sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

.

SERÁ QUE DÁ PARA PILOTO?
Teste visão e concentração para pilotos









A maioria dos homens não consegue.

Vejamos se tem o que é preciso para ser piloto...


É capaz de fixar o papagaio durante 10 segundos?














 Pois! Foi o que  pensámos...

Junte-se a nós e esqueça a aviação...




.
.


O QUE NÓS


CONSULTAMOS!









.
.

SUJIDADE






















.
.



2-Absolutamente
femininas















.
.
HOJE NO
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

Nova lei dos empreendimentos 
turísticos “diminui custos de contexto, 
simplifica e liberaliza procedimentos”

O Governo aprovou a nova lei dos empreendimentos turísticos que pretende “diminuir custos de contexto, simplificar e liberalizar procedimentos”, como é descrito no Decreto-Lei publicado em Diário da República. A lei entra em vigor dentro de 29 dias.
 .
Com este novo diploma, “no processo de classificação, consagra-se a possibilidade de os requisitos para a categoria serem dispensados  não apenas por apreciação da entidade administrativa, mas também verificados determinados critérios a concretizar em portaria”.

Além disso, eliminam-se as taxas devidas pela realização de auditorias obrigatórias de classificação efetuadas pelo Turismo de Portugal, assim se reduzindo o peso do  Estado sobre a economia e os privados, eliminando-se, ainda a Declaração de Interesse para o Turismo, como já havia sido divulgado pelo secretário de Estado do Turismo.

Com este diploma, o Governo alarga à Autoridade de Segurança Alimentar e Económica, a competência sancionatória relativamente aos estabelecimentos de alojamento local.

Esta alteração permitirá ainda a redução das condições necessárias à instalação dos empreendimentos turísticos e o alargamento do mecanismo de deferimento tácito.

Ficam ainda eliminados os requisitos de acesso à profissão de director de hotel, mas mantém-se a existência da profissão e elimina-se a Declaração de Interesse para o Turismo, “porque se trata de uma burocracia inútil, que atrasa o investimento e parece desconhecer que são os turistas a reconhecer ou a declarar o interesse para o Turismo, e não o Estado”, refere o ministério da Economia, numa nota à imprensa.

Além disso são eliminadas as taxas devidas pela realização de auditorias obrigatórias de classificação efetuadas pelo Turismo de Portugal, assim se reduzindo o peso do Estado sobre a economia e os privados.

* Oxalá resulte.

.
.
1.RUSH




RUSH é um filme independente e experimental português que aborda o tema da toxicodependência, explorando também um variado leque de autores cinematográficos e literários, dedicando várias referências aos mesmos ao longo do filme.

Bia sustenta o seu vicio com a prostituição, desprezando a sua gravidez.
Samuel inutiliza a sua única vocação escolhendo um estilo de vida libertinário.
Matilde vive num mundo solitário onde o real e o irreal andam de mãos dadas.
Dina tenta resgatar-se a si mesma isolando-se das drogas.

Ao longo de 24 horas, a vida das 4 personagens mudará completamente enquanto exploram os cantos mais íntimos dos seus sentimentos e vulnerabilidades.



.


HOJE NO
"DESTAK"

Câmara da Mealhada cria fundo 
contra pobreza e exclusão social 

 A Câmara da Mealhada aprovou a criação de um fundo extraordinário com o objetivo de combater a pobreza e a exclusão social no concelho, anunciou hoje a autarquia. 


Apresentada pela vereadora da Ação Social, Arminda Martins, a proposta de criação do Fundo Extraordinário de Intervenção Social foi aprovada, por unanimidade, na segunda-feira, na última reunião do executivo liderado pelo socialista Rui Marqueiro. 

Como este fundo, a Câmara "pretende dar resposta aos problemas sociais que afetam os munícipes e atenuar fenómenos como a pobreza e a exclusão social, dignificando as condições de vida das pessoas com menos recursos".

* Excelente iniciativa.


.
.

 A HISTÓRIA DA 

MUDANÇA






.
.
HOJE NO
"i"

Justiça alemã ordena ao Google que 
retire imagens privadas de Max Mosley

A 6 de Novembro, Max Mosley obteve uma vitória similar sobre ao Google diante da justiça francesa

A justiça alemã ordenou hoje ao Google que remova as imagens das brincadeiras sadomasoquistas do ex-patrão da Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Max Mosley, invocando a defesa da sua vida privada. 
As imagens foram inicialmente publicadas em 2008 pelo jornal inglês News of the World, mas podem ser ainda visionadas na Internet, “violando a intimidade do denunciante”, declarou a juíza Simone Käfer, do tribunal de grande instância de Hamburgo, no norte da Alemanha.
A 06 de novembro, Max Mosley obteve uma vitória similar sobre ao Google diante da justiça francesa. 

