segunda-feira, 14 de março de 2011

- UMA GRAÇA PARA O FIM DO DIA

Chefe é chefe!
 
Não leia a resposta antes de pensar... 
é muito boa.
Um guarda-noturno trabalhava numa empresa especializada em lapidação de diamantes.

Uma manhã ele contou a seu chefe um sonho que tivera na noite anterior.
Disse que o avião que ele viajaria com destino à Rússia sofreria um acidente e, em conseqüência, todos os passageiros morreriam.
Seu chefe, jovem executivo, dinâmico e empreendedor, tinha verdadeiro pânico de aviões.

Assustado com a informação do empregado, decidiu cancelar o vôo.

Três dias mais tarde, leu nas manchetes dos principais jornais que aquele avião   caíra no mar e, até o momento, não havia notícias de sobreviventes...!
Imediatamente chamou o guarda-nocturno, mostrou a notícia do jornal, agradeceu efusivamente pelo aviso que lhe salvara a vida e, a seguir, sem nenhuma explicação, despediu-o da companhia.
O guarda não compreendeu porque tinha sido despedido depois de salvar a vida do seu chefe.
Pergunta:
- Por que o guarda foi mandado embora?
Não leia a resposta abaixo...
Pense um pouco...
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
.
Resposta:

 
O empregado era guarda-noturno. Se ele teve um sonho à noite e contou logo pela manhã, é porque estava dormindo em serviço...!
Conclusão:
Chefe é chefe... Por melhor que você seja e por mais que você faça, você nunca agrada.

Então,
DEIXE O CHEFE MORRER...
A CORAGEM DE RECUSAR UM ÓSCAR 


video

" - OH LUÍS ALBERTO"

MICHAEL PAWLIN. Usando o gênio da natureza na arquitetura.




Como os arquitetos podem construir um mundo novo de beleza sustentável? Através do aprendizado com a natureza. No TEDSalon em Londres, Michael Pawlyn descreve três hábitos da natureza que podem transformar radicalmente a eficiência dos recursos da arquitetura e da sociedade, circuítos fechados, e obtenção de energia solar.

NR: Clique em subtitles e escolha a legendagem que mais lhe aprouver

ALMORRÓIDA RODOVIÁRIA



Camionistas invadem IC2 perto de Leiria


Dezenas de camionistas ocuparam o IC2 em Barracão, a cerca de 15 quilómetros de Leiria, obrigando os outros condutores de camiões a parar. A situação gerou 
momentos de tensão, com empurrões entre 
os militares da GNR e os manifestantes por causa 
de os militares terem levado um camionista.


A decisão dos camionistas seguiu-se à ordem dada por militares da Guarda Nacional Republicana (GNR) para que os que as viaturas estacionadas nas bermas da estrada começassem a circular.

Antes da ocupação do IC2, e quando os camionistas ameaçavam endurecer o protesto face à ordem da GNR, o comandante distrital da Guarda, Lourenço Lopes, dizia à Lusa que os militares não iriam permitir “às pessoas de incorrerem em ilícitos, nomeadamente de natureza criminal, que põem em causa o exercício dos direitos, liberdades, de garantias, da maior parte dos cidadãos, nomeadamente a livre circulação rodoviária”.

Entretanto, os responsáveis das empresas de transporte de mercadorias e os camionistas que se encontram parados numa rotunda do Carregado dizem estar dispostos a prolongar a paralisação noite dentro, “até que as associações que representam o sector o queiram”, afirmou Ricardo Lobato, do piquete de paralisação.

A greve iniciou-se à meia-noite com uma fraca adesão nos principais pontos de saída no país, mas à medida que as horas foram passando aumentou o número de camiões parados e registaram-se vários incidentes.

Durante a madrugada, a GNR registou vários apedrejamentos contra veículos pesados de mercadorias e autocarros que circulavam nas auto-estradas, mas, de manhã, a circulação já se processava com normalidade em todo o país.

O Governo e as associações representativas das empresas de transportes de mercadorias ainda reuniram durante a madrugada durante mais de seis horas, mas a reunião terminou sem consenso quanto à redução do preço dos combustíveis reivindicada pelas associações, devido às “actuais directivas europeias”, justificou o ministro dos Transportes, António Mendonça.

Apesar de um acordo quanto à revisão da legislação laboral aplicável ao sector e relativamente à redução dos preços das portagens nas SCUT, a paralisação agendada avançou.

