sábado, 6 de agosto de 2011

- UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA



O Casal Perfeito

Era uma vez um homem perfeito que conheceu uma mulher perfeita.

Namoraram e um dia casaram-se. Formavam um casal perfeito.

Numa noite de Natal, ia o casal perfeito por uma estrada deserta,
quando viram alguém a pedir ajuda na berma.

Como eram pessoas perfeitas, pararam para ajudar.

Essa pessoa era nada mais nada menos do que Pai Natal, cujo trenó
tinha avariado.

Não querendo deixar milhões de crianças decepcionadas, o casal
perfeito ofereceu-se para ajudá-lo a distribuir os presentes.

O bom velhinho entrou no carro e lá foram eles. Infelizmente o carro
envolveu-se num acidente e somente um dos três ocupantes sobreviveu.

Pergunta:

Quem foi o sobrevivente do trágico acidente?

A mulher perfeita, o homem perfeito ou o Pai Natal?


(a resposta está mais abaixo)














Resposta:


A mulher perfeita sobreviveu.
Na verdade, ela era a única personagem real dessa história. Toda a
gente sabe que o Pai Natal e o homem perfeito não existem.

(Se você é mulher, pode fechar a mensagem, a piada acaba aqui)



(Homens podem continuar lendo abaixo)







Agora, se nem o Pai Natal nem o homem perfeito existem,
é claro que quem conduzia era a mulher, o que explica o acidente.

enviado por MARTINS

.


HOJE NO
" SOL"
Vodafone exige € 30 mil por dívidas 
do gabinete de ex-governante
A Vodafone reclama a este Governo o pagamento de dívidas de €30 mil do anterior Executivo e ameaça com uma acção judicial. A exigência consta de uma carta enviada à Presidência do Conselho de Ministros, datada de 18 de Julho, e a factura diz respeito à anterior Secretaria de Estado da Juventude e Desporto, chefiada por Laurentino Dias.
Contactado pelo SOL, o ex-governante manifesta surpresa com a carta da Vodafone, pois terá havido acordo em 4 de Março para reduzir a dívida a metade.
«Que fique claro que isto não tem nada a ver com o meu telemóvel», acrescenta.
A dívida terá origem numa troca de operadora, quando o Governo PS mudou da Vodafone para a TMN, mas os antigos telemóveis, em vez de desactivados, foram entregues a funcionários. E as contas foram-se acumulando.
Laurentino diz que após o conflito com a Vodafone «houve bloqueio de facturas», mas a responsabilidade do problema não lhe caberia a ele mas à presidência do Conselho de Ministros.
O certo é que a conta não foi paga e a Vodafone exige mesmo hoje os €30.507,80.


* Pelo desporto fez pouco, mas lá que falava, falava....

.

MANUELA MOURA GUEDES


Nós, os cubanos

Alberto João Jardim há muito que devia ter sido posto na ordem. Entre a palhaçada que não se leva sério e os insultos que provocam indignação ocasional, Jardim sente--se impune e está mesmo. O seu comportamento é como o das crianças que vão testando os pais para ver até onde podem ir. É costume terem um limite.
Jardim não tem. Mais uma vez, declarou a independência da Madeira dizendo que as receitas do Imposto Extraordinário cobradas por lá são para lá ficarem. Qual solidariedade! Isso aplica-se ao continente. Os "cubanos" que suportem o peso do isolamento da ilha e a gestão cara de favores políticos. Assim se mantém o povo manso e obediente e Jardim no poder. Com eleições regionais em Outubro, a Madeira é um teste para Passos Coelho. Ou diz basta e porta-se como um PM que prometeu a mudança a bem do País, ou cede à chantagem, a bem da vitória local do PSD. Mas será uma vitória de pirro. Jardim é uma espécie de Fidel à madeirense e a sua lealdade será sempre na exacta medida do que conseguir explorar aos "cubanos". Já chega!

IN "CORREIO DA MANHÃ"
05/08/11

.

PORQUE NÃO NÓS?





.

PEDRO JÓIA



.
ABSOLUTAMENTE INSUSPEITA

               FALANDO DOS HOMENS 

 

... Minha Amiga, se Você acha que Homem dá muito trabalho, case-se com uma Mulher e aí Você vai ver o que é Mau Humor !
O modo de vida, os novos costumes e o desrespeito à natureza tem afectado a sobrevivência de vários seres e entre os mais ameaçados está o macho da espécie humana.
Tive apenas 1 exemplar em casa, que mantive com muito zelo e dedicação num casamento que durou 56 anos de muito amor e companheirismo, (1952-2008) mas, na verdade, acredito que era ele quem também me mantinha firme no relacionamento.
Portanto,  por uma questão de auto-sobrevivência, lanço a campanha 'Salvem os Homens!'
Tomem aqui os meus poucos conhecimentos em fisiologia da masculinidade a fim de se preservar os raros e preciosos exemplares que ainda restam.



1. Habitat
Homem não pode ser mantido em cativeiro.
Se for engaiolado, fugirá ou morrerá por dentro.
Não há corrente que os prenda e os que se submetem à jaula perdem o seu DNA.
Você jamais terá a posse ou a propriedade de um homem, o que vai prendê-lo a você é uma linha frágil que precisa ser reforçada, diariamente, com dedicação, atenção, carinho e amor.

2. Alimentação correcta
Ninguém vive de vento.
Homem vive de carinho, comida e bebida.
Dê-lhe em abundância.
É coisa de homem, sim, e se ele não receber de você vai pegar de outra. Beijos matinais e um 'eu te amo' no café da manhã os mantém viçosos , felizes e realizados durante todo o dia.
Um abraço diário é como a água para as samambaias.
Não o deixe desidratar.
Pelo menos uma vez por mês é necessário, senão obrigatório, servir um prato especial.
Portanto, não se faça de dondoca preguiçosa e fresca.
Homem não gosta disso.
Ele precisa de companheira autêntica, forte e resolutiva.

 3. Carinho
Também faz parte de seu cardápio - homem mal tratado fica vulnerável a rapidamente interessar-se na rua por quem o trata melhor.
Se você quer ter a fidelidade e dedicação de um companheiro completo, trate-o muito bem, caso contrário outra o fará e você só saberá quando não houver mais volta.

4. Respeite a natureza
Você não suporta trabalho em casa? Cerveja ? Futebol? Pescaria? Amigos? Liberdade?  Carros?
Case-se com uma Mulher.
Homens são folgados.
Desarrumam tudo.
São durões.
Não gostam de telefones.
Odeiam discutir a relação.
Odeiam shoppings.
Enfim, se quiser viver com um homem, prepare-se para isso.

5. Não anule sua origem
O homem sempre foi o macho provedor da família, portanto é típico valorizar negócios, trabalho, dinheiro, finanças, investimentos, empreendimentos. Entenda tudo isso e apoie.

6. Cérebro masculino não é um mito
Por insegurança, a maioria dos homens prefere não acreditar na existência do cérebro feminino.
Por isso, procuram aquelas que fingem não possuí-lo (e algumas realmente não possuem! Também, 7 bilhões de neurônios a menos).
Então, aguente mais essa: mulher sem cérebro não é mulher, mas um mero objecto de decoração.
Se você se cansou de colecionar amigos gays e homossexuais delicados, tente se relacionar com um homem de verdade .
Alguns vão-lhe mostrar que têm mais massa cinzenta do que você.
Não fuja desses, aprenda com eles e cresça.
E não se preocupe, ao contrário do que ocorre com as mulheres, a inteligência não funciona como repelente para os homens.
Não faça sombra sobre ele...
Se você quiser ser uma grande mulher tenha um grande homem ao seu lado, nunca atrás.
Assim, quando ele brilhar, você vai pegar um bronzeado.
Porém, se ele estiver atrás, você vai levar um pé-na-bunda.
Aceite: homens também têm luz própria e não dependem de nós para brilhar.
A mulher  sábia alimenta os potenciais do parceiro e os utiliza para motivar os próprios.
Ela sabe que, preservando e cultivando o seu homem, estará salvando a si mesma.
E, Minha Amiga, se Você acha que Homem dá muito trabalho, case-se com uma Mulher e aí Você vai ver o que é Mau Humor!
Só tem homem bom quem sabe fazê-lo ser bom!
Eu fiz a minha parte, por isso meu casamento foi muito bom e consegui fazer o Fernando muito feliz até o último momento de um enfisema que o levou de mim.
Eu fui uma grande mulher ao lado dele, sempre.


Biografia
Iniciou sua carreira no ano de 1950, na peça "Alegres Canções nas Montanhas", ao lado daquele que seria seu marido por toda a vida, Fernando Torres (actor).
Sua estreia em cinema se dá na produção de 1964 para a Tragédia Carioca de Nelson Rodrigues, A Falecida, sob direção de Leon Hirszman.
 

Além de ter sido cinco vezes contemplada com o Prêmio Molière, ter recebido três vezes o Prêmio Governador do Estado de São Paulo e de inúmeros outros prêmios em teatro e cinema, ganhou ainda o Urso de Prata de melhor actriz e concorreu ao Óscar de melhor actriz em 1999 e ao Globo de Ouro de Melhor actriz em filme dramático [1]pelo filme Central do Brasil de Walter Salles. Recebeu também vários prêmios da crítica americana, no mesmo ano (Los Angeles Film Critics Award, National Board of Review Award).
Em televisão participou em centenas de teleteatros na extinta TV Tupi, que na direção revezavam-se Fernando Torres (actor), Sérgio Brittoe Flávio Rangel. , telenovelas na extinta TV Excelsior e na TV Rio e na Rede Record e dezenas de produções na Rede Globo.
Tem dois filhos: a actriz Fernanda Torres e o director Cláudio Torres, um dos sócios da Conspiração Filmes, produtora de publicidade e cinema.
Torres é seu sobrenome de casada, apesar de ser viúva. Quando solteira possuía Silva, ao invés de Torres.
3 – Imaginária é a ponte entre 
hoje e amanhã
 

 
3 – ARTE URBANA
.

HORA DE PONTA HOLANDESA




BOM DIA



.