, tal como todas as outras empresas que albergaram o futuro ex-primeiro ministro.

.
.

TECNOLOGIA MILAGROSA

video

Óculos que corrigem o visionamento das cores
.
.
HOJE NO
 "RECORD"

UEFA intensifica luta contra 
o doping e aperta regras

A UEFA anunciou esta sexta-feira a introdução, a partir de 1 de janeiro de 2016, do passaporte biológico para esteroides, destinado "a todos os jogadores suscetíveis de serem selecionados" para o Campeonato da Europa.
.
Esta medida, do mesmo programa da Agência Mundial Antidopagem (AMA), visa melhorar a identificação do uso de esteroides e é, de acordo com a UEFA, "um fortalecimento do conjunto de regras relacionadas com os locais da equipa e do jogador".

Será necessário também "o armazenamento de longa data, que permita a identificação retrospetiva de substâncias proibidas e, por último, a continuação do programa de testes de urina e sangue, dentro e fora das competições".

No comunicado, o organismo europeu salienta a colaboração com as organizações nacionais antidopagem de países com equipas na Liga dos Campeões, nomeadamente da Alemanha, Holanda, Espanha, Bélgica, Grã-Bretanha, Suécia, França e Itália e que outros se vão seguir.

Em relação ao Euro'2016, os controlos serão apertados a partir de janeiro, numa articulação entre a UEFA, as autoridades antidopagem nacionais e a agência francesa, representante do país organizador da competição.

"As seleções serão controladas nos estágios anteriores à competição e após a sua chegada a França", refere a UEFA, adiantando que durante a competição os controlos sanguíneos e de urina "serão aprofundados em todos os jogos".

* Vale mais tarde do que nunca.

.
.


RESOLVA


O PUZZLE


Colorful Chrysanthemums


.
.
HOJE NO
 "JORNAL DE NOTÍCIAS"

Judiciária alerta para extorsão
 sexual nas redes sociais

A Polícia Judiciária alertou esta sexta-feira para o "aumento significativo" de queixas por crimes de devassa da vida privada e extorsão associados ao uso de redes sociais, apelando aos utilizadores para que não se exponham a nível "íntimo e sexual". 
.
Num comunicado em que alerta para aquele procedimento criminal, que é conhecido como "sextortion" - uma forma de exploração sexual que usa formas não físicas de coação para extorquir favores sexuais à vítima -, a PJ "alerta e apela" aos utilizadores de uma "webcam` para que adotem uma postura "prudente" de modo a não terem consequências de devassa grave da vida pessoal e profissional, bem como de vitimização em termos de extorsão e de humilhação.


A polícia de investigação criminal alerta ainda para o facto de haver uma idade mínima para o uso das redes sociais e para o facto de os menores deverem ser avisados das consequências do mau uso destas redes.

As situações denominadas por "Sextortion" ocorrem quando os utilizadores, adultos ou menores, aceitam partilhar comunicações vídeo com exposição íntima e do foro sexual numa rede social.
Ao fazê-lo, correm o risco de virem a ser vítimas do crime de extorsão por parte de criminosos que lhes solicitam pagamentos de montantes elevados para que os vídeos ou imagens acabadas de obter não sejam divulgadas na Internet ou partilhadas pelos "amigos" da rede social, refere o documento da PJ.

A PJ acrescenta tratar-se de uma criminalidade de contornos transnacionais com um efeito "erosivo" sobre a confiança dos cidadãos nas estruturas da rede internet e um "efeito psicológico altamente devastador sobre as vítimas".

* Faz bem a PJ em alertar as pessoas, cumpre o seu dever.
Das pessoas que  navegam na NET nem 0,01% são ingénuas, sabem o que fazem, armam-se em espertas naquele geito muito comum do português que alia como ninguém ignorância com arrogância. É que abrir as  pernas e tirar a cueca à frente duma câmara não é tão virtual como parece.

Basta olhar para os fumadores que ignoram os avisos dos maços de cigarro, mas se descobrirem no supermercado um iogurte com um dia a mais do prazo de validade chamam logo a ASAE.


.
.
 VERANEANTE

video




.
.
HOJE NO
 "JORNAL DE NEGÓCIOS"

Mais de 10% dos trabalhadores
 de restaurantes e eventos estavam
 ilegais em Agosto

A inspecção do trabalho esteve em Agosto em mais de mil restaurantes e eventos. Mais de 10% dos trabalhadores estavam ilegais a maioria dos quais mulheres.
.
A Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) fez em Agosto inspecções a 1.132 restaurantes e eventos de Norte a Sul do País. Resultado: mais de 10% dos trabalhadores estavam ilegais, porque não foram declarados à Segurança Social.
 .
"No decorrer destas acções, os inspectores do trabalho detectaram 404 trabalhadores não declarados, o que corresponde a 10% do total de trabalhadores abrangidos, sendo de realçar que 61% dos trabalhadores não declarados eram mulheres. Foram ainda detectados 13 falsos prestadores de serviços, vulgarmente conhecidos por 'falsos recibos verdes'", lê-se num comunicado da ACT.