Aparalisação foi convocada pela Associação de Transportadores de Terras, Inertes, Madeiras e Afins (ATTIMA) e pela Associação Nacional das Transportadoras Portuguesas (ANTP), e recebeu a solidariedade da Associação Nacional de Transportes Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM), que, embora não a tenha convocado, apelou depois aos associados que evitassem circular com as suas viaturas nas estradas de todo o país.

IN "PÚBLICO"
14/03/11

Daniel Craig »» James Bond filmando p/o 

 Dia Internacional da Mulher 2011



MANUEL CATARINO




Cavalheiros 
      acima da lei

A lei obriga – e muito bem! – os gestores de empresas com capitais públicos a entregarem no Tribunal Constitucional a declaração de rendimentos. A REN, monopolista das redes de gás e de electricidade, integra na sua estrutura accionista vários grupos privados. Ainda assim, mais de metade do capital (51,1 por cento) ainda é do Estado.

Todos os administradores, até os nomeados em representação dos privados, estão obrigados a entregar a declaração de rendimentos – mas uns tantos cavalheiros, gente distinta, têm o descaramento de se julgar acima da lei: acham que ninguém tem nada que saber quanto é que ganham – e recusam-se a entregar a declaração que o Tribunal Constitucional lhes exige.

Os nomes de dois destes senhores, Filipe de Botton e Manuel Champalimaud, são do mais fino que há na selecta Quinta da Marinha. Outro, Gonçalo Oliveira, é de mais plebeia origem – mas já pertence por direito próprio à velha aristocracia financeira. O quarto é espanhol, Atienza Sierna, que devia saber respeitar os usos e costumes de quem tão generosamente o acolhe e o alimenta.

A nenhum deles, enfim, ficaria mal que cumprissem com o que manda a lei. Mas estes senhores têm um problema que, muito provavelmente, lhes vem do berço: evitam sentar-se à mesa com quem lhes paga – que somos todos nós. 


 SUBDIRECTOR

IN "CORREIO DA MANHÃ"
11/03/11

4 - CRIANÇA, A ALMA DO NEGÓCIO

MARIA DOLORES PRADERA

4 - PÔR DO SOL


AMOR DE MÃE



































No rio....





em África ....






na India ....




No oceano ....




No Lidl ....

enviado por A. DIAS

UMA LINHA GABAROLA

video

TENHA UM BOM DIA....


... não esqueça, 
      andam a querer aldrabá-lo


COMPRE JORNAIS

já é....
FCP:Incentivo especial: poder ser campeão na Luz
Com o empate a um golo conquistado pelo Portimonense no Estádio da Luz, ontem, o Benfica está em risco, se os dragões vencerem hoje à noite em Leiria, de ficar a 13 pontos do líder e, para mais, se nenhum dos dois primeiros perder pontos na próxima ronda, os dragões estão agora em posição de festejar o título de campeão se vencerem na Luz, daqui a duas jornadas. Se nessa ronda a distância pontual entre dragões e águias aumentar para 16 pontos, os portistas podem festejar, pois restarão cinco jogo, quinze pontos, até final da prova.
"A BOLA"

que importa a saúde, 
       é uma fonte de receita.....
Fumo do tabaco agrava risco de morte dos fetos
As grávidas expostas ao fumo do tabaco, no trabalho ou em casa, vêem aumentado o risco de ter um nado-morto em 23 por cento dos casos e de ter uma criança com problemas congénitos em 13 por cento dos casos, revela uma investigação da Universidade de Nottingham (Inglaterra). Para chegar a esta conclusão, os investigadores britânicos avaliaram 19 estudos prévios feitos em vários pontos do Mundo, como Europa, América do Norte e do Sul e Ásia. Todos os estudos envolveram grávidas não fumadoras mas que estavam expostas ao fumo passivo do marido ou companheiro ou dos colegas de trabalho. Revelam ainda que o risco aumenta quando a exposição diária ao fumo é superior a 10 cigarros. Os investigadores alertam para os casais pararem de fumar quando vão ter um filho.
"CORREIO DA MANHÃ"

os ministros poluem mais...
Carros mais poluentes vão ser 
(ainda) mais penalizados 
O Governo pretende rever o Imposto sobre Veículos (ISV), nomeadamente no que respeita aos "veículos mais caros e poluentes", O Governo pretende rever o Imposto sobre Veículos (ISV), nomeadamente no que respeita aos "veículos mais caros e poluentes", disse ao Negócios fonte oficial do Ministério das Finanças. A justificação, avança a mesma fonte, passa pelo facto de "ser excessivo o volume das importações" num contexto de significativo "endividamento das famílias e empresas".
"JORNAL DE NEGÓCIOS"

