quarta-feira, 9 de julho de 2014

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

FARMACÊUTICAS

Helena e Gilda, duas solteironas, são donas de uma farmácia!... Entra um homem e pede uma camisinha.
Helena atende e traz a camisinha:
- É pequena ! Reclama o freguês. E Helena traz uma maior:
- Ainda é pequena
E Helena pega a maior que tem para venda.
- Desculpe, mas tem de ser maior!...
Helena grita prá Gilda que está no armazém da farmácia:
- Tem um homem aqui que precisa de uma camisinha maior que a XXL !!!... O que é que nós temos para oferecer???
- Casa.... comida, roupa lavada e sociedade na farmácia!!!!!!!!



.
.

O QUE NOS

SENSIBILIZA!


ALZHEIMER



.
.

 NÃO PODIA SER OUTRA





















.
.
 Eloquente!




.
.

ECONOMIA
E
FINANÇAS PÚBLICAS




CLIQUE EM "Programa OLHOS NOS OLHOS"


Se no dia indicado acima não teve oportunidade de ficar mais esclarecido sobre o tema, dispense-se tempo para se esclarecer agora, este programa é extenso mas terrívelmente claro e polémico.
Fique atento às declarações do Dr. Daniel Bessa
.
.
HOJE NO
  "DESTAK"

Investigadores usam cães para 
encontrar esconderijos de mosquitos
 que provocam malária 

 Investigadores norte-americanos estão a usar cães para encontrar esconderijos de mosquitos que provocam malária, doença que anualmente mata um milhão de crianças em África. 


Segundo a edição da revista 'Nature' publicada hoje, a equipa de cientistas está a utilizar cães de raça pastor alemão na região do Sahel para encontrar recantos onde o vetor da malária, os mosquitos adultos do género 'anopheles', se esconde durante a estação seca. 

Dados da Organização Mundial de Saúde indicam que pelo menos 627.000 pessoas, nomeadamente crianças africanas, morreram de malária em 2013, ano em que foram registados 207 milhões de casos da doença. 

* Acreditamos na boa fé dos investigadores mas quem subsidia este valioso trabalho fê-lo na prespectiva  de gerar um bom negócio com a população africana. África é uma espécie de lixeira do Ocidente, quando se "dá" alguma coisa é porque se tira muito.


.
.


LINGERIE




 SPRING SUMMER

PARIS FASHION
2014



Salon de la lingerie

Sexy Night



Fantasy Game

 Salon de la lingerie


 

Jolidon

Salon de la lingerie






Lingerie Allande
 
Ligne Jakata






.
.
HOJE NO
  "i"

Beckham, Arctic Monkeys e
 George Michael indicados 
em esquema fraudulento

O "The Times" revelou ainda que muitos empresários, médicos, dentistas e advogados estão envolvidos no esquema

 Os Arctic Monkeys, George Michael, Katie Melua e David Beckham são alguns dos nomes presentes numa lista com um total 1600 envolvidos num esquema de fuga "agressiva" aos impostos, publicado pelo jornal "The Times".

De acordo com este jornal, os quatro músicos pagaram entre 47 mil e 105 mil euros em taxas para "proteger" entre 700 mil e mais um milhão de euros de impostos.

Este esquema - desinado por "Liberty" - conta ainda com o nome de Katie Melua que usou dupla nacionalidade para evitar pagar cerca de 628 mil euros em impostos. George Michael terá tentado esconder mais de oito milhões de euros.
O "The Times" revelou ainda que muitos empresários, médicos, dentistas e advogados estão envolvidos neste esquema. 

* Gente fina é outra coisa, vá lá um pobre fazer estas fraudes....admiramos não estarem banqueiros portugueses envolvidos.


.
.

5-CONSENSO


FABRICADO

NOAM CHOMSKY



.
.
HOJE NO
  "A BOLA"

Noruega recebe prova antes dos Açores

Kragero, na Noruega, recebe este fim de semana a terceira etapa do Red Bull Cliff Diving World Series, novamente com competições masculina e feminina.