A ACT informa que foi regularizada a situação de 159 trabalhadores não declarados (40% do total) e de 12 recibos verdes. "No total os inspectores do trabalho adoptaram 873 procedimentos inspectivos", refere o comunicado.

Por vezes, depois da inspecção, "os trabalhadores desaparecem"

No ano passado, o trabalho não declarado detectado pela Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) subiu 73% no ano passado, mas só 45% das situações foram resolvidas na sequência da intervenção da inspecção.

Na altura, em declarações ao Negócios, o Inspector-Geral Pedro Braz defendeu a responsabilização das empresas que subcontratam entidades com trabalhadores ilegais, que actualmente não são penalizadas.

No ano passado os inspectores encontraram 1.939 trabalhadores não declarados, que implicaram um valor de 4,6 milhões de euros em dívida à Segurança Social. Das situações encontradas, apenas 45% foram regularizadas após a intervenção da ACT.

E nos outros casos? Por vezes "levantamos o auto de notícia e a entidade empregadora despede-os. Os trabalhadores desaparecem", explicava na altura o Inspector-Geral. Outras vezes, desaparecem os próprios empresários.

* Devem ser estes os empresários de quem o sr. Paulo Portas tanto fala como verdadeiros patriotas.

.
.
LEGISLATIVAS/2015


.
.
HOJE NO
 "DESTAK"

Suspensa consulesa honorária francesa por venda de barcos a refugiados

O ministro dos Negócios Estrangeiros da França, Laurent Fabius, suspendeu hoje de funções uma consulesa honorária na Turquia, por ter vendido barcos a migrantes e refugiados.
O anúncio da suspensão, comunicado pelo ministério da tutela, seguiu-se a uma reportagem no canal televisivo France 2, em que a diplomata, Françoise Olcay, admite ter vendido barcos pneumáticos e coletes salva-vidas a migrantes e refugiados que pretendem chegar à Grécia.

A reportagem, feita com uma câmara oculta, mostra a mulher na loja de artigos marítimos de que é proprietária na cidade turca de Bodrum. 

* Nojenta, esta consulesa.

.
.
BIKE SOFRE!!!

video

.
.
HOJE NO

 "i"

Cientistas garantem ter descoberto 
um novo parente dos humanos

Uma antiga espécie do género humano, até aqui desconhecida, foi descoberta por uma equipa de investigadores internacionais.

Os fósseis foram encontrados numa gruta, de acesso extremamente difícil, perto de Joanesburgo, no local arqueológico conhecido como "Berço da Humanidade" e inscrito na lista do património mundial da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (UNESCO).
 .
"Apresento-vos uma nova espécie do género humano", declarou Lee Berger, investigador da universidade de Witwatersrand em Joanesburgo, numa conferência de imprensa em Maropeng, onde se situa o "Berço da Humanidade".

Em 2013 e no ano passado, cientistas exumaram mais de 1.550 ossos pertencentes a pelo menos 15 indivíduos, incluindo bebés, jovens adultos e pessoas mais idosas. Todos apresentam uma morfologia homogénea, mas ainda não foram datados.

A nova espécie foi baptizada 'Homo naledi' e classificada no género 'Homo', ao qual pertence o Homem actual.

O Museu de História Natural de Londres considerou a "descoberta notável".

"Alguns aspectos do 'Homo naledi', como as mãos, pulsos e pés, são muito próximos do Homem moderno. Ao mesmo tempo, o pequeno cérebro e a forma da parte superior do corpo estão mais próximos de um grupo pré-humano denominado australopiteco", explicou o professor Chris Stringer do museu de Londres, autor de um artigo sobre o tema publicado na revista científica Life.

Esta descoberta poderá fornecer mais informação sobre a transição, há cerca de dois milhões de anos, do australopiteco primitivo para o primata do género humano, o antepassado directo do Homem actual.

* Parece que os ramos da nossa árvore genealógica ainda não estão todos descobertos. Bem vindo "avô Naledi".

** A espécie, HOMO NALEDI, é caracterizada por ter estatura e massa corporal semelhantes a populações humanas de pequena estatura mas com um pequeno volume endocranial semelhante aos australopithecus. 


Seus descobridores, cientistas patrocinados pela National Geographic, anunciaram a descoberta dos ossos como a de uma espécie nova de humanos antigos, mas especialistas diferentes desejam que novas evidências sejam mostradas para que a afirmação possa ser cientificamente justificada; um deles, Christoph Zollikofer, antropologista da Universidade de Zurique, declarou que muitas das características dos ossos encontrados são vistas em animais mais primitivos e por definição não poderiam ser usadas para definir uma nova espécie; por sua vez, Tim White, paleontólogo da Universidade da Califórnia em Berkeley, declarou que o que foi apresentado até agora pelos descobridores pertence a um tipo primitivo homo erectus, espécie catalogada e nomeada no século XIX.
(WIKIPÉDIA)

.