 os barões são assim....
Suspensão da FIFA pode custar 
mais de 40 milhões de euros
O futebol português pode perder mais de 40 milhões de euros caso o impasse na aprovação dos estatutos da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) resulte na suspensão de seleções e clubes portugueses nas provas internacionais. Este é o valor aproximado que o futebol português perderia na próxima temporada caso uma suspensão internacional impedisse os clubes participarem nas competições europeias e a seleção de se apurar para o Euro2012. Sem contar com receitas de publicidade, bilheteira e transmissões televisivas, os clubes portugueses já arrecadaram em 2010/2011 mais de 23,5 milhões de euros nas competições europeias, só em prémios de participação e de resultados na Liga dos Campeões e Liga Europa. Apesar de já afastados da milionária "Champions", Benfica e Sporting de Braga continuam a faturar na segunda prova europeia, tal como o FC Porto, pois este trio mantém-se na corrida aos quartos de final. Sporting de Braga e Benfica ficaram-se pela fase de grupos da Liga dos Campeões, mas só os minhotos arrecadaram 11,6 milhões, números superiores aos somados pelos campeões portugueses, que na "Champions" embolsaram 8,7 milhões. Embora os valores sejam incomparavelmente inferiores à Liga dos Campeões, os atuais 23,5 milhões auferidos pelos emblemas nacionais podem ainda "engordar" caso Benfica, Sporting de Braga e FC Porto continuem em prova na Liga Europa (que premeia o campeão com três milhões de euros e o finalista com dois). Repescando os valores auferidos pela seleção portuguesa na última edição do Europeu, em 2008 (11,5 milhões de euros só em prémios de presença e de resultados), o futebol português hipotecaria esta temporada uma verba a rondar os 35 milhões caso a FIFA avançasse pela suspensão.
"i"

a paralisação é das transportadoras, 
                                 não dos camionistas
Paralisação de camionistas não afecta trânsito
A GNR registou vários apedrejamentos hoje de madrugada contra veículos pesados de mercadorias e de passageiros (autocarros) que circulavam nas auto-estradas, mas desde a manhã que não há qualquer incidente e a circulação processava-se com normalidade em todo o país. Há vários pontos de concentração de camionistas no país, na sequência da greve por tempo indeterminado decretada desde a meia-noite de hoje por várias associações de transportadores rodoviários, mas sem que estivesse a ser impedida a circulação em qualquer deles, segundo disse ao PÚBLICO o porta-voz da GNR, tenente-coronel Costa Lima. Os incidentes da madrugada provocaram ferimentos ligeiros numa criança, quando um autocarro de passageiros foi atingido por uma pedra, na A23, perto de Torres Novas. A criança foi hospitalizada. Há também notícia de apedrejamentos na A1, A2, A17 e IC2, sempre a pesados de mercadorias ou passageiros em circulação, mas a GNR não informou dos respectivos locais, mas sem registo de feridos. “O trânsito processa-se com a normalidade de uma segunda-feira de manhã de regresso ao trabalho”, disse Costa Lima ao PÚBLICO. Há notícia de concentrações de camionistas no Carregado (junto à A1, próximo de Lisboa) e na Estrada Nacional (EN) 13, próximo do cruzamento das Guardeiras.
"PÚBLICO"

o fundo roto
Pedro Baltazar desafia 
Godinho Lopes sobre fundo
Pedro Baltazar desafiou, esta segunda-feira, Godinho Lopes a assumir que arranja os 15 milhões de euros para o fundo já aprovado pelos atuais órgãos sociais, caso não haja subscritores. "Desafio Godinho Lopes, que diz ter dinheiro disponível para o Sporting, a garantir aos sócios que consegue colocar o fundo já aprovado pelo clube no valor de 15 milhões e que investe nele se não houver subscritores", disse à Lusa. Pela sua parte, Pedro Baltazar diz comprometer-se perante os sportinguistas "a colocar num espaço de poucas semanas esse fundo", sendo que, no caso de não haver subscritores, assume ele próprio "a subscrição dos 15 milhões de euros que se destinam a fazer face às necessidades urgentes de tesouraria". Este fundo de 15 milhões de euros do Banco Espírito Santo, que foi negociado pela direção cessante e já aprovado pela Comissão de Mercado dos Valores Mobiliários (CMVM), está pronto a ser ativado, devendo entrar em funcionamento 90 dias a contar desde 19 de janeiro do corrente ano. Pedro Baltazar questiona ainda Godinho Lopes acerca da remuneração dos futuros membros dos órgãos sociais, lembrando que na sua lista "ninguém será remunerado, nem direta nem indiretamente, a não ser em vitórias desportivas". 
"RECORD"