A prova norueguesa marca precisamente o meio da temporada e antecede a visita aos Açores, em São Miguel, a 26/27 de julho.
Cumpridas estão já as estreias de Cuba e do Texas, além do regresso à Europa na piscina natural de Inis Mór (Irlanda).

O britânico Gary Hunt, que venceu as duas últimas etapas (tendo mesmo estabelecido novo recorde de pontuação), é o mais forte candidato a conquistar aquele que será o quarto título mundial.

Kragero marcará ainda o regresso da competição feminina, com a americana Rachelle Simpson na frente, depois de ter vencido a única prova realizada, no Texas.
  
* Provas de grande espectáculo.


.

CRISTINA AZEVEDO

.





Carta a Sophia

"Olá! Conheço-a desde muito pequena. Dizem-me que comecei a ler com quatro anos de idade e por isso, não demorei nada a chegar à "Menina do mar", ao "Cavaleiro da Dinamarca", à "Fada Oriana", ao " Rapaz de bronze" ou aos "Contos exemplares".Nessa altura, desconfiei um bocado do que li. Era tudo tão bonito, tão leve, tão luminoso que me parecia que a Sophia em vez de escrever pintava. Aguarelas. 
.
Depois cresci um pouco e li muitos dos seus poemas. As tintas eram as mesmas e comecei a conjeturar que decerto tinha ido à procura da Grécia para Lisboa.

E isso custou-me um pedaço. É que eu, no fundo, levei um bocado a mal que nos tivesse deixado. Afinal, nasceu no Porto, viveu na Quinta do Campo Alegre (não foi esse o Jardim do "Rapaz de bronze"?), estudou no Colégio do Rosário (acho que na altura se chamava do Sagrado Coração de Maria) e fazia praia na casa de uns amigos na Granja.

"O rapazinho da casa branca adorava as rochas. Adorava o verde das algas, o cheiro da maresia, a frescura transparente das águas. E por isso tinha imensa pena de não ser um peixe para poder ir até ao fundo do mar sem se afogar. E tinha inveja das algas que baloiçavam ao sabor das correntes com um ar tão leve e feliz".

Diga-me se isto podia ser nalgum outro sítio? Só no Norte há cheiro de maresia e algas verdes e suspeito que só por aqui se quer ir ainda ao fundo, mesmo ao fundo do mar.

Acho que li há uns anos que a casa que escolheu (com um jardim desenhado pelo arquiteto Ribeiro Teles mas amanhado por si), na Travessa das Mónicas, lhe atenuava a saudade do Porto que era, segundo dizia, mais perto do mar. E era lindo o mar ao fundo, visto do quadro que o Nikias Skapinakis lhe pintou.

Atropelei entretanto muitos autores e muitas leituras mas acabei por voltar a sentir aquela espécie de orgulho antigo de ser da sua terra. Vivo ao lado do seu Colégio numa casa de muros altos com árvores e casei com um homem que sabe de cor todos os seus poemas. O 25 de Abril para ele não tem 40 anos, tem a frescura do seu eterno texto: "Esta é a madrugada que eu esperava/O dia inicial inteiro e limpo/Onde emergimos da noite e do silêncio/E livres habitamos a substância do tempo".

Voltei a procurá-la nos livros. E veja lá que a reencontrei pela mão do seu velho amigo Jorge de Sena. Alguém comentou num jantar que "Sinais de fogo" era o maior e melhor romance da literatura portuguesa. Não o tinha lido. Li e fiquei fascinada. Procurei mais e ao retirar as "Dedicácias" da prateleira da livraria vi, ao lado, a "Correspondência" que entre ambos trocaram de 59 a 78.

E foi por aí que mais gostei de a ver. De repente a poeta do mistério, "Eu sinto os grandes anjos cujas asas/Contêm todo o vento dos espaços", adquiria uma dimensão concreta e empenhada.
Lembro-me da sensação de conforto e do sorriso que me provocava quando "dizia": "Estou-lhe a escrever com duas canetas estragadas e num papel que esborrata tudo". Ou "Não sei o que me falta para escrever cartas. (...) E cartas por avião ainda é pior. Depois de escritas ficam na gaveta à espera de uma ida à Baixa", ou mesmo "escrevo-lhe a correr no meio das compras de Natal".
A naturalidade com que se mostrava correspondia à franqueza e firmeza com que dizia "Em verso eu não preciso de compreender mas em prosa eu preciso".