Na Alemanha, Max Mosley pediu ao Google que retirasse seis imagens extraídas de um vídeo divulgado em março de 2008 pelo jornal – que já não existe – News of the World. 

O vídeo mostra Max Mosley fingindo ser dominado por cinco prostitutas vestidas com fardas, algumas que poderiam invocar as fardas nazi e de prisioneiros dos campos de concentração. 

Mosley rejeitou qualquer conotação nazi e denunciou a violação da sua vida privada.
Foi pedida a sua demissão da FIA, o que acabou por não ocorrer e Max Mosley permaneceu no cargo até novembro de 2009. 

* Privacidade é um direito.

.

ALEXANDRA MACHADO

.






Para começar de vez com a cultura

Petições para não deixar morrer o Cinema Londres. Petições para o Estado português não vender os quadros de Miró. Concordo com isso tudo. Gostava que o Cinema Londres ainda existisse. Gostava que o King não tivesse fechado. Gostava de ver a exposição de Miró em Portugal. Também gostava que nos inquéritos sobre a cultura não se apontasse a falta de interesse como a principal razão para não se ir ao cinema, ou a um museu ou galeria ou ainda ao teatro, ao bailado, à opera.... Mas é isso que se passa.
No último Eurobarómetro, pergunta-se por que não iam os portugueses a um museu ou galeria no último ano. Resposta: 51% falta de interesse. A mesma pergunta para um bailado ou ópera. Resposta: 56% falta de interesse; E por que não foi ao teatro no último ano? 40% falta de interesse. E ao cinema? 35% por falta de interesse. Aqui, há uma nuance face às outras artes. É que, perto, 32% respondem que não vão ao cinema por uma questão de dinheiro, porque é caro. Só os concertos são também considerados caros, afastando pessoas.

Os números ganham uma dimensão mais preocupante se vistos à luz de outra pergunta. Quantas vezes foi, no último ano, ao cinema? 29%; Ao teatro? 13%; A um museu ou galeria? 17%; A um bailado ou opera? 8%; A um concerto? 19%.

São estes números que fecham o Londres ou o King e que continuarão a fechá-los. Apesar disso, conseguimos recordes na exposição na Ajuda da exposição de Joana Vasconcelos. Conseguimos recordes nas bilheteiras do filme "A Gaiola Dourada". Enchemos pavilhões para o Cirque du Soleil. Esgotamos concertos de Verão. A exposição Rubens, Brueghel, Lorrain, do Museu do Prado, já recebeu 20 mil visitantes. O que significam estes números? Afinal há interesse?

Gostava que se avaliasse, de forma séria, a falta de público no cinema, no teatro, nas artes performativas, nos concertos. E se esses eventos fossem promovidos? E se se falasse, de forma simples, sobre eles? E se tivessemos formação logo de pequeninos? A arte não pode ser para intelectuais. Não é.

Também gostava que quando se fala de arte não houvesse logo alguém a rebolar contra a primazia dada ao desporto, em particular ao futebol. Tudo pode conviver. Tudo tem de conviver. É verdade que há uma primazia do futebol. Injusta?

No domingo estiveram 62 mil pessoas no Estádio da Luz e o País ficou em suspenso à espera da confirmação de Cristiano Ronaldo como o melhor do mundo. Aqui já parece haver interesse. É um espectáculo de massas, como não são uma exposição e um teatro. E não são, porque não podem ou por que não se quer?

*Jornalista

IN "JORNAL DE NEGÓCIOS"
14/01/14


.
.



70.UNIÃO




EUROPEIA















.
.

HOJE NO
"A BOLA"

Corrida inédita vai unir 
35 países em simultâneo


Faltam precisamente 100 dias para o arranque da primeira edição da Wings for Life World Run, uma corrida inédita que irá mobilizar milhares de atletas, amadores e profissionais, oriundos de 35 países, unidos pelo objetivo de angariar fundos para a cura de lesões na espinal-medula.