 vítimas dos políticos irresponsáveis
SOS com mais chamadas por problemas económicos
Número de chamadas relacionadas com dificuldades económicas estão a aumentar, segundo os responsáveis desta linha de apoio.
Há pessoas que ligam para a linha SOS Voz Amiga porque já não sabem o que fazer para conseguir sustentar a família. Outros contactam os voluntários porque, perante o desespero e a solidão, ponderam seriamente suicidar-se.
"DIÁRIO DE NOTÍCIAS"

quantas são as que não entregam???
Mil entidades públicas 
entregam planos anti-corrupção
CPC vai recomendar ao Governo medidas de combate à corrupção no fisco e por titulares de cargos públicos.
Quase mil entidades públicas (organismos da administração central, institutos públicos, empresas públicas, câmaras municipais e algumas juntas de freguesia) elaboraram planos de prevenção da corrupção e infracções conexas. O objectivo destes planos é identificar as áreas sensíveis à corrupção e encontrar formas de a prevenir. Daquelas, apenas dez foram obrigadas a rever os planos originais e 50 entidades já produziram mesmo relatórios de execução.
O regime de incompatibilidades de titulares de cargos públicos e os riscos de corrupção na área fiscal e aduaneira são as questões que mais estão a preocupar o Conselho de Prevenção da Corrupção (CPC). Situações que vão levar o CPC a pedir ao Governo que tome medidas legislativas de carácter preventivo. "O Conselho poderá emitir em breve recomendações específicas e os casos de acumulação de funções e de conflito de interesses exigirão novas iniciativas", referiu José Tavares, secretário geral do CPC.
Números e alertas divulgados ao Diário Económico e que constam do primeiro relatório de actividades daquela entidade, liderada pelo presidente do Tribunal de Contas, Guilherme d'Oliveira Martins, que vai ser remetido à Assembleia da República.
Segundo o secretário geral do CPC, o Ministério Público está a remeter àquela entidade, em média, 10 processos de corrupção por mês. O conhecimento das práticas de corrupção a partir destes processos tem constituído aliás um contributo importante para a avaliação e revisão dos planos anticorrupção. Apesar de "se tratar essencialmente de pequena corrupção", como confessou o responsável.
"DIÁRIO ECONÓMICO"

haverá quem possa exigir???
Vitivinicultores exigem benefício
Os vitivinicultores do Douro exigiram ontem, no Peso da Régua, o aumento do benefício para a vindima 2011 e a venda do vinho a preços que cubram os 'constantes aumentos', dos custos de produção. Cerca de 200 lavradores juntaram-se num encontro promovido pela Associação dos Vitivinicultores Independentes do Douro para aprovar o «Manifesto aos Durienses».
"PRIMEIRO DE JANEIRO"

somos um quintal mal gerido
Futuro mapa autárquico pode ter 
menos mil freguesias
Governo não exclui a hipótese de vir também a extinguir municípios ou a relocalizar outros
Arranca amanhã, terça-feira, o debate público em torno da redução do número de freguesias em Lisboa, de 53 para 24, quando são já vários os municípios disponíveis para rever o mapa autárquico. O Governo aproveita a "embalagem" lançando, para já, sete debates até ao Verão.
Dezasseis de Abril, na Universidade do Minho. É esta a data e o local marcado pelo Governo para dar o toque de partida do debate que servirá de base ao futuro regime legal de criação, fusão e extinção de freguesias e a uma reforma administrativa que vinha há muito sendo adiada e que António Costa, presidente da Câmara de Lisboa, tentou, em 2005, enquanto ministro da Administração Interna.
"JORNAL DE NOTÍCIAS"

3 - GUIA DOS CURIOSOS

CLIQUE NAS PÁGINAS PARA LER BEM

8 - AS PAREDES DO PREC


12 - NÓS E OS ANIMAIS

8 - ESTÁ À VENDA MAS ONDE???


9 -DEZ GRANDES IDEIAS

JORNAIS DE HOJE


COMPRE JORNAIS 



BOM DIA