Estes lampejos da vida de todos os dias, associados à de integridade inadiável da sua atitude e da sua ação cívica, renderam-me em absoluto. Colhi como exemplo a tentar seguir, a exigência do seu percurso literário, o rigor da sua análise política, a justiça das suas avaliações, a tenacidade do seu recomeçar, a lealdade da sua amizade, enfim a inesgotável energia de, como dizia "tentar ser poeta, mulher de D. Quixote e mãe de cinco filhos".

Mas volto ao princípio, sabe. Ainda acho que no fundo é de cá. De resto é o que diz:" Porque nasci no Porto/ Sei de cor o nome das flores e das árvores/ E não escapo a um certo bairrismo/Mas escapei do provincianismo da capital".
Hoje, fui pôr uma flor no portão do Jardim Botânico".

IN "JORNAL DE NOTÍCIAS"
04/07/14

.
. .



236.UNIÃO


EUROPEIA





.
.
HOJE NO
  "DIÁRIO DE NOTÍCIAS 
 DA MADEIRA"

Deco diz que portugueses já financiaram
 o fisco em oito milhões de euros

A Deco revelou hoje que os portugueses já pagaram oito milhões de euros de Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) a mais porque as finanças não atualizaram a idade e o valor das casas.

Em comunicado, a Associação Portuguesa para a Defesa dos Consumidores (Deco) adiantou que quatro meses e meio após o lançamento da campanha "Pague menos IMI", o portal dedicado ao tema já tinha acumulado 395 mil visitas.


De acordo com a Deco, as 328 mil simulações feitas até 08 de julho (terça-feira) indicaram que os portugueses estão a pagar pelo menos 8 milhões de euros de imposto a mais, por a idade e o valor de construção dos imóveis não serem atualizados pelas Finanças.

Por considerar que os números "são graves", a Deco pediu, em abril, uma audiência à ministra das Finanças, Maria Luís Albuquerque, o que até agora não se concretizou.

"O objetivo era apresentar-lhe estes resultados e solicitar que dois parâmetros do cálculo do IMI --- a idade do imóvel e o preço por metro quadrado --- sejam automaticamente atualizados, mas o Governo parece querer ignorar uma situação que penaliza os contribuintes em milhões de euros todos os anos", sublinha a associação.

Para a Deco, o "silêncio [da ministra das Finanças] é comprometedor e demonstra desrespeito pelos consumidores, que exigem uma rápida tomada por parte do Ministério".

Por isso, a associação de defesa do consumidor reitera mais uma vez o seu pedido de esclarecimentos ao ministério e aconselha todos os contribuintes a visitarem a sua página www.paguemenosimi.pt.
A Deco lembra que neste mês de julho muitos contribuintes estão a liquidar a segunda prestação do IMI.

A funcionar desde fevereiro, o simulador, na página www.paguemenosimi.pt, permite aos contribuintes, segundo a DECO, apurarem se o valor patrimonial do seu imóvel está correto e se estão a pagar ou não imposto a mais.

* Confie na DECO.


.
.


27.O MELHOR
 DA ARTE

AS SABINAS


JACQUES-LOUIS DAVID




 Da tela ao tipo de pincel usado pelo artista, do contexto político, histórico ou individual do pintor e da época de seu trabalho, Palhetas desvenda os inúmeros segredos que um quadro pode esconder. Usando finas técnicas como raio-X e infra-vermelho, o programa disseca pinturas ao seu nível mais íntimo fazendo uma astuta investigação!

 .
.
HOJE NO
  "DIÁRIO ECONÓMICO"

Hollande condecora Barroso pelo 
trabalho de 10 anos em Bruxelas 

O presidente da Comissão Europeia, José Manuel Durão Barroso, recebeu hoje das mãos do presidente francês, François Hollande, a mais alta condecoração francesa, pelo trabalho à frente da Comissão Europeia, que está prestes a abandonar ao cabo de 10 anos. 