Em Portugal, a partida está marcada para as 11 horas, na praia da Comporta, com a prova a decorrer em simultâneo nos quatro cantos do mundo. A tónica da corrida está no facto de não existir quilometragem nem uma meta definida, mas um carro meta que acompanhará os atletas.

A atleta Naide Gomes e o piloto Hélder Rodrigues fazem parte da lista de embaixadores da prova, que contará também com a participação de figuras de relevo do desporto mundial, casos de David Coulthard, antigo piloto de Fórmula 1, e Robby Naish, campeão de windsurf.

A iniciativa tem como principal missão angariar fundos para a Fundação Wings for Life, instituição dedicada à investigação científica para a descoberta da cura para as lesões na espinal-medula.
As inscrições para a corrida estão abertas até ao dia 20 de abril de 2014, no site oficial
www.wingsforlifeworldrun.com. 

* Vai ser uma bela corrida, inscreva-se.



.
.
NADA





.
.

 5 - CIENTISTAS E
APOCALIPSE



Este documentário maravilhoso apresentado há alguns anos pelo History Channel, banido de diversos provedores, possui uma pesquisa profunda para uma situação pós-catástrofe. O objetivo do vídeo não é criar pânico algum, mas levar à reflexão de situações que experimentamos sejam elas climáticas, espaciais, sísmicas entre outras. Se puder, mantenha-o nos seus arquivos.


.
.
HOJE NO
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS
DA MADEIRA"

Nenhum dos 485 professores da 
Madeira e Açores ficou colocado

O Ministério da Educação anunciou hoje que nenhum professor das regiões autónomas ficou colocado após três simulações de dados do concurso extraordinário de colocação de abril do ano passado, como determinou uma sentença judicial. "As simulações consistiram em realizar uma nova ordenação e colocação juntando os candidatos que concorreram ao Concurso de Vinculação Extraordinária realizado em abril com os candidatos das Regiões Autónomas", explica o Ministério da Educação e Ciência (MEC), num comunicado.

Em causa estavam 702 candidatos dos Açores e da Madeira que ficaram de fora daquele concurso, tendo os tribunais obrigado o MEC a criar um concurso extraordinário só para estes docentes, considerando ilegal a sua exclusão. O concurso ocorreu em novembro e, depois de recebidas e validadas as candidaturas e da publicação das listas provisórias de admissão e exclusão dos candidatos, o MEC faria uma "simulação informática que reconstitua a situação atual hipotética das candidaturas validadas face ao número de vagas existente à data de abertura do concurso externo extraordinário", segundo uma circular da Direção Geral da Administração Escolar (DGAE) a que a agência Lusa teve então acesso.

No comunicado divulgado hoje, o ministério diz que foram validadas 485 candidaturas e que após três simulações, nenhum professor das regiões autónomas ficou colocado. "O processo ficou assim concluído, sem que sejam integrados novos candidatos", refere o MEC.

* Mais desempregados.

.
.


 FERNANDO TORDO


1879





.
.
HOJE NO
"DIÁRIO ECONÓMICO"

Como os emergentes afundaram
 as bolsas mundiais

Sessão negra para as acções mundiais. Fragilidades dos mercados emergentes motivam fuga dos investidores.

Um ‘cocktail' explosivo impôs hoje fortes quedas nos mercados accionistas mundiais. Às dúvidas sobre o que fará a Reserva Federal (Fed) na reunião da próxima semana e aos sinais de desaceleração da economia chinesa, somou-se uma convulsão cambial nos mercados emergentes. 


O resultado foi o pior desempenho semanal desde 2012 nos principais índices accionistas norte-americanos e a depreciação para mínimos de Abril de 2009 de um cabaz que reúne 20 divisas de economias emergentes. E tudo aconteceu com muito nervosismo - a volatilidade medida pelo índice do ‘medo' em Nova Iorque (VIX) disparou quase 30% e o volume de negociação no S&P 500 foi superior em 52% à média das últimas 30 sessões.

Cerca de 940 mil milhões de dólares foram retirados dos mercados accionistas emergentes desde Maio do ano passado, altura em que o Fed sinalizou que o início do fim dos estímulos estaria para breve. A diminuição desses fluxos monetários afectou a confiança dos investidores nas economias emergentes por poder destapar o véu sobre alguns desequilíbrios estruturais que persistem nesses países. E essa desconfiança evoluiu nos últimos dias para um estado de aversão, sobretudo no mercado cambial: o peso argentino afundou 16%, a lira turca atingiu um mínimo histórico e o rand sul-africano sofreu a maior depreciação desde 2008 face ao dólar norte-americano.

Esse nervosismo congelou rapidamente o apetite dos investidores por acções, um activo que comporta sempre algum risco. No reverso da medalha da pressão vendedora, o iene e o franco suíço foram dois dos refúgios preferidos dos investidores. O movimento de fuga para a qualidade beneficiou ainda a onça de ouro, um abrigo tradicional nas tempestades financeiras que viveu a melhor semana em 16 meses. Toda esta agitação aconteceu à entrada de uma semana em que haverá reunião do Fed sobre definição de política monetária. O último encontro com Ben Bernanke à mesa está agendado para terça e quarta-feira.

* As guerras dos cifrões.

.
.


O TALENTO É INATO




.
.
HOJE NO
"CORREIO DA MANHÃ"

Criminalidade violenta: 
PSP detém 10 homens

 O Comando Metropolitando de Lisboa da PSP anunciou, esta sexta-feira, que deteve 10 homens com idades compreendiadas entre os 25 e os 33 anos, na quinta-feira, no âmbito de uma operação contra a criminalidade violenta.

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP anunciou, esta sexta-feira a detenção de 10 homens na quinta-feira, com idades entre os 25 e os 33 anos, no âmbito de uma operação de combate à criminalidade violenta.

Segundo um comunicado divulgado, as detenções ocorreram em vários concelhos da área metropolitana de Lisboa e foi o culminar de um processo-crime que decorria há cerca de 8 meses, em que se investigava crimes de tráfico de estupefacientes, roubo, recetação, ofensas à integridade física, detenção de arma proibida, extorsão e ameaça.

Na operação, coordenada pela Unidade Especial de Combate ao Crimes Especialmente Violento, foram ainda feitas 32 buscas, das quais 24 foram domiciliárias, e cumpridos oito mandados de detenção fora de flagrante delito.
Das buscas resultaram a apreensão de dois revólveres, uma arma de alarme, um bastão extensível, 544 gramas de produto suspeito de ser cocaína, suficiente para 5.440 doses, cerca de 700 munições e 4.550 euros em moeda falsa.

* As forças de polícia precisam de mais meios, a criminalidade violenta está em níveis elevados.


.
.


 1.TORRES


FANTÁSTICAS


 The Car Park Tower
 by Mozhao Studio Wins Hong Kong



O vencedor do concurso de design para a construção de uma torre de estacionamento de carros em Hong Kong foi o Estudio Mozhao, que apresentou um arranha-céus em espiral que também funciona como espaço público para consumidores.


Um dos típicos problemas  dos parques, em qualquer cidade, é a alta taxa de desocupação nos fins-de-semana e férias. 
A tentativa para solucionar este problema é a criação no andar de topo de uma área com vista para o Porto de Vitória e para a zona de Kowloon, com espaços para cafés e lojas sempre acessiveis.

O piso térreo pode ser transformado num mercado temporário nos fins-de-semana com a finalidade de atrair mais tráfico automóvel.


No que diz respeito ao design da torre de parqueamento, ela terá um mecanismo automático no qual um elevador de carros, em espiral, levará os veiculos do piso térreo até à área de estacionamento que atingirá os 80 metros.


.

.
HOJE NO
"O PRIMEIRO DE JANEIRO"

Hospital de São João vai formar médicos especializados
Estimulação Cerebral Profunda aplicada 
ao tratamento da doença de Parkinson 

 O Hospital de São João, no Porto, vai formar médicos na área da Estimulação Cerebral Profunda aplicada ao tratamento da doença de Parkinson, uma técnica usada em mais de 250 doentes da instituição nos últimos 12 anos. 

Quatro médicos brasileiros participam num primeiro curso, que vai decorrer na segunda e na terça-feira. “O Hospital de São João foi o primeiro centro do país a realizar a técnica de Estimulação Cerebral Profunda e, ao longo dos últimos 12 anos, só neste centro, mais de 250 doentes já beneficiaram desta terapia”, revela aquela unidade hospitalar, em comunicado enviado às redações. 


Com a formação promovida pelo Serviço de Neurocirurgia, “pela primeira vez um hospital português dá formação a médicos estrangeiros” sobre esta "técnica inovadora, que permite reduzir os sintomas associados a patologias” como a Doença de Parkinson, Distonia, Tremor Essencial ou Epilepsia”, acrescenta a nota de imprensa. “Neste primeiro curso vamos receber quatro médicos brasileiros de diferentes hospitais e, até ao final do ano, gostaríamos de promover mais sessões formativas nesta área para mais médicos de outras instituições”, esclareceu Rui Vaz, diretor do Serviço de Neurocirurgia daquele Hospital. 

 De acordo com o médico, “ao longo dos últimos 12 anos”, a prática clínica do Hospital de S. João “tem demonstrado que a estimulação cerebral profunda permite uma melhoria enorme da qualidade de vida das pessoas com doenças do movimento” “Por isso, orgulhamo-nos por contribuir na formação médica, para que doentes de outros países possam ter acesso à tecnologia mais avançada para o tratamento destas patologias altamente incapacitantes”, observou o clínico. 

A cirurgia de Estimulação Cerebral Profunda é realizada em Portugal desde 2002 e baseia-se numa tecnologia inovadora que “melhora a função motora e reduz a incapacidade dos pacientes que sofrem de bradicinésia, ou seja, de lentidão de movimentos e dificuldade em realizar esses mesmos movimentos devido a tremores e ‘prisão’ dos membros”, explica a nota de imprensa do Hospital de S. João. A cirurgia consiste “na colocação de um neuroestimulador que faz chegar estímulos elétricos aos núcleos profundos existentes em cada hemisfério cerebral”. 

Estas pequenas descargas elétricas “levam à modificação do funcionamento do núcleo, que vai provocar uma alteração nos circuitos cerebrais responsáveis pela regulação dos movimentos voluntários”. Estima-se que as disfunções do movimento afetem, na Europa, “aproximadamente 10 milhões de pessoas, e as mais comuns são a doença de Parkinson, Tremor Essencial e Distonia”. 

* Ciência portuguesa na vanguarda.

 .
.


SÓ ESTILO

EXÉRCITO TAILANDÊS





.
.



 TROCANDO PNEU





.
.
HOJE NO
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

Manifestantes convocam 
protestos contra o Mundial

O braço brasileiro do grupo Anonymous convocou pelas redes sociais uma manifestação contra o Mundial de Futebol, marcada para este sábado nas principais cidades do país. 

Na convocação, publicada no Facebook, o grupo informa que o intuito dos protestos é lutar contra a realização do Mundial no Brasil e "pelos interesses do povo", em busca de um país "mais justo e menos desigual".

A previsão é de que as manifestações ocorram no final da tarde, com concentração às 17h locais (20h de Lisboa).

Pela convocatória, o grupo aponta uma série das "grandes atrações" que os turistas poderão ver durante sua estada no Brasil, entre elas a precariedade dos serviços públicos e o alto índice de violência.

O grupo afirma ainda que não houve "mudança real no parâmetro político e social" após as promessas feitas pelo Governo de Dilma Rousseff diante das manifestações de junho.
No Rio de Janeiro, a concentração acontecerá em frente ao Copacabana Palace, na praia de Copacabana, enquanto em São Paulo os manifestantes reunir-se-ão em frente ao Museu de Arte (MASP).

Pela página do evento na internet, mais de 20 mil pessoas confirmaram presença.
Pelo Twitter, uma campanha semelhante, marca para as 19h locais (22h de Lisboa) de hoje, uma massiva publicação da 'hashtag' (palavra-chave) "#nãovaitercopa".

* Os megalómanos portugueses organizaram um "euro" e hoje temos estádios às moscas, municípios à rasca e não fomos campeões, os brasileiros manifestam a tomada de consciência contra o futebol, quando a fome ainda é muita.


.
..


14- NOIVAS


SOFISTICADAS
















.
.
HOJE NO
"RECORD"

Portugal cabeça-de-série 
no apuramento para o Euro'2016 
Seleção dentro do pote 1 para o sorteio

Portugal vai ser um dos 9 cabeças-de-série no sorteio dos grupos relativos à fase de qualificação para o Euro'2016. O alinhamento vai ser conhecido a 23 de fevereiro, em Nice, quando as 53 equipas ficarem divididas em 9 grupos: 8 de seis países e um de 5.

Por razões relacionadas com os direitos televisivos, Inglaterra, Alemanha, Itália, Espanha e Holanda vão ter de ficar num dos 8 grupos de 6 seleções. Assim sendo, sobram 3 grupos de 6 e um de 5 para Portugal.

Não existem restrições ao sorteio além do coeficiente e de, por razões políticas, o Azerbaijão não poder defrontar a Arménia, e a Espanha não poder jogar com Gibraltar, que se estreia numa qualificação e vai disputar os jogos em "casa" no Estádio do Algarve, em Portugal.

Pote 1: 
Espanha, Alemanha, Holanda, Itália, Inglaterra, Portugal, Grécia, Rússia e Bósnia.
Pote 2: 
Ucrânia, Croácia, Suécia, Dinamarca, Suíça, Bélgica, República Checa, Hungria e Irlanda.
Pote 3: 
Sérvia, Turquia, Eslovénia, Israel, Noruega, Eslováquia, Roménia, Áustria e Polónia.
Pote 4: 
Montenegro, Arménia, Escócia, Finlândia, Letónia, País de Gales, Bulgária, Estónia e Bielorrússia.
Pote 5: 
Islândia, Irlanda do Norte, Albânia, Lituânia, Moldávia, Macedónia, Azerbaijão, Geórgia e Chipre.
Pote 6: 
Luxemburgo, Cazaquistão, Liechtenstein, Ilhas Faroé, Malta, Andorra, São Marino e Gibraltar.


* Tanto pote para ainda mais tachos.


.
.
HOJE NO
"JORNAL DE NOTÍCIAS"

Mais de 340 mil refeições escolares
. desperdiçadas no 1.º período escolar

Mais de 340 mil refeições foram desperdiçadas entre setembro e dezembro do ano passado nos refeitórios concessionados das escolas do 2.º e 3.º ciclos e secundárias, onde foram servidas, no mesmo período, cerca de 12 milhões de refeições .

"Entre os alunos que encomendam a refeição no dia anterior e que solicitam a senha e que, na verdade, comparecem ao refeitório para comer, há uma diferença de quase 3%", disse Rui Lima, técnico superior da Direção-Geral da Educação, que, esta sexta-feira, foi orador nas Jornadas do Ambiente da associação ambientalista Quercus, que decorrem em Fátima.

Segundo dados que divulgou, nos quatro primeiros meses do ano letivo 2013/2014, nas escolas do 2.º e 3.º ciclos do ensino básico e nos estabelecimentos do ensino secundário, houve 343.559 refeições desperdiçadas em espaços concessionados.

"Estamos a trabalhar com as escolas onde o número de refeições desperdiçadas é maior, para superar esta situação", declarou o técnico do Ministério da Educação e Ciência.

Rui Lima salientou que "há escolas que trabalham no sentido" de as refeições desperdiçadas não irem para o lixo, mas salientou que, neste âmbito, se colocam questões de "higiene alimentar".

"Há orientações, por exemplo, dos serviços que tutelam essa questão, nomeadamente a ASAE [Autoridade de Segurança Alimentar e Económica], ao nível do transporte do alimento", referiu o responsável, que desde 1999 trabalha na promoção e educação para a saúde em meio escolar no Ministério da Educação.

Face ao desperdício nos refeitórios escolares, o responsável observou que "se tenta que os alunos carenciados tenham um reforço alimentar e tenham acesso a maior quantidade de alimento".
Sem dados, ainda, que possam estabelecer uma comparação com o eventual desperdício nos refeitórios escolares com gestão direta, Rui Lima considera que este problema se prende com vários fatores, defendendo a necessidade de os encarregados de educação monitorizarem o local onde almoçam os alunos.

"Normalmente, as escolas têm cartão eletrónico, pelo que os pais conseguem aceder aos consumos alimentares dos filhos", apontou, realçando que "os alunos comem pior nos estabelecimentos de restauração e bebidas", muitos dos quais se situam nas imediações dos estabelecimentos de ensino.
Sobre a qualidade das refeições fornecidas por empresas nas escolas, Rui Lima adiantou que nem as empresas nem a tutela podem atuar se não houver queixas.

"Não posso dizer que os refeitórios concessionados não têm qualidade. O que posso dizer é que há refeitórios em que os cozinheiros são bons e outros em que são menos bons", afirmou.

O responsável sustentou que "há casos em que a única refeição decente que muitos alunos têm é a que fazem na escola e não em casa", acrescentando, a este propósito, "a pressão para abrir os refeitórios das escolas do 1.º ciclo para as crianças poderem comer nas paragens letivas".

As jornadas da Quercus - Associação Nacional de Conservação da Natureza debatem, ao longo do dia de hoje, a alimentação sustentável nas escolas.

* Desperdiçar comida num país com fome é obra.

.
.


NIPÓNICOS

































.