A atribuição das insígnias de Grande Oficial da Legião de Honra teve lugar no Eliseu, por ocasião de uma visita de José Manuel Durão Barroso a França, para encontros bilaterais com François Hollande, e também com o primeiro-ministro francês, Manuel Valls, para discutir assuntos relativos à cimeira de chefes de Estado e de Governo da União Europeia, que se celebra a 16 de Julho em Bruxelas.


Com a atribuição desta condecoração, a França distingue o antigo primeiro-ministro português pelo seu trabalho desde 2004 à frente do executivo comunitário, "em particular pelo seu papel na gestão das mais recentes crises na Europa e em prol da união dos países europeus", tendo fonte comunitária indicado à Lusa que o presidente da Comissão se manifestou "honrado e até emocionado", acrescentando que a condecoração significa o "compromisso profundo da França com a integração europeia".

Durão Barroso completa no final do próximo mês de outubro o segundo mandato à frente da Comissão Europeia, igualando o recorde de longevidade de um presidente do executivo comunitário, que estava na posse de um francês, Jacques Delors (1985-1995).

Na próxima semana, em Estrasburgo, o luxemburguês Jean-Claude Juncker deverá ser confirmado, numa votação no Parlamento Europeu, como o sucessor de Durão Barroso, e o Conselho Europeu da próxima semana tem como objectivo discussões entre os líderes europeus sobre a atribuição dos restantes altos cargos institucionais, designadamente a presidência do Conselho Europeu, o cargo de Alto Representante da UE para os Negócios Estrangeiros, e a presidência do Eurogrupo.

* Em tudo semelhante ao folclore do Estado Novo, Hollande socialista é um equívoco, a obra de Barroso à frente da comissão um erro de casting.

.
.


 Carlos do Carmo

Raquel Tavares


O Que Sobrou De Um Queixume



.

 HOJE NO
"CORREIO DA MANHÃ"

 Governo nomeia Lobo Xavier para 
avaliar reforma que o próprio fez 

Comissão presidida por António Lobo Xavier vai avaliar os resultados da reforma do IRC que foi proposta por António Lobo Xavier.

 O Governo nomeou o gestor e mestre em direito fiscal António Lobo Xavier para presidir à Comissão de Monitorização da Reforma do IRC (Imposto Sobre o Rendimento de Pessoas Colectivas), que tem por missão, avaliar os seus resultados. 

A decisão foi publicada ontem no Diário da República e tem a assinatura do secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio. 


A reforma do IRC, que propôs a redução da taxa nominal de 25% para 23% do imposto sobre as empresas e a criação de uma taxa reduzida de 17% aplicável aos lucros das PME, foi conduzida precisamente por António Lobo Xavier, militante do CDS, que agora vai monitorizar a execução a sua própria reforma e, além disso, segundo se lê no despacho de Paulo Núncio, a “recomendar ao Executivo a taxa nominal desse imposto para os anos de 2015 e 2016”. 

Ou seja, não será o governo a determinar a futura redução da taxa, mas António Lobo Xavier. Além de Lobo Xavier,fazem, parte da nova comissão João Pedro Santos, economista, e Diogo Bernardo Monteiro, jurista. Segundo o despacho, os três especialistas vão trabalhar ‘pro bono’, já que “renunciaram a qualquer remuneração”. 

* Deste governo tudo se espera, até estas manobras de circo. Não há almoços grátis.


.
.

FOI POR POUCO



.
.




HOJE NO
  "O PRIMEIRO DE JANEIRO"

DGS faz recomendações por causa do calor
 “Devem-se adotar medidas
 de prevenção” 

A Direção-Geral da Saúde (DGS) recomendou à população que adote “medidas de prevenção”, destinadas principalmente às crianças, idosos e doentes crónicos, devido à previsão de uma “subida acentuada da temperatura”. “Uma vez que as pessoas idosas são particularmente vulneráveis, é importante que os familiares e vizinhos estejam atentos à necessidade de ingestão frequente de líquidos e de assegurar um ambiente fresco”, sublinha o comunicado, alertando ainda que os bebés até aos seis meses não devem ser sujeitos à exposição solar, desaconselhando a sua ida à praia. 

 O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê, a partir de amanhã (quinta-feira), uma subida acentuada da temperatura máxima nas regiões do litoral que se situará próximo dos 30ºC, sendo que no interior estará acima dos 35ºC. Os níveis de radiação ultravioleta estarão também muito altos. 

Devido a estas previsões, a Direção-Geral da Saúde emitiu um comunicado, publicado no site, em que divulga várias medidas de prevenção destinadas especialmente a pessoas mais vulneráveis ao calor, como aumentar a ingestão de água ou sumos de fruta natural sem adição de açúcar e evitar o consumo de bebidas alcoólicas.


Nos períodos de maior calor, a DGS recomenda à população que permaneça em “ambientes frescos” e evite atividades que exijam grandes esforços físicos e a exposição direta ao sol entre as 11 e as 17 horas. Aconselha ainda quem tenha de andar na rua a utilizar roupa solta, opaca e que cubra a maior parte do corpo, chapéu de abas largas, óculos com proteção contra radiação UVA e UVB e protetor solar com fator igual ou superior a 30.

 “Os trabalhadores no exterior devem proteger-se de forma adequada, nomeadamente fazendo uma boa hidratação e pausas regulares em locais mais frescos”, acrescenta. A DGS adverte ainda que “deve ser evitada” a permanência de pessoas dentro de viaturas expostas ao sol, especialmente se forem crianças, grávidas ou idosos. 

 No comunicado, a Direção-Geral da Saúde faz algumas recomendações específicas para os idosos, crianças, grávidas e doentes crónicos. “Uma vez que as pessoas idosas são particularmente vulneráveis, é importante que os familiares e vizinhos estejam atentos à necessidade de ingestão frequente de líquidos e de assegurar um ambiente fresco”, sublinha, alertando ainda que os bebés até aos seis meses não devem ser sujeitos à exposição solar, desaconselhando a sua ida à praia, e as crianças com menos de três anos devem evitar a exposição direta ao sol. 

 Dirigindo-se às grávidas, a DGS afirma que devem ter “cuidados especiais”, como ingerir muitos líquidos, evitar a exposição direta ao sol e moderar a atividade física. Já os doentes crónicos ou que estejam a fazer uma dieta com pouco sal ou com restrição de líquidos devem seguir as recomendações específicas do médico. A DGS lembra que ativou, no passado dia 15 de maio, o Plano de Contingência para Temperaturas Extremas Adversas em articulação com as autoridades de saúde das várias regiões e outros parceiros relevantes para a sua implementação. 

O Módulo Calor do plano é um instrumento estratégico, que tem como objetivo promover a proteção da saúde das populações contra os efeitos negativos dos períodos de calor intenso. Para isso, o Plano baseia-se num sistema de previsão, alerta e resposta apropriada, podendo ser alargado em função das condições meteorológicas, explica a DGS.

* Importante estar atento.


.
.

2-QUE FELIZES SÃO
OS NORTE COREANOS!

 A maior parte da população é subnutrida


 As praias estão vedadas com redes electrificadas para evitar fugas pelo mar


 Apesar de parecer um sistema de transporte
. público eficaz, as pessoas da fila esperam
. muito tempo para que o autocarro
 da frente parta.


 Não é um jardineiro, arranca relva 
para lhe servir de refeição


 O metropolitano é soturno e nem 
todos os cidadãos o podem utilizar


Em pleno século XXI a maior parte
 da agricultura não é mecanizada


 As caras de espanto quando 
são fotografadas por um turista


Símbolos do regime, única arte possível
 nas habitações



 Estradas norte coreanas, algumas estreitas, sempre com pouco trânsito, os enormes blocos de cimento podem ser deslocados para o piso, para impedir a improvável progressão de tanques inimigos do vizinho sul-coreano.


 Uma fotografia de propaganda, a modernidade dos patins em linha e a infelicidade e medo nos rostos.


 A Coreia do Norte tem cerca de 8 milhões de reservistas, prontos para serem mobilizados, homens e mulheres.


Desenrascanço familiar á beira da estrada



.
.

HOJE NO
  "DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Contas bancárias penhoradas 
aumentam 10 vezes num ano

Uma mudança na lei em 2013 permitiu que a execução de penhoras passasse a ser feita sem a autorização de um juiz. 


Um pedido de informação ao Banco de Portugal, efetuado por um agente de execução, e o acesso a um programa informático específico aceleraram todo o processo, que agora demora pouco mais de duas semanas. 

O resultado é uma subida astronómica dos números de congelamento e apreensão de contas bancárias. Por mês, a média de penhoras é de 7800 contas quando, anteriormente, a média anual rondava as 790. Os devedores só têm uma garantia: na sua conta bancária terá de ficar disponível uma quantia equivalente ao salário mínim.

* Uma lei perigosa que abre precedentes a leis ainda mais arbitrárias e  perigosas. Um agente de execução não é garantia de nada, não tem o peso e o valor de uma decisão em tribunal.


.
.

Desenhando
Harry Potter




.
.
HOJE NO
  "RECORD"

Agente de Neymar chama 
"asqueroso" e "ridículo" a Scolari

Luiz Felipe Scolari assumiu as culpas pela eliminação humilhante no Mundial aos pés da Alemanha, por 7-1. O selecionador brasileiro disse que o "responsável" por tudo era ele próprio mas apesar do ato de "mea culpa", as críticas não se fizeram. 


Uma das mais retumbantes foi a de Wagner Ribeiro, empresário de Neymar. O agente do jogador que falhou a partida diante da Mannschaft enumera "seis requisitos para ser técnico da seleção brasileira":

1.º Treinar a seleção portuguesa e não ganhar nada
2.º Ir para o Chelsea e ser despedido
3.º Ir treinar para o Usbequistão
4.º Voltar ao Brasil, a uma equipa grande e despromovê-lo para a segunda divisão
5.ª Pedir a demissão 56 dias antes do final do campeonato para escapar à despromoção
6.ª Ser um "velho babaca", arrogante, asqueroso, prepotente e ridículo.

* Simplesmente  boçal, ordinário e mentiroso, não consta que Ribeiro tenha ganho o Mundial quando Neymar ainda era um moleque.

.
.


ARTE É ARTE













.
.
HOJE NO
  "JORNAL DE NOTÍCIAS"

Criado gel que previne transmissão
 do VIH até 24 horas

Um novo gel microbicida apresentado, esta quarta-feira, em Madrid permite prevenir com eficácia a transmissão do vírus do VIH/Sida durante relações sexuais, se for aplicado oito horas antes do ato sexual. 
Ángeles Muñoz, a chefe de secção do laboratório de Imunobiologia Molecular do hospital Gregorio Marañón, em Madrid, apresentou este gel em conjunto com o professor titular do departamento de Química Inorgânica da Universidade de Alcalá, Javier de la Mata, informou a agência Efe.

O gel tem uma eficácia de proteção do VIH entre 18 e 24 horas, durante as quais se podem manter relações sexuais sem contágio, e o ideal seria aplicá-lo 8 horas antes da relação sexual.

O composto baseia-se no dendrímero 2sg-s16, um tipo de partícula microscópica que bloqueia a infeção de células epiteliais e do sistema imunitário por parte do VIH, mas não é espermicida, pelo que os investigadores já advertiram para a possibilidade de se causar gravidez.

Muñoz explicou que o gel microbicida demonstrou uma eficácia 'in vivo' de cerca de 85%, mas a eficácia 'in vitro' foi cerca de 100%, em combinação com medicamentos antirretrovirais.

* Importante transformar a doença em crónica e menos mortal.


.
.


 FÓSFORO MÁGICO



.
.
HOJE NO
"JORNAL DE NEGÓCIOS

Marca "Portugal" quer promover
. economia nacional no estrangeiro

Em Portugal, o selo “Portugal Sou Eu”. No exterior, a marca “Portugal”. O objectivo é promover a internacionalização das empresas portuguesas, enquanto se toma consciência da qualidade dos produtos nacionais.
 .
Tem o nome do país que quer promover. A nova marca "Portugal" – apresentada esta quarta-feira, 9 de Julho, no Ministério da Economia – representa a internacionalização do selo "Portugal Sou Eu". Criado em Dezembro de 2012, o programa pretendia incentivar a valorização e consumo dos produtos nacionais a um nível interno.

"Depois do apelo à ligação dos portugueses aos seus produtos, agora há o alargamento desse apelo ao mundo", referiu o secretário de Estado da Inovação, Investimento e Competitividade, Pedro Gonçalves, explicando o surgimento da marca "Portugal".

O objectivo é projectar os "produtos, serviços e talentos" nacionais ao abrigo da nova chancela, de modo a reforçar a competitividade do país nos mercados externos. Em especial, o programa quer promover a "incorporação de PME nacionais na cadeia de internacionalização, numa lógica de porta-aviões", esclareceu.

Assim, haverá o selo "Portugal Sou Eu" a nível nacional e a marca "Portugal" para a promoção externa. Pedro Gonçalves descreve as duas vertentes como uma "estratégica consistente de imagem e de mensagem" através, por exemplo, da homogeneidade da imagem gráfica para os dois tipos de mercado.

Apesar da nova vertente internacional do projecto, os critérios de atribuição do selo "Portugal Sou Eu" – através do Instituto Português de Qualidade - vão manter-se. O secretário de Estado responsável pela competitividade acredita que esta dimensão externa poderá, inclusive, atrair mais empresas portuguesas para a certificação nacional do "Portugal Sou Eu". 

O que prevê o protocolo?
O protocolo que define a marca "Portugal" foi assinado esta quarta-feira, 9 de Julho, entre o Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas e à Inovação (IAPMEI) e a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP). O mesmo define que o IAPMEI será o detentor da nova chancela e respectivo logótipo, que a AICEP poderá utilizar nas suas acções de promoção externa – como feiras e eventos internacionais.

A marca "Portugal" também poderá ser utilizada por associações sectoriais em acções de internacionalização, desde que solicitem autorização para o seu uso. Até ao momento, já chegaram 23 pedidos a este nível, revelou o Executivo.

Como é financiado?
O projecto – tanto na sua dimensão interna como externa – conta com um orçamento, até ao final deste ano, de 3,9 milhões de euros, financiado em 85% pelo programa europeu Compete. Deste valor, 40% foram destinados às campanhas de divulgação realizadas em Fevereiro e Junho deste ano.

Miguel Cruz, presidente da IAPMEI, esclareceu que "não há investimento específico que seja dirigido única e exclusivamente à marca "Portugal"", embora reconheça que "parte significativa do investimento" passa por esta acção de internacionalização.

Que impacto na economia portuguesa?
De acordo com os dados disponibilizados pelo Ministério da Economia, estão inscritas, até ao momento, 1.044 empresas e certificados 2.403 produtos no programa "Portugal Sou Eu", o que representa um volume de negócios de 1,3 mil milhões de euros. "Está neste momento em desenvolvimento o alargamento do "Portugal Sou Eu" a empresas de serviços", informou Miguel Cruz.

Para já, o Ministério da Economia não avança com perspectivas de retorno que o novo projecto poderá significar para a economia nacional. O desejo do secretário de Estado Pedro Gonçalves é que a marca "Portugal" possa contribuir para o objectivo de ter as exportações a representar 50% do PIB até 2017.

Que países visados?
Até ao final do próximo ano quer chegar a 41 países, através de 467 acções de promoção. Ao todo, serão 18 os sectores de actividade a querer mostrar o que o país tem de melhor, ao abrigo da chancela  "Portugal".

União Europeia, Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, Colômbia ou China – onde a diplomacia económica nacional mais se tem feito sentir – são os alvos prioritários destas campanhas.

A nova marca já marcou presença na Feira Internacional de Argel (de 28 de Maio a 2 de Junho) e prepara-se agora para a Feira Internacional de Luanda (que se realizará de 22 a 27 de Julho).

* A promoção de PORTUGAL é prioritária